‘Muita vontade’: Willian Maranhão se firma e fará 10º jogo como titular
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

‘Muita vontade’: Willian Maranhão se firma e fará 10º jogo como titular

Willian Maranhão - Vasco
Rafael Ribeiro/ Vasco
João Mércio Gomes - 08/11/2018 - 07:55
Rio de Janeiro (RJ)
Willian Maranhão chegou ao Vasco às pressas. Horas antes do limite de inscrições no Brasileirão, seu nome foi regularizado na CBF. Vindo da Série C, parecia ser um reforço para compor elenco, já que outros volantes se lesionaram. Porém, desde que chegou, não saiu mais. Contra o Grêmio, o camisa 21 completará seu 10º jogo seguido como titular de Alberto Valentim.

Nas últimas dez rodadas, Maranhão só não atuou contra o Cruzeiro, por suspensão. No banco, ficou apenas 20 minutos, já que foi substituído três vezes - contra o Vitória, Botafogo e Internacional, todas nos minutos finais quando Valentim pôs o time a frente em busca da vitória. Não sai por cansaço nem por opção técnica. O segredo?

- Muita vontade, muita garra, vontade no dia a dia e muito trabalho. Valentim preferiu me manter (depois da suspensão) para gente ter regularidade. Espero ter continuidade nesse trabalho - afirma o jogador, que explica por que conquistou espaço.

- Eu procuro frisar muito no que o treinador pede. Acredito que venho cumprindo bem minhas funções na parte tática e técnica.

No primeiro turno, Willian Maranhão ainda não fazia parte do elenco quando o Vasco venceu o Grêmio em São Januário. Agora, tem a difícil tarefa de buscar pontos em Porto Alegre. Ele não teme o favoritismo tricolor.

- É favorito porque joga dentro de casa, veio de boas partidas na Libertadores. Está brigando no G4, o Vasco é gigante também. A gente sabe do nosso potencial e trabalhamos fortes para pontuar e sair dessa. Eles mudaram o time, nós também. Tem tudo para ser um bom jogo.

RETA FINAL DECISIVA
Além de ter a missão de tirar o Vasco dos últimos colocados da tabela e buscar uma vaga na Sul-Americana do ano que vem, Maranhão tem um motivo a mais para dar a vida em campo: a renovação de contrato. E tem mais seis jogos para provar que será útil em 2019.

Com os direitos federativos ligados ao Boavista-RJ, o Vasco garantiu o empréstimo do volante apenas até dezembro deste ano. E um acordo prevê a extensão até o fim do Carioca. Após o fim do Brasileirão, porém, o clube deve oferecer uma nova proposta para fechar com o atleta de 22 anos em definitivo.

Para a posição, o elenco de Alberto Valentim conta hoje com as seguintes opções: Desábato, Bruno Silva, Andrey, Bruno Ritter, Bruno Cosendey, Raul, Rodrigo e Marcelo Mattos. Hoje, Maranhão é titular absoluto sob o comando do treinador.

Facebook Lance Twitter Lance