Na briga pelo título, Flamengo, Santos, São Paulo e Corinthians usam armas diferentes
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Na briga pelo título, Flamengo, Santos, São Paulo e Corinthians usam armas diferentes

Montagem - São Paulo, Flamengo, Santos e Corinthians
Equipes possuem características diferentes (Foto: Montagem/LANCE!)
André Schmidt - 06/09/2019 - 16:50
O 1º turno do Campeonato Brasileiro vai chegando ao fim com três paulistas e um carioca formando o G4 até agora. Apesar da desvantagem numérica, é o time do Rio que aparece na ponta. Dono do melhor ataque do campeonato com 38 gols marcados, o Flamengo está empatado em pontos (36) com o Santos, segunda equipe que mais vezes balançou as redes (29). O Rubro-Negro leva vantagem exatamente no saldo de gols - 20x12.

Corinthians e São Paulo, hoje 3º e 4º no campeonato, respectivamente, se utilizam de outra arma para terem boa campanha: a defesa. O Alvinegro é o time menos vazado da competição, com apenas 9 gols sofridos. O Tricolor vem logo em seguida, com 11. Curiosamente, o Palmeiras, 5º colocado, aparece em 3º nos dois rankings, com 24 gols anotados e 13 levados.

Olhando mais detalhadamente os números, vemos mais claramente as diferenças. Santos, com 114, e Flamengo, com 107, são as equipes que mais finalizaram certo no campeonato. Os comandados de Jorge Jesus, inclusive, são os que precisam de menos chances para marcar: apenas 6,2, em média, segundo o Footstats. O Peixe é o 4º, com 8,6.

E MAIS:
Em contrapartida, Corinthians é o time que mais precisa ter conclusões ao seu gol para ser vazado. Em média, o adversário tem que finalizar 20 vezes para marcar na equipe de Fabio Carille. O São Paulo é o segundo, com 18. Para se ter uma ideia do quão difícil é marcar na dupla, o Fluminense, dono da maior média de arremates, tenta 15,4 vezes por jogo. Onze dos 20 times da Série A arriscam menos que 12 por partida.

O que não quer dizer que Flamengo e Santos não marcam, muito pelo contrário. Os dois aparecem no topo da lista de desarmes do Brasileirão. Equipes que gostam da posse bola, tentam pressionar assim que a perdem, e muitas vezes conseguem. São 313 roubos de bola do Rubro-Negro e 301 do time de Jorge Sampaoli. Porém, quando não conseguem a recuperação rápida, por avançarem bastante suas linhas, ficam suscetíveis aos contra-ataques. Ao contrário de Corinthians e São Paulo, menos ofensivos.

Nuances do jogo que deixam o campeonato competitivo e aberto. E aí, quem fica com a taça: a força ofensiva ou a consistência defensiva?

FLAMENGO NO BRASILEIRÃO 2019
- Dados do Footstats

Melhor ataque: 38 gols
Artilheiro: Gabigol - 14 gols
Garçom: Arrascaeta: 7 assistências
​Ataque mais eficiente: 6,2 finalizações para marcar um gol
2º time que mais finaliza certo: 107
Líder de desarmes certos: 313

SANTOS NO BRASILEIRÃO 2019

2º melhor ataque: 29 gols
Vice-artilheiro do campeonato: Eduardo Sasha - 8 gols
​Time que mais finaliza certo: 114
4º ataque mais eficiente: 8,5 finalizações para marcar um gol
2º em desarmes certos: 301

CORINTHIANS NO BRASILEIRÃO 2019

Defesa menos vazada: 9 gols sofridos
Defesa mais eficiente: 20 finalizações para sofrer um gol
5º time que mais desarma certo: 271
​2º time que menos cede finalizações certas: 62

SÃO PAULO NO BRASILEIRÃO 2019

2ª defesa menos vazada: 11 gols sofridos
2ª defesa mais eficiente: 18 finalizações para sofrer um gol
4º time que menos cede finalizações certas: 66
7º time com mais desarmes certos: 267

Facebook Lance Twitter Lance