Bom início e queda: veja os números de Fernando Diniz como técnico
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Bom início e queda: veja os números de Fernando Diniz como técnico

Fluminense x Cruzeiro Fernando Diniz
Fernando Diniz foi demitido do Fluminense após derrota diante do CSA (Foto: Marcello Dias/Eleven/Lancepress!)
LANCE! - 20/08/2019 - 12:43
São Paulo (SP)
A experiência de Fernando Diniz no Fluminense não foi a das melhores. Após apenas três vitórias em 15 partidas no Campeonato Brasileiro, o clube e o técnico encerraram o contrato na última segunda-feira (19). Embora seu aproveitamento na equipe carioca tenha deixado a desejar, há alguns pontos em sua carreira que merecem destaque.

Confira abaixo a trajetória de Fernando Diniz desde o começo da carreira como treinador.

VOTORATY-SP

Fernando Diniz - Votoraty
Fernando Diniz em seu primeiro clube como técnico (Imagem: Divulgação/FPF)
Logo depois de pendurar as chuteiras, em 2008, virou treinador e dirigiu o Votoraty-SP até 2010. Diniz colheu bons frutos do trabalho em frente à equipe do interior de São Paulo, como o título da Série A3 do Campeonato Paulista de 2009 e a Copa Paulista de 2009, que garantiu a vaga para a Copa do Brasil de 2010, campeonato em que acabou sendo eliminado na segunda fase pelo Grêmio, perdendo de 3 a 0.


PAULISTA-SP
32 jogos: 14 vitórias, 9 empates e 9 derrotas


Fernando Diniz - Paulista-SP
Fernando Diniz sob o comando do Paulista (Foto: Divulgação/Paulista)
Em 2010 voltou a ganhar a Copa Paulista de Futebol pelo Paulista-SP, garantindo o bi-campeonato da equipe que comandou até 2011.


BOTAFOGO-SP
​4 jogos: 1 vitória e 3 derrotas


Fernando Diniz - Botafogo-SP
O técnico teve apenas quatro partidas pela equipe de Ribeirão Preto (Foto: Rafael Martinez/Botafogo-SP)
Diniz foi chamado para treinar o Botafogo-SP logo depois de comandar o Paulista-SP, porém teve uma breve passagem por Ribeirão Preto, sendo demitido após disputar apenas quatro jogos.


ATLÉTICO SOROCABA
45 jogos: 24 vitórias, 8 empates, 13 derrotas


Fernando Diniz - Atlético Sorocaba
Fernando Diniz pelo Atlético Sorocaba (Foto: Reprodução)
No fim de 2011, Fernando Diniz recebeu o convite de comandar a equipe do Atlético Sorocaba. No clube, alcançou a terceira colocação na série A2 de 2012 do Campeonato Paulista, porém foi demitido antes de disputar a primeira divisão do torneio no ano seguinte, quando foi eliminado da Copa Paulista de 2012.


AUDAX
112 jogos: 50 vitórias, 31 derrotas e 31 empates


Osaso Audax - Técnico: Fernando Diniz
Fernando Diniz foi técnico do Audax por quase cinco anos (Foto: Miguel Schincariol/Lancepress!)
Em 2012, o técnico mineiro recebeu o convite para comandar o Audax-SP, onde ficou no comando do time durante quase cinco anos. Foram 112 jogos com 50 vitórias, 31 empates e 31 derrotas. Diniz foi responsável na disputa pela primeira divisão do Campeonato Paulista durante quatro temporadas, tendo grande destaque na campanha de 2016, quando foi vice-campeão do torneio, derrotado pelo Santos na final. Em todo o período como técnico da equipe de Osasco, teve um aproveitamento de 51%.

Em 2017, no anúncio de seu desligamento do Audax, o técnico publicou uma nota agradecendo o clube: "Durante esses quase cinco anos, o Audax foi, na verdade, a concretização de um lindo sonho. O sonho de formar gente para jogar diferente."


PARANÁ
17 jogos: 7 vitórias, 3 empates e 7 derrotas


Fernando Diniz - Paraná Clube
Fernando Diniz pelo Paraná Clube (Foto: Reprodução/RPC)
Diniz teve uma breve passagem pelo Paraná Clube enquanto comandava o Audax. Foi chamado em julho de 2015 para substituir Nedo Xavier durante a Série B. Foram 82 dias como técnico da equipe, com 17 jogos, sete vitórias, três empates e sete derrotas. Quando demitido, afirmou ter sido traído pela diretoria da época.


OESTE
37 jogos: 9 vitórias, 16 empates e 12 derrotas


Fernando Diniz - Oeste x Vasco
Fernando Diniz como técnico do Oeste (Foto: Miguel Schincariol/Lancepress!)
Diniz trabalhou no Oeste logo após um semestre com boa campanha pelo Audax, que garantiu o vice-campeonato Paulista em 2016. Foram dias de agonia em que o time precisou lutar para não ser rebaixado para a série C do Campeonato Brasileiro, em que terminou na 16ª posição na tabela geral. No fim, foram 37 jogos, apenas 9 vitórias, 16 empates e 12 derrotas.


ATLÉTICO-PR
21 jogos: 5 vitórias, 7 empates e 9 derrotas


Técnico Fernando Diniz vem sendo muito questionado no comando do Atlético-PR
Fernando Diniz sob comando do Atlético-PR (Foto: Miguel Locatelli/ Site oficial)
Aceitou o convite para ser técnico do Guarani em novembro de 2017 e permaneceu até janeiro de 2018, quando foi contratado pelo Atlético-PR. Diniz permaneceu no clube paranaense até junho daquele ano, mas foi demitido após péssimos resultados. No momento de seu desligamento, o Furacão ocupava a penúltima posição na tabela do Campeonato Brasileiro, durante o recesso para a Copa do Mundo na Rússia.


FLUMINENSE
​44 jogos: 18 vitórias, 11 empates e 15 derrotas


Santos x Fluminense - Fernando Diniz
Diniz em coletiva pelo Fluminense (Foto: Lucas Merçon / Fluminense F.C.)
No fim do ano, Fernando Diniz foi anunciado como o novo treinador do Fluminense, disputando sua primeira competição em 2019. Mesmo com altas críticas pelo seu estilo de jogo, recebeu o prêmio de Melhor Treinador no fim do Campeonato Carioca.

No Campeonato Brasileiro, o treinador entrega uma péssima campanha para o time carioca. Foi demitido após uma derrota para o CSA por 1 a 0 que levou o Fluminense a entrar na zona de rebaixamento. Em 2019, o tricolor marcou 71 gols, sofreu 48, sendo até então a segunda pior defesa do torneio, ficando atrás apenas da Chapecoense.

E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance