Favoritos vencem na abertura da 46ª Semana de Vela de Ilhabela
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Favoritos vencem na abertura da 46ª Semana de Vela de Ilhabela

Pajero (Foto: Aline Bassi | Balaio)
Pajero tem o atleta olímpico Samuel Albrecht na equipe (Foto: Aline Bassi | Balaio)
LANCE! - 15/07/2019 - 17:48
Ilhabela (SP)
Com vento fraco e uma regata de percurso mais curta, a estreia da 46ª Semana Internacional de Vela de Ilhabela consagrou alguns dos favoritos na competição, neste domingo. A raia foi aberta com uma briga entre os dois últimos recordistas da competição, na classe ORC. O Pajero de Eduardo Souza Ramos levou a melhor sobre o Crioula de Renato Plass, com o atleta olímpico Samuel Albrecht na equipe.

- Conseguimos velejar bem neste domingo e tomamos decisões acertadas. Importante abrir com um resultado positivo - disse André Fonseca, tático do Pajero.

Para driblar os ventos fracos, a prova de estreia foi "encurtada", com 12 milhas náuticas para as classes ORC, IRC e C30, levando a uma disputa mais técnica. As demais categorias fizeram 8 milhas náuticas até o Farol dos Moleques.



O Montecristo foi o campeão da prova de abertura na classe IRC.

- A gente estava esperando a Alcatrazes, mas a comissão escolheu fazer a prova no canal. Conseguimos andar bem mesmo nessas condições de vento fraco - contou Wallace Attie, do Montecristo.

Já na classe C-30, uma das mais equilibradas, o vencedor foi o Caballo Loco, comandado por Mauro Dottori, também diretor do Yacht Club de Ilhabela.

Entre os RGS, vitória para o veleiro Rainha Empresta Capital, equipe de Leonardo JP. Vitória também para o Bacana IV (Christian Lundgren) na Bico de Proa, 854 Jacaré (Pedro Fukui) na Mini Transat e Pick Nick (Francisco Matos) na Multicascos.

Homenageado desta edição após a campanha impecável no ano passado, o Madrugada de Niels Rump foi o vencedor da regata entre os Clássicos. Já os HPE-25 disputaram a regata Renato Frankenthal, de 10 milhas náuticas. O vencedor, mais uma vez, foi o Ginga, de Breno Chvaicer.

- Foi uma regata difícil com vento fraco. A prova foi encurtada até a laje dos moleques. Agora vamos treinar para abrir a pontuação da Semana de Vela - explicou Marcos Ashauer, do Takeashauer, terceiro colocado entre os HPE-25.

A regata Renato Frankenthal não soma pontos para o campeonato. Para a classe, a competição começa para valer nesta terça-feira, dia de descanso para as demais categorias.


Facebook Lance Twitter Lance