Nova tendência: técnicos da nova geração 'invadem' a Série A
menu button lance
lancelogo lancelogo lance
LANCE
LANCE
X
Compartilhe



13/04/2018 | 13:41

Nova tendência: técnicos da nova geração 'invadem' a Série A

  •  Carille, Valentim e Larghi
    O Brasileirão de 2018 começa no próximo sábado e com ele chega um interessante índice: 50% dos clubes da série A estão com técnicos com menos de 50 anos ou com pouca experiência no Campeonato Brasileiro. Confira a lista completa: Bruno Ulivieri / Vitor Silva/SSPress/Botafogo / Divulgação
  •  Fábio Carille
    Buscando o bi-campeonato Brasileiro, Fábio Carille vai disputar seu segundo Campeonato Brasileiro. No total de jogos pelo torneio, somando as partidas como interino, o treinador disputou 45 jogos, venceu 21, empatou nove e teve oito derrotas. O comandante de 44 anos tem três títulos em menos de dois anos como profissional; um Brasileirão e dois Paulistas (Bruno Ulivieri/ Raw-Image)
  •  Roger Machado
    Em seu primeiro ano à frente do Palmeiras, Roger Machado já dirigiu outros clubes no Brasileirão. Em 2015 e 2016 o treinador comandou o Grêmio por 60 partidas no torneio, venceu 29, empatou 14 e perdeu 17. Já pelo Galo, onde foi campeão da Copa do Brasil, o treinador de 42 anos realizou 15 jogos, com 5 vitórias, 5 empates e 5 derrotas. Dirigiu também outros clube com o Novo Hamburgo e o Juventude (Foto: Cesar Greco/Ag. Palmeiras)
  •  Jair Ventura
    Também como novato no Santos, Jair Ventura vai disputar seu terceiro Brasileirão. Pelo Botafogo, onde teve bastante destaque, o filho de Jairzinho realizou 58 partidas no Campeonato Brasileiro, venceu 26, empatou 14 e perdeu 18. O treinador de 39 anos teve como grandes realizações a conquista da vaga para a Libertadores em 2016 e a boa campanha na mesma em 2017, chegando às quartas de final (Foto: Ivan Storti/Santos)
  •  Alberto Valentim - Botafogo
    Campeão do Campeonato Carioca pelo Botafogo, Alberto Valentim já realizou 17 partidas no Campeonato Brasileiro, todas pelo Palmeiras. Pelo clube Alvi-verde, o treinador de 43 anos venceu 10 partidas, empatou uma e perdeu seis. Soma também uma passagem pelo Red Bull Brasil, onde disputou o campeonato Paulista (Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo)
  •  Treino do Vasco - Zé Ricardo
    Outro técnico dessa nova geração é o comandante do Vasco, Zé Ricardo. O treinador de 46 anos já tem 70 partidas no Brasileirão, somando também a passagem pelo Flamengo. Ao todo são 33 vitórias, 25 empates e 12 derrotas. Zé já possui um título na carreira, o de Campeão Carioca em 2017, pelo Rubro-Negro (Foto: Carlos Gregório Jr/Vasco.com.br)
  •  Maurício Barbieri
    Apesar de ainda não estar confirmado como efetivo no Flamengo, Mauricio Barbieri é o mais novo da lista dos técnicos da nova geração, com 36 anos. Apesar de ser seu primeiro Brasileirão, Barbieri já dirigiu outros clubes, como Guarani, RB Brasil, Audax Rio e Desportivo Brasil Gilvan de Souza / Flamengo
  •  Thiago Larghi - técnico interino do Atlético-MG
    A situação de Thiago Larghi é bastante parecida com a de Barbieri, o treinador de 37 anos que continua como interino no Atlético-MG também vai para seu primeiro Campeonato Brasileiro. Apesar de derrotado na final do mineiro, a campanha de Larghi no Estadual foi positiva Foto: Divulgação Clube Atlético Mineiro
  •  Odair Hellmann
    No Internacional desde o ano passado, Odair Hellmann também disputará sua primeira série A. O comandante de 44 anos foi auxiliar técnico da Seleção Olímpica campeã nos jogos do Rio 2016  (Foto: Evandro Leal)
  •  Rogerio Micale (Paraná)
    Comandando o Paraná, Rogério Micale vai para seu segundo ano de Campeonato Brasileiro. No ano passado pelo Galo, o treinador de 49 anos disputou nove partidas no Brasileirão, venceu 3 partidas, empatou duas e perdeu quatro jogos. Assim como Hellmann, Micale também fez parte da comissão técnica campeão olímpica em 2016 (Divulgação/Paraná)
  •  Fernando Diniz (Atlético-PR)
    Fechando a lista dos técnicos da nova geração que disputarão o Brasileiro, temos o comandante do Atlético Paranaense, Fernando Diniz. O treinador de 44 anos disputará pela primeira vez o Campeonato Brasileiro. Além do Furacão, Diniz já dirigiu equipes como Audax-SP, Paraná e Oeste (Geraldo Bubniak /AGB)
SEUCLUBE
america-mineiro
atlético mineiro
atletico-paranaense
bahia
botafogo
ceara
chapecoense
corinthians
cruzeiro
flamengo
fluminense
gremio
internacional
palmeiras
parana
santos
sao paulo
sport
vasco
vitoria
Siga nas redes sociais
Facebook Lance Twitter Lance