Caso Jean e Mancini: veja outras brigas entre jogadores e técnicos
menu button lance
lancelogo lancelogo lance
LANCE
LANCE
X
Compartilhe



21/03/2019 | 14:39

Caso Jean e Mancini: veja outras brigas entre jogadores e técnicos

  •  Montagem Jean e Mancini
    O clima no São Paulo não é dos melhores. Apesar da classificação no Campeonato Paulista, os bastidores do Tricolor andam conturbados, e isso acontece muito por conta de uma possível briga entre Jean e Vagner Mancini. Nessa semana, o goleiro reclamou publicamente da postura do treinador, afirmando que ele o trata de forma diferente em relação aos outros jogadores do elenco. Ao longo da história, brigas entre jogadores e treinadores não são novidade no mundo do futebol. O L! relembra outros casos de 'tretas'. Confira: Lancepress!
  •  Pogba Mourinho
    A passagem de José Mourinho pelo Manchester United foi marcada por altos e baixos. Além de resultados ruins dentro de campo, o português barrou Paul Pogba, maior contratação da história do clube, diversas vezes. Primeiro, o francês disse que não queria ser o capitão dos Red Devils enquanto Mourinho fosse o treinador. Depois, o português resolveu barrar o francês da partida contra o Derby County, pela Copa da Liga Inglesa, e viu o time da segunda divisão se classificar em pleno Old Trafford após a disputa por pênaltis. Por fim, os dois trocaram farpas em um treinamento. (Foto: OLI SCARFF / AFP)
  •  Delio Rossi dando um soco em Adam Ljajic - Fiorentina (2012)
    Essa é literalmente uma briga. Em 2012, Adem Ljajic, hoje no Besiktas, foi substituído e mostrou chateação com a decisão tomada pelo treinador Delio Rossi, que acabou esquentando o clima de vez e partiu para cima do jogador sérvio, dando um soco nele. O técnico foi demitido logo da Fiorentina logo depois e atualmente está sem clube.  Reprodução
  •  Ney Franco x Rogério Ceni - São Paulo (2013)
    Um mês após ser demitido do São Paulo, em 2013, Ney Franco resolveu falar sobre sua saída do Tricolor Paulista e afirmou que uma das causas para isso foi Rogério Ceni, que "reclamava nos corredores" quando algum jogador que ele não gostava entrava em campo.  AFP
  •  Mancini x Mario Balotelli - Manchester City
    O clima nunca foi muito bom para o polêmico Mario Balotelli e o treinador Roberto Mancini no Manchester City. No começo de 2013, o técnico teria chamado a atenção do atacante após ele ter dado um carrinho perigoso em Sinclair em um treinamento, o que gerou uma fúria por conta do atleta, que partiu para cima de seu conterrâneo. Os dois chegaram a trocar empurrões, mas foram afastados pelos outros jogadores presentes no campo.  AFP
  •  Brian Clough x Justin Fashanu - Nottingham Forest
    Maior treinador da história do Nottingham Forest, Brian Clough criticou o atacante Justin Fashanu, no qual a mídia afirmava que possuía "dúvidas sobre sua orientação sexual" por frequentar uma boate homossexual na Inglaterra, o que deixou o atacante muito desapontado. Anos depois, o atacante se assumiria como homossexual e cometeria suicídio em 1998, após ser acusado de ter agredido sexualmente um jovem de 17 anos.  AFP
  •  Guardiola x Ibrahimovic
    A passagem de Zlatan Ibrahimovic pelo Barcelona foi um fracasso. O sueco alega que um dos motivos para isso foi o treinador Pep Guardiola - era claro que ambos não se davam bem, já que o atleta foi muitas vezes preterido na escalação. Anos depois, em sua biografia, o atacante classificou o espanhol como "um covarde".  AFP
  •  Raymond Domenech x Nicolas Anelka - França (2010)
    No intervalo da partida entre França e México, pela Copa do Mundo de 2010, o atacante Nikolas Anelka teria insultado o treinador Raymond Domenech após o mesmo ter indicado que a culpa pelo rendimento ruim ser dele (os franceses estavam perdendo por 2 a 0). Mesmo com os outros jogadores indo contra, o técnico cortou o experiente atacante do elenco dos Les Bleus, que foram eliminados ainda na primeira fase do Mundial.  AFP
  •  Alex Ferguson x Beckham - Manchester United (~2003)
    Após uma derrota para o Arsenal em 2003, Sir Alex Fergunson teria reclamado do desempenho de David Beckham, alegando que o meia estava muito preocupado em seu status de celebridade. Após uma possível discussão, o treinador teria jogado uma bota na direção do meia, que deixou o Manchester United meses depois, rumo ao Real Madrid.  AFP
  •  Leão x Carlos Alberto - Corinthians (2006)
    Em 2006, em partida pela Copa Sul-Americana, o Corinthians viu o Lanús marcar dois gols e virar a partida ainda no primeiro tempo. Irritado com o desempenho de Carlos Alberto, o treinador Emerson Leão chamou a atenção do meia, que se irritou fazendo um gesto com suas mãos. A reação do técnico foi de imediatamente substituir o meia, apesar da partida estar com 30 minutos do primeiro tempo. Ao sair, o atleta discutiu muito com Leão e foi afastado do Timão dias depois.  Eduardo Viana/Lancepress
  •  Antonio Conte x Willian - Chelsea
    Apesar de Willian ter sido um dos jogadores mais regulares da última temporada pelo Chelsea, o treinador Antonio Conte encontrava maneiras de não escalar o brasileiro no time titular. Com o fim da temporada chegando, o clima entre os dois era claramente ruim e, após a chegada de Maurizio Sarri, o atacante afirmou que teria deixado o Chelsea se o italiano permanecesse no cargo de técnico.  AFP
  •  Antonio Conte x Diego Costa - Chelsea
    Outro jogador que não tinha uma boa relação com Antonio Conte era Diego Costa. Apesar de vir de uma temporada como campeão e um dos principais jogadores do Chelsea, o italiano não escalava o espanhol com regularidade, que acabou saindo dos Blues ainda na metade da temporada, retornando ao Atlético de Madrid.  AFP
  •  Claudio Mancini x Carlos Tevez - Manchester City
    A briga entre Roberto Mancini e Carlos Tévez começou em uma partida contra o Bayern de Munique, pela Liga dos Campeões, quando o atacante se recusou a aquecer para entrar na partida, jogando um babador na direção do técnico, que respondeu dizendo que o argentino nunca mais jogaria enquanto ele estivesse no comando.  AFP
  •  Felipão x Romário - Brasil (antes 2002)
    Em 2001, Romário 'recusou' a convocação para a Copa América por ter que fazer uma operação no olho. Com a chegada da data da cirurgia, foi constado que o estado do Baixinho não era urgente, mas já era tarde para ele viajar com a Seleção. Mesmo assim, Luiz Felipe Scolari disse que o atacante teria "o traído" e não convocou o astro para a Copa do Mundo de 2002.  Julio Cesar Guimarães/Lancepress!
  •  Pep Guardiola x Yaya Toure - Manchester City
    Quando Pep Guardiola assumiu o Manchester City, foi possível notar que Yaya Touré, um dos principais jogadores dos Citizens em temporadas anteriores, não fazia parte dos planos do treinador. Após muitas especulações, o volante quebrou o silêncio este ano, afirmando que o espanhol "não gostava de jogadores africanos".  AFP
  •  Dorival Junior x Neymar - Santos (2010)
    Em 2010, Neymar ficou estressado com Dorival Júnior por ter sido impedido de cobrar um pênalti, já que o batedor oficial do alvinegro estava em campo. Na época, o jovem se afastou, se mostrando muito irritado, e desrespeitou o treinador, deferindo muitos xingamentos e ele.  Ivan Storti/Lancepress!
  •  Javier Irureta x Djalminha - Deportivo La Coruña (2002)
    Pouco antes da Copa do Mundo de 2002, Djalminha deu uma cabeçada em Javier Irureta, técnico do Deportivo La Coruña na época. Anos depois, em entrevista à Jovem Pan, o brasileiro afirmou que tomou essa reação por que o técnico havia o xingado. Por conta disso, porém, o atleta ficou de fora do elenco que disputou o Mundial na Coreia do Sul e Japão.  Reprodução
  •  Mike McCarthy x Roy Keane - Irlanda (Copa 2002)
    Capitão da Irlanda em 2002, Roy Keane havia criticado duramente a preparação dos irlandeses nas semanas anteriores à Copa do Mundo. O clima na seleção ficou ruim e, após brigar com o treinador, o atleta foi cortado do elenco.  AFP
  •  Muricy Ramalho x Douglas (lateral-direito) - São Paulo (2014)
    Em fevereiro de 2014, Muricy Ramalho e Douglas, hoje jogando no futebol turco, discutiram de maneira muito ríspida na entrada do vestiário na saída para o intervalo do jogo entre São Paulo e XV de Piracicaba, válido pelo Campeonato Paulista.  Montagem: Lance!


SEUCLUBE
atletico-paranaense
atlético mineiro
avaí
bahia
botafogo
ceara
chapecoense
corinthians
cruzeiro
CSA
flamengo
fluminense
Fortaleza
Goiás
gremio
internacional
palmeiras
santos
sao paulo
vasco
Siga nas redes sociais
Facebook Lance Twitter Lance