Vila Nova insiste e arranca empate com o Guarani no Serra Dourada
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Vila Nova insiste e arranca empate com o Guarani no Serra Dourada

Vila Nova x Guarani
Foto: Reprodução/SporTV
Futebol Latino - 13/11/2019 - 22:15
Goiânia (GO)
Vila Nova e Guarani fizeram o penúltimo jogo da 35ª Rodada da Série B no Campeonato Brasileiro no estádio Serra Dourada, em Goiânia. E o resultado final de 1 a 1 foi o típico placar onde, nessa altura do campeonato, não foi interessante para nenhum dos lados.

Enquanto o Bugre campineiro não conseguiu o triunfo que lhe daria uma virtual manutenção na divisão para 2020, estando agora em 14° com 41 unidades, para o Vila o panorama segue desesperador: 34 pontos e a 19ª colocação com quatro de desvantagem para o Figueirense, primeiro time fora do Z4.



-->
VILA QUERENDO JOGO...

A disposição de imprimir o ritmo de jogo da partida foi exercida pelo Tigrão desde o início apesar das dificuldades em conseguir concatenar as jogadas. Tanto é que a melhor oportunidade veio pelo alto quando, em falta próxima a grande área, Ramon bateu com muita curva e viu ela passar na frente da pequena área sem ninguém para cabecear e colocar em problemas o arqueiro Jefferson Paulino.

... PORÉM, O BUGRE QUE MARCOU

Entretanto, quem teve mais precisão para abrir a conta no Serrado foi o time paulista quando o meio-campista Marcelo foi atingido por Joseph dentro da grande área aos 14 minutos, pênalti imediatamente assinalado pela arbitragem de Dyorgines José Padovani de Andrade. Na batida, Diego Cardoso foi lentamente para a bola e bateu com tranquilidade, deslocando Rafael Santos.

BATEU O DESESPERO

Mediante a situação que se tornava ainda mais problemática para o time da casa, o time até tentava aumentar a pressão para sufocar o Guarani buscando o tento da igualdade. Momento esse onde o nervosismo e a imensa quantidade de erros principalmente nos passes próximos a grande área adversária deixavam as evidências de empata cada vez menos visíveis para o torcedor do Vila.

DO OUTRO LADO, GASTAVA O TEMPO

Percebendo a situação no aspecto psicológico se encaminhando de maneira superior para o seu lado, o Bugre não tinha a menor pressa de fazer o jogo correr, pelo contrário. Aproveitando todas as oportunidades de contra-ataque para tentar ao máximo reter a posse, os comandados de Thiago Carpini iam administrando a sua vantagem de maneira até certo ponto confortável.

INSISTIU TANTO QUE MARCOU

Muito mais na base da "teimosia" do que efetivamente da criatividade, o Vila Nova foi persistindo da maneira que dava até que, em bola espirrada dentro da área, finalmente a sorte (e a mira) dos goianos mudou. Aos 40 minutos, depois de chute dado pelo zagueiro Diego Jussani travado pela zaga do Guarani, Jefferson bateu forte no canto esquerdo de Jefferson Paulino que até caiu bem, mas não a tempo de evitar o gol de empate. 

E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance