menu button lance
lancelogo lancelogo lance
TEMPO
REAL

Renato admite queda de rendimento e revela 'abraço' de Romildo Bolzan Jr

Renato Portaluppi - Grêmio x Atlético-PR
Jeferson Guareze/AGIF
LANCE! - 12/05/2017 - 16:25
Porto Alegre (RS)
O treinador do Grêmio, Renato Portaluppi, admitiu que o Tricolor caiu de rendimento nos últimos jogos. Apesar disso, ele fez questão de enfatizar que  o time sofre com lesões dos seus principais jogadores. 

 - O único problema que temos aqui dentro do Grêmio, infelizmente são as lesões. O Grêmio acabou o ano encantando o Brasil, concordo com isso. Ganhou uma Copa do Brasil há quatro, cinco meses, um título nacional que não ganhava há 15 anos. O Grêmio teve um acidente de trabalho grave, a perda do Campeonato Gaúcho - comentou Renato. 

O comandante Gremista também destacou as boas campanhas na Primeira Liga e na Libertadores, mas confessou que ainda não aceitou muito bem a eliminação no Campeonato Gaúcho para o Novo Hamburgo. 

 -Ainda não digeri isso. Mas o Grêmio passou de fase na (Primeira) Liga, é líder em seu grupo na Libertadores. O Grêmio não vem jogando o futebol do ano passado, mas o problema mais grave são as lesões. São jogadores importantes que infelizmente estão no departamento médico - completou Portaluppi.

Renato também comentou sobre a reunião promovida pelo presidente do Grêmio, Romildo Bolzan Jr, com  jogadores e comissão técnica. O treinador apontou que o tom não foi de cobranças e sim de apoio.

 - Queria colocar para vocês que têm todo direito de falarem, comentarem, é o trabalho de vocês, independente de quem quer que seja. Queria falar: ele é uma pessoa muito querida por mim e pelo grupo. Ele esteve conversando com o grupo, com alguns membros da comissão, e veio dar total apoio ao grupo e comissão. Temos a maratona de jogos decisivos - explicou. 

 - Veio dar um abraço, um carinho. As pessoas começam a distorcer, isso e aquilo. Têm todo o direito. O que eu estou colocando é que o presidente veio abraçar todo mundo, sabe que estamos totalmente juntos com ele e ele com a gente. Se ele viesse fazer cobranças, que não foi o caso, tem todo o direito. É o presidente  - finalizou Portaluppi. 

O Grêmio estreia no Campeonato Brasileiro neste domingo, às 19h, quando recebe  o Botafogo em sua Arena

E MAIS:
SEUCLUBE
atlético mineiro
botafogo
corinthians
cruzeiro
flamengo
fluminense
gremio
internacional
palmeiras
santos
sao paulo
vasco
Facebook Lance Twitter Lance