Vasco consegue liberação e torcida volta a usar instrumentos na Colina
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Vasco consegue liberação e torcida volta a usar instrumentos na Colina

  •  FOTO VASCO
    Torcedores voltaram a usar instrumentos musicais no jogo desta quinta. Confira a seguir a galeria especial do L! David Nascimento/LANCE!Press
  •  Vasco x LDU
    Vasco x LDU Paulo Sergio/Agencia F8
  •  Vasco x LDU
    Vasco x LDU Magalhaes Jr / Photopress
  •  Vasco x LDU
    Vasco x LDU Paulo Sergio/Agencia F8
  •  Vasco x LDU
    Vasco x LDU DIEGO MARANHAO / PHOTOPRESS
  •  Vasco x LDU
    Vasco x LDU DIEGO MARANHAO / PHOTOPRESS
  •  Vasco x LDU
    Vasco x LDU Magalhaes Jr / Photopress
David Nascimento - 09/08/2018 - 20:26
Rio de Janeiro (RJ)
A noite desta quinta-feira foi especial para os torcedores do Vasco. O clube conseguiu autorização junto ao Grupamento Especial de Policiamento em Estádios (Gepe) para a liberação dos instrumentos musicais no jogo diante da LDU, em São Januário – foi a primeira vez este ano que baterias foram usadas para animar as arquibancadas do estádio do Cruz-Maltino.

Por volta de 1h antes de a bola rolar, os instrumentos foram levados para a arquibancada que fica localizada atrás do gol de São Januário. Na primeira batida, os torcedores já fizeram a festa e em coro gritaram o nome do Vasco (assista o vídeo abaixo). A vascaína Magali Fernandes, de 25 anos, se emocionou com a volta da tradição dos instrumentos no clube.

– Este jogo é marcante para nós, torcedores, que fazemos de tudo pelo Vasco. Os instrumentos nas arquibancadas elevam o patamar de nossa festa. Fico muito feliz que o presidente Alexandre Campello conseguiu a liberação para usarmos neste jogo importante, sendo televisionado para fora do Brasil, para que todos saibam da nossa tradição – exaltou.

Vasco e Gepe ainda vão conversar sobre a utilização dos instrumentos para os próximos jogos. No jogo diante da LDU, os equipamentos utilizados foram do clube e não de organizadas, como era o costume antes da proibição de que fossem usados. A expectativa é que não ocorrendo incidentes, o Gepe libere um maior número de instrumentos no decorrer das partidas até o fim deste ano.

E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance