menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Modesto vai a Brasília para mostrar projeto de arena do Santos

  •  Projeto novo estádio do Santos
    Projeto do novo estádio do Santos (Foto: Reprodução/Internet)
  •  Projeto novo estádio do Santos
    Projeto do novo estádio do Santos (Foto: Reprodução/Internet)
  •  Projeto novo estádio do Santos
    Projeto do novo estádio do Santos (Foto: Reprodução/Internet)
  •  Projeto novo estádio do Santos
    Projeto do novo estádio do Santos (Foto: Reprodução/Internet)
  •  Projeto novo estádio do Santos
    Projeto do novo estádio do Santos (Foto: Reprodução/Internet)
  •  Projeto novo estádio do Santos
    Projeto do novo estádio do Santos (Foto: Reprodução/Internet)
  •  Projeto novo estádio do Santos
    Projeto do novo estádio do Santos (Foto: Reprodução/Internet)
  •  Projeto novo estádio do Santos
    Projeto do novo estádio do Santos (Foto: Reprodução/Internet)
LANCE! - 16/02/2017 - 18:39
SP (Santos)
O presidente do Santos, Modesto Roma Júnior, viajou a Brasília na última quarta-feira para apresentar um novo projeto de estádio para Secretaria do Patrimônio da União. Na reunião, o dirigente tratou da possibilidade do clube ter um terreno cedido pelo governo para a construção do estádio. Em troca, ele ofereceu outro espaço para a União.

A arena comportará 30 mil torcedores, com investimento de R$ 400 milhões de uma iniciativa privada, mantida em sigilo, e será construída em área em que hoje ocupa o clube da Associação Atlética do Portuários, no bairro Marapé, em Santos, de propriedade da União.

O terreno oferecido em troca se localiza no Guarujá. Junto de políticos da região da Baixada Santista, o projeto, que inclui o espaço na cidade vizinha, oferece ao Governo a construção de casas que possam fazer parte do Programa Minha Casa Minha Vida.

Além do Peixe, farão parte da parceria investidores, a empresa Conexão 3 e o clube Portuários.

- Vamos construir um espaço dos mais modernos, com ampla capacidade para shows de grande vulto e estrutura de lazer nova e completa para os usuários, com lounges e restaurantes. Tudo isso sem abdicar da Vila Belmiro, que seria adaptada para também atender os associados com ampla área social- destacou o presidente.

De acordo com o secretário de Patrimônio da União, Sidrack de Oliveira Correia Neto, o projeto é viável, porém, precisa atender aos preceitos legais condizentes à gestão dos imóveis da União. Um dos pontos que precisa ser estudado é a forma de concessão. Para tanto, pode ser exigida a realização de processo licitatório.


E MAIS:
SEUCLUBE
atlético mineiro
botafogo
corinthians
cruzeiro
flamengo
fluminense
gremio
internacional
palmeiras
santos
sao paulo
vasco
Facebook Lance Twitter Lance