Apesar da sequência ruim no Brasileiro, Galo exalta volume de jogo
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Apesar da sequência ruim no Brasileiro, Galo exalta volume de jogo

Corinthians x Atlético-MG - Comemoração
Na última rodada, o Galo foi derrotado pelo Timão, emendando uma sequência de três jogos sem vitória- (Foto: EDUARDO CARMIM/PHOTO PREMIUM)
Valinor Conteúdo - 07/09/2019 - 18:09
Belo Horizonte
O Atlético-MG perdeu os três últimos jogos no Campeonato Brasileiro, para Athletico-PR, Bahia e Corinthians, e ainda assim não ficou totalmente insatisfeito com os maus resultados.

A explicação para um quase contentamento é a performance dentro de campo, que agradou o técnico Rodrigo Santana, que demonstrou até tranquilidade, pois na sua visão a equipe não está mal tecnicamente dentro de campo.

-A gente vinha de oito jogos sem perder e de quatro jogos sem tomar gol. A gente entrou num momento importante na Sul-Americana. Nos últimos sete jogos, a gente vem de quatro vitórias e três derrotas. E intercalando vitória, derrota, vitória, derrota. Só que muita gente fica: ‘olha, três derrotas, três derrotas’. Sendo que a gente foi com time misto para jogar em Curitiba contra o Athletico-PR, uma grande equipe. Jogamos aqui com equipe alternativa e acredito que fomos superiores ao Bahia, mas infelizmente não conseguimos fazer o gol. Um jogo em que fomos muito iguais ao Corinthians, na casa deles, infelizmente no finalzinho acabamos cedendo e tomando o gol- explicou o treinador, que em seguida enfatizou sua calma com as derrotas, pois sabe que a equipe poderá produzir placares melhores no futuro.


E MAIS:
-Se a gente estivesse mal, não estivesse criando, estaria muito preocupado. Temos que manter a convicção que, dentro dessas três derrotas, tivemos uma classificação com dois jogos difíceis contra La Equidad (na Copa Sul-Americana). Precisamos de tranquilidade para seguir trabalhando, pois não serão fáceis os jogos contra Botafogo e Inter. Precisamos ter muita consciência de que o trabalho está sendo feito e os resultados vão voltar a chegar no Brasileirão. Não estamos abrindo mão do Brasileirão. Queremos somar pontos no Rio de Janeiro para voltar fortes e receber o Internacional- disse.

Todavia, o treinador contou que o elenco não está satisfeito com os resultados e isso é a prova de que irão reagir no Brasileiro.

-É a convicção que a gente tem. Embora a gente perca, sentimos muito a derrota. Isso que nos dá força para trabalhar. Não é um grupo que, quando perde, está tranquilo, dando risada. A gente sente. Mesmo produzindo e às vezes criando mais que o adversário, a gente vem de três derrotas nos três últimos jogos (no Brasileiro). Praticamente demos o prêmio de melhor em campo ao goleiro adversário. A equipe está chegando e produzindo- concluiu.

O Galo está na sétima posição do Campeonato Brasileiro, com 27 pontos, e caso vença o Botafogo, neste domingo, 8, às 16h, no Estádio Nilton Santos, no rio de Janeiro poderá encostar no G4 e voltar a figurar pelo menos no G6 da competição.




E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance