Marido de Larissa Riquelme é condenado a 14 anos de prisão por abuso sexual de uma criança
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Marido de Larissa Riquelme é condenado a 14 anos de prisão por abuso sexual de uma criança

Jonathan Fabbro - meia
Fabbro esteve no Galo em 2006 e disputou apenas quatro partidas pelo alvinegro-(Divulgação)
Valinor Conteúdo -
Belo Horizonte
O ex-jogador do Atlético-MG e marido da modelo Larissa Riquelme, Jonathan Fabbro, argentino naturalizado paraguaio, foi condenado a 14 anos de prisão por abusar sexualmente de sua sobrinha e afilhada, de 13 anos, durante seis anos.

Fabbro foi julgado e condenado por abusar da menor "com conjunção carnal" e "duplamente agravado pelo vínculo".

Durante o julgamento foram apresentadas provas contra o atleta, que eram consideradas muito fortes, como mensagens de celular e outras ações do jogador contra a menina. A informação foi divulgada pelo jornal argentino El Clarín, que publicou uma das mensagens do jogador pedindo para a menina enviar fotos a ele.


E MAIS:
O advogado de Fabbro, Federico Albano, disse que as provas não foram conclusivas e pediu a absolvição do jogador.
--Pedimos a absolvição, porque entendemos que as provas não foram conclusivas e nem determinantes disse.

Jonathan Fabbro estava preso desde maio de 2018, ao ser extraditado do México, onde atuava no Jaguares Chiapas-MEX para a Argentina. Existe outra acusação contra Fabbro, esta no Paraguai, O jogador teria abusado de uma criança da família de Larissa Riquelme. .

Fabbro tem passagens por Boca Juniors-ARG, River Plate-ARG e Cerro Porteño-PAR, além da seleção paraguaia




E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance