Clássico entre Paraná e Coritiba deve selar o destino dos clubes na Série B
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Clássico entre Paraná e Coritiba deve selar o destino dos clubes na Série B

Vila Capanema
(Rodrigo Sanches/Paraná)
LANCE! - 04/10/2019 - 15:24
Futebol Latino
Na tarde de sábado, o estado do Paraná vai tremer com mais um Paratiba, duelo que coloca frente a frente Paraná e Coritiba. O jogo está marcado para às 16h30 (Horário de Brasília) e tem muita coisa em jogo.

E MAIS:
Até o momento, o Paraná está na 11ª colocação, com 35 pontos, três a menos que o CRB, primeiro time do G4. O Coxa entra na rodada em sexto lugar, com 37 pontos. Sendo assim, um bom resultado na casa do rival deixa a equipe entre os quatro melhores.



-->
Como chega o Paraná?

Se na classificação o G4 parece distante, na pontuação a história é bem diferente. Com três pontos a menos que o primeiro time da zona de acesso, o Tricolor quer ganhar uma grande injeção de ânimo na reta final da temporada e para isso acontecer, nada melhor que derrotar um adversário estadual.

Além da empolgação para o clássico, em caso de vitória no Paratiba, o Tricolor vai encerrar um jejum de três meses sem vencer dentro da Vila Capanema. O último resultado positivo em casa aconteceu no dia 13 de julho, pela 9ª rodada da competição.

Como chega o Coritiba?

No Coritiba o clima é de mistério. Após atravessar uma fase ruim com Umberto Louzer, a equipe reagiu sob o comando de Jorginho e agora tenta engatar uma vitória no clássico para dormir no G4.

Em relação a escalação, Alex Muralha, suspenso, cede a sua vaga para Rafael Martins. No ataque, Rafinha deve ficar à disposição, mas não sabe se começa o jogo. Kelvin pode ficar com a vaga.

Prováveis Escalações:

Paraná:
Thiago Rodrigues; Éder Sciola, Leandro Almeida, Rodolfo e Guilherme Santos; Luiz Otávio, Fernando Neto, Judivan e Vitinho; Bruno Rodrigues e Jenison. Técnico: Matheus Costa.

Coritiba: Rafael Martins; Diogo Matheus, Sabino, Romércio e William Matheus; Matheus Salles, Juan Alano e Giovanni; Rafinha (Kelvin), Robson e Rodrigão. Técnico: Jorginho.


Facebook Lance Twitter Lance