Elenco do Palmeiras comemora primeira folga em três meses
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Elenco do Palmeiras comemora primeira folga em três meses

Palmeiras não teve nenhuma semana livre para treinar desde a Copa do Mundo
Palmeiras não teve semana livre para treinar desde a Copa do Mundo (Cesar Greco/Ag Palmeiras/Divulgação)
William Correia - 07/10/2018 - 12:52
São Paulo (SP)
O líder do Campeonato Brasileiro e semifinalista da Libertadores, enfim, vai descansar. Foi com essa sensação que o elenco do Palmeiras deixou o Morumbi, após vencer o São Paulo por 2 a 0, nesse sábado. Os jogadores estão liberados para reapresentação apenas na tarde de terça-feira e celebram a primeira folga em três meses.

- É importante. Ficamos três meses sem nenhuma folga de um dia sequer. Estávamos precisando. Chegou em um momento no qual estamos bem no campeonato. Agora, é descansar e recuperar os jogadores para manter esse ritmo - comentou Moisés.

O próximo compromisso do Palmeiras é no domingo, quando recebe o Grêmio, pelo Campeonato Brasileiro, no Pacaembu (o Allianz Parque estará à disposição de um festival de música no mesmo dia). Isso significa que o clube terá a sua primeira semana livre para treinar desde a Copa do Mundo.

De lá para cá, ocorreram 24 partidas em 79 dias, gerando uma média de um jogo a cada 3,2 dias. Para se ter ideia, Luiz Felipe Scolari assumiu a equipe em 3 de agosto, há mais de dois meses, e sempre teve um compromisso no meio da semana que o impedia de ter mais tempo para trabalhar a equipe. Mas o técnico alternou times entre as três competições que disputou nesse período para lidar com o desgaste físico.


E MAIS:
O saldo da maratona, contudo, é positivo: foram 15 vitórias, seis empates e somente três derrotas (todas por 1 a 0: para o Cruzeiro, pela Copa do Brasil, para o paraguaio Cerro Porteño, pela Libertadores, e para o Fluminense - que culminou na demissão do técnico Roger Machado). Resultados que levaram o time à liderança do Brasileiro, às semifinais da Libertadores e também a ser semifinalista da Copa do Brasil, na qual foi eliminado pelo Cruzeiro.

Por não estar na final da Copa do Brasil, que será disputada por Corinthians e Cruzeiro nesta e na próxima quartas-feiras, o Palmeiras terá outra semana livre para treinar entre o jogo contra o Grêmio, no domingo, e o duelo contra o Ceará, no dia 21, também pelo Brasileiro.

Depois, porém, recomeça outra maratona: cinco jogos (três pelo Brasileiro e as duas semifinais da Libertadores, contra o argentino Boca Juniors) em 14 dias, com um intervalo médio inferior a três dias entre eles. E a sequência aumentará se o Verdão consiga seu objetivo de ir à final do torneio continental. Por isso, esses dois dias de folga representam um raro descanso ao elenco.

Facebook Lance Twitter Lance