Régis enfrenta problema pessoal e São Paulo suspende seu contrato
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Régis enfrenta problema pessoal e São Paulo suspende seu contrato

Lateral Régis tem sido um dos principais trunfos do São Paulo para atacar pelos lados do campo
Régis chegou ao Tricolor em março e tem contrato com validade até abril de 2019 (Rubens Chiri/saopaulofc.net)
Yago Rudá - 11/06/2018 - 16:06
São Paulo (SP)
O São Paulo anunciou nesta segunda-feira que suspendeu o contrato de Régis. O jogador, que tem vínculo até abril de 2019, passa por problemas pessoais e o clube avisa que a decisão não rescinde o compromisso, mas que o retomará quando julgar ser possível.

- Ele passará um período dispensado de suas atividades para que possa resolver questões de ordem pessoal. A partir deste momento o contrato do atleta está suspenso, mas não rescindido, e poderá ser retomado tão logo o São Paulo entenda que é possível dar seguimento ao exercício profissional - diz o Tricolor, em nota oficial.

Durante esse período de suspensão, o São Paulo não pagará os salários de Régis. Mas avisou o jogador que dará total apoio financeiro no que ele precisar enquanto seu contrato não for revalidado.

O motivo dessa suspensão, por enquanto, é mantido em sigilo tanto pela diretoria quanto pelo estafe do lateral-direito, que confirmou somente que o camisa 33 enfrenta um "problema pessoal".

- O São Paulo acolhe o jogador e a família, e torce para que em breve ele possa estar presente nos compromissos diários junto ao elenco - prosseguiu a nota publicada pelo clube em seu site oficial nesta tarde.

Régis foi titular contra o Botafogo, em 30 de maio, e, depois disso, não apareceu nem entre os relacionados das últimas três partidas, contra Palmeiras, Inter e Atlético-PR. O jogador já não tem mais treinado no CT da Barra Funda.

Depois de se destacar no Campeonato Paulista pelo São Bento, de Sorocaba, Régis acertou com o São Paulo em março, com contrato até abril do ano que vem. O jogador de 28 anos estreou na primeira partida em que esteve à disposição, entrando durante a derrota por 2 a 1 para o Atlético-PR, em Curitiba, em 4 de abril. É exaltado pelo técnico Diego Aguirre por poder jogar na duas laterais e no meio-campo. Acumula 10 jogos pelo clube,

E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance