Geuvânio espera Galo organizado nos 90 minutos diante do Fogão
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Geuvânio espera Galo organizado nos 90 minutos diante do Fogão

Geuvanio
Geuvânio pede que o Galo seja organizado durante os 90 minutos de jogo- (Bruno Cantini / Atlético)
Valinor Conteúdo - 07/09/2019 - 18:30
Belo Horizonte
A três últimas partidas do Galo no Brasileiro foram com derrotas, mesmo time tendo uma boa performance em campo. Parte da “culpa” pelos maus resultados foram pequenas falhas em momentos estratégicos do jogo, que poderiam ter sido evitados, se houvesse um nível de organização maior, principalmente na parte final dos jogos.

Por isso que a cobrança em cima do tim é manter a organização da equipe durante os 90 minutos. Essa é, de acordo com o atacante Geuvânio, a receita para que o Atlético possa vencer o Botafogo, neste domingo. 8 de setembro, no Rio de Janeiro. O confronto será válido pela 18ª rodada do Brasileirão, a penúltima do primeiro turno.

-A gente tem que se manter organizado, não podemos perder a organização fora de casa, isso é importante. O mandante sempre propõe o jogo, dentro da casa deles, mas, em certos momentos da partida, eles deixam alguns espaços e isso nos dá a possibilidade de poder atacar e fazer o gol- disse o camisa 49.





E MAIS:
Geuvânio tem razão, pois em dois, dos três jogos da equipe, contra Athletico-PR e Bahia, o gol do adversário saiu no primeiro tempo, o que dificulta a estratégia inicial de jogo e obriga a mudar o que foi treinado para buscar uma reação na partida.

Diante do Corinthians, uma falha no fim do segundo tempo, evitou que a equipe pelo menos conseguisse um ponto fora de casa. Esses vacilos que geram o pedido do meia Geuvânio para o time se manter atento e organizado.


-O segredo é se manter organizado e esperar o erro do adversário para poder fazer um gol e sair com a vitória- completou Geuvânio, que será mais um vez opção de banco para Rodrigo Santana.


E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance