Em movimentação tática, Dorival indica que repetirá time no São Paulo
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Em movimentação tática, Dorival indica que repetirá time no São Paulo

Treino São Paulo
Érico Leonan / saopaulofc.net
William Correia - 14/07/2017 - 18:08
São Paulo (SP)
Contra a Chapecoense, às 16h de domingo, em Santa Catarina, o São Paulo deve entrar em campo com o mesmo time que iniciou o empate diante do Atlético-GO, na quinta-feira. Em movimentação tática na tarde desta sexta, Dorival Júnior indicou que não fará nenhuma mudança.

O trabalho envolvendo os titulares no campo foi, basicamente, de posicionamento, e sem surpresas na escalação: Renan Ribeiro; Buffarini, Arboleda, Rodrigo Caio e Júnior Tavares; Jucilei, Petros, Wellington Nem, Cueva e Jonatan Gomez; Pratto.

Apesar das vaias e xingamentos destinados principalmente a Wellington Nem e Cueva pela torcida no empate por 2 a 2 diante do lanterna do Campeonato Brasileiro, Dorival Júnior confia nos dois e já avisou que quer manter uma base por alguns jogos. É a forma que encontra para dar entrosamento com a falta de tempo para treinamentos.

A movimentação desta sexta-feira durou cerca de dez minutos e Dorival posicionou o time inteiro no campo de defesa, com os reservas ocupando a mesma faixa do gramado. Preocupou-se, principalmente, com a marcação, indicando erros cometidos contra o Atlético-GO e o que a Chapecoense deve fazer.

O técnico parava o treino o tempo todo, puxando os jogadores para posicioná-los, explicando o que deveriam fazer e os motivos. Ressaltou que é fundamental o time ter sempre duas linhas de quatro atrás da linha da bola, não importando se o centroavante Pratto e mais um não conseguirem voltar.

Depois dessa atividade, os titulares partiram para fazer trabalho regenerativo, com exceção do goleiro Renan Ribeiro, que não só realizou exercícios específicos da sua posição como participou ativamente, usando os pés, da saída de bola em movimentação tática envolvendo somente os reservas.

Durante o aquecimento de quem não foi titular nessa quinta-feira, em uma roda de bobinho, o atacante Denilson deu um susto, contorcendo-se de dor no gramado, queixando-se de incômodo na perna esquerda. Mas, poucos minutos após atendimento dos médicos, se levantou e treinou normalmente. Na atividade técnica em campo reduzido, o lateral Bruno sentiu dores no joelho esquerdo, mas foi atendido em segundos, voltando após passar spray no local.

No final da tarde, Dorival reuniu os reservas para um trabalho de fundamentos. Elogiou bastante Araruna e Lucas Fernandes pelos cruzamentos e viu um aproveitamento muito baixo nas finalizações - apenas Brenner e Gilberto foram bem mandando as bolas ao gol.

O São Paulo viaja para Santa Catarina na manhã deste sábado e volta a treinar em Chapecó, à tarde, sem a presença da imprensa. No domingo, a equipe, que não vence há oito jogos, precisa ganhar para sair da zona de rebaixamento pela primeira vez depois de três rodadas.

E MAIS:
icone-carregar-comentCreated with Sketch.
CARREGAR COMENTÁRIOS
Facebook Lance Twitter Lance