Saída de Buffon ilustra problema recente de PSG com goleiros
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Saída de Buffon ilustra problema recente de PSG com goleiros

Montagem Buffon, Trapp e Areola
PSG segue com problemas no gol (Foto: AFP)
LANCE! - 06/06/2019 - 16:50
Paris (FRA)
Buffon e PSG não chegaram a um acordo e o lendário goleiro italiano vai deixar o clube parisiense com uma passagem irregular e com pouco brilho. O jogador foi contratado para preencher a lacuna de goleiro, que sofre contestação na equipe, desde que o PSG foi comprado, em 2011.

O desempenho ruim de Buffon escancara um problema do clube na posição. Areola e Trapp antecederam o italiano e também foram muito contestados. O clube não investe na posição da mesma forma que investe nos jogadores de linha. Relembre um histórico recente dos arqueiros do PSG e quem pode substituir Buffon na equipe.

SIRIGU

O goleiro italiano Sirigu saiu do PSG para ir por empréstimo ao Sevilla
Sirigu foi o primeiro goleiro contratado na era bilionária do clube (Foto: AFP)
A primeira contratação do PSG na era milionária para o gol foi Salvatore Sirigu. O italiano chegou em 2011/12 e o clube parisiense pagou 3,1 milhões de euros (R$ 7 milhões, na cotação da época) para o Palermo. O jogador já tinha defendido o Sevilla, Ancona e equipes italianas de menor expressão. Pelo PSG, Sirigu conquistou quatro títulos do Campeonato Francês e participou de 190 jogos. Ainda assim, não era considerado unanimidade na equipe.

AREOLA

Alphonse Aréola - PSG
Areola é o titular (Foto: Thomas Samson / AFP)
Para o lugar de Sirigu, o PSG apostou em um jovem da base do que investir em uma grande contratação. O dinheiro era reservado para os jogadores de linha, como Cavani, Ibrahimovic, Pastore, Lucas, entre outros. A aposta foi em Areola. Revelado pelo clube, o francês subiu para o profissional na temporada 2010/11 e assumiu a posição depois da saída de Sirigu.

TRAPP

Trapp foi eleito o melhor goleiro da fase de grupos (Foto: Franck Fife / AFP)
Trapp não se estabaleceu na equipe (Foto: Franck Fife / AFP)
Areola nunca teve a confiança total dos torcedores. Com isso, em 2015/16, o PSG desembolsou 9,5 milhões de euros (R$ 29 milhões, na cotação da época) para tirar Kevin Trapp do Eintracht Frankfurt. O jovem goleiro alemão começou bem, com boas defesas e ficou no lugar de Areola. A irregularidade era parecida com a do concorrente francês e o PSG seguia sem confiança em seu gol.

BUFFON

Buffon - PSG
Buffon teve passagem frustrante (Foto: Franck Fife / AFP)
A aposta agora não era em um jovem goleiro, mas sim em uma estrela da posição. Buffon chegou no PSG com status de líder, com a maturidade devida para liderar a equipe rumo ao título da Liga dos Campeões. Não deu muito certo. Foram apenas 25 partidas e a alternância entre a titularidade e o banco de reservas. O italiano não renovou o contrato e a lacuna de goleiros segue aberta.

CIBOIS

Cibois PSG
Cibois é o atual reserva (Foto: Divulgação)
Além de Areola, o PSG agora conta apenas com Sébastian Cibois em seu elenco para a posição de goleiro. O francês tem apenas 21 anos de idade e está no clube parisiense desde os 14 anos. Na última temporada não participou de nenhuma partida e subiu para o profissional em 2018.

NOVOS NOMES

De Gea
De Gea é um dos focos do PSG (Foto: AFP)
Caso prefira investir na contratação de um goleiro, o PSG cogita dois nomes para a posição. O primeiro é do espanhol De Gea, destaque do Manchester United. O atleta ainda não renovou seu contrato com o clube inglês e é o favorito dos parisienses. De saída do Real Madrid, Keylor Navas surge como outra opção.

COUPET

Gregory Coupet
Coupet defendeu o PSG em 2009 (Foto: Divulgação)
Antes de se tornar bilionário, o PSG contou com contratações mais modestas. O principal nome na posição de goleiro foi Grégory Coupet. O francês chegou no clube em 2009 e permaneceu até 2011. Coupet é um dos grandes ídolos do Lyon, clube que defendeu por nove anos. Também teve passagem pelo Atlético de Madrid.

E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance