Sidão fala em recuperar espaço no São Paulo: 'Não estou inseguro'
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Sidão fala em recuperar espaço no São Paulo: 'Não estou inseguro'

Sidão
A relação do goleiro Sidão com a torcida do São Paulo não tem sido das melhores (Rubens Chiri/São Paulo FC)
Yago Rudá - 05/11/2018 - 06:25
São Paulo (SP)
Capitão do São Paulo no empate com o Flamengo, no último domingo, o goleiro Sidão se mostrou seguro em relação às críticas que vem recebendo de parte da torcida do Tricolor. Atualmente na reserva de Jean, que não pôde atuar no fim de semana por conta de uma suspensão, o dono da camisa 12 são-paulina tenta voltar a ser o dono da posição.

- Acho que os jogos estão aí. Acho que fiz um ótimo campeonato brasileiro. Tenho números ao meu favor. Não estou inseguro. Se fala muito, mas sabe-se pouco da posição. Vejo muito o julgamento de todos os gols do Brasileirão, gente tomando muito gol duvidoso e ninguém fala nada. Quando é comigo é diferente, mas, enfim, estou bem. Sempre que aparece uma oportunidade tento dar o meu melhor - afirmou o goleiro ainda na zona mista do Morumbi.

Titular da posição desde o início da temporada, Sidão perdeu a vaga para Jean no jogo contra o Internacional, no dia 14 de outubro. O jogador voltou ao gol no último fim de semana, mas a tendência é de que volte ao banco de reservas na próxima rodada. Na visão do goleiro, a pressão da torcida por uma mudança ajudou na tomada de decisão do técnico Diego Aguirre.


E MAIS:
- Respeito a opinião da comissão técnica. Sou funcionário do São Paulo e estou à disposição do São Paulo como todos os atletas. Acho que talvez a pressão externa por conta da torcida tenha pesado para que ele fizesse essa troca, mas acho que fizemos um ótimo primeiro turno. Joguei todo o primeiro turno, no segundo o nosso time caiu um pouco de produção e acaba sobrando para alguém. Acho que tenho bagagem para superar isso, o importante é que o São Paulo permaneça na parte de cima da tabela - explicou o goleiro.

Contratado no início de 2017, Sidão foi titular com todos os treinadores que passaram pelo clube de lá para cá. Apesar disto, nunca foi unanimidade no São Paulo. O arqueiro já disputou posição com Denis e Renan Ribeiro, no ano passado, e agora, mais uma vez, tenta recuperar seu espaço.

Sidão tem contrato com o Tricolor até o fim do ano que vem. Para a próxima temporada há a possibilidade alta do São Paulo ir atrás de um goleiro experiente. A diretoria estuda o nomes de alguns jogadores para a posição que poderiam reforçar o grupo em 2019. Fora isto, o grupo ainda conta com o jovem Lucas Perri, que coleciona passagens pela base da Seleção Brasileira e pede passagem no clube.

- Você vestir a camisa do São Paulo é um grande peso, todo atleta que veste a camisa do São Paulo vai ser cobrado para ter um grande desempenho, tenho 70 jogos com a camisa do São Paulo, não é qualquer um que consegue isso, faz parte, torcedor quer sempre vencer, quer sempre viver grande situações, isso aí é normal - concluiu Sidão.

Facebook Lance Twitter Lance