Fora do Santos, Elano desabafa: 'Faltou um pouco de ética e educação'
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Fora do Santos, Elano desabafa: 'Faltou um pouco de ética e educação'

Elano
Elano não faz parte da comissão técnica do Santos (Foto: Ivan Storti)
LANCE! - 05/01/2018 - 17:32
Santos (SP)
Após deixar o cargo de auxiliar técnico do Santos, Elano explicou um pouco sobre como ocorreu sua demissão do clube. Ele reclamou da desorganização e ética de parte da nova diretoria forma por José Carlos Peres e Orlando Rollo.

Antes mesmo da reunião entre os dirigentes e o ex-meia a informação sobre sua saída já havia sido noticiada pelo LANCE!. Com sua saída, Emílio Faro ocupa o cargo. Ele trabalhar com Jair Ventura no Botafogo.

- Estou em paz, não tenho mágoa, rancor, não estou aqui para torcer contra o Santos. Mas esse é o futebol brasileiro. é uma falta de planejamento, é uma desorganização total, até mesmo para demitir. Falta sinceridade, honestidade para esse tipo de coisa. O Orlando Rollo foi a única pessoa que me recebeu no clube quando cheguei lá. Estou triste pela situação, mas feliz pelo que fiz dentro do clube - disse em entrevista à SporTV.

Elano afirmou que recebeu propostas para trabalhar como técnico em outros clubes, mas recusou por não querer pular etapas. Com a demissão te Levir Culpi no ano passado, ele assumiu de forma interina a equipe profissional do Peixe. Livre no mercado, ele passou a ser auxiliar técnico no início da temporada de 2017.

- Confesso para vocês que recebi uma proposta no dia seguinte que saiu a notícia do meu desligamento do Santos para eu trabalhar como treinador, e essa não é a minha intenção agora. Estou iniciando uma carreira. Vou me preparar para que eu possa não pular as etapas. Volto como auxiliar. Foi uma situação de emergência - explicou.


E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance