Times ingleses gastam mais de R$ 3,7 bilhões em reforços; Veja lista
menu button lance
lancelogo lancelogo lance
LANCE

LANCE
X
Compartilhe


02/08/2017 | 07:35

Times ingleses gastam mais de R$ 3,7 bilhões em reforços; Veja lista

  •  Romelu Lukaku (dir.) tirou Buchanan e o goleiro Rinaudo da jogada
    Lukaku foi a maior contratação da Premier League até o momento. O Manchester United pagou cerca de R$ 311 milhões para tirar o atacante do Everton Foto: Manchester United via Getty Images
  •  Mendy - City
    O Manchester City foi o clube inglês que mais gastou na janela de transferências. Foram 240,5 milhões de euros (R$ 884 milhões). Só Mendy custou 57,5  milhões de euros (R$ 211,3 milhões) (Foto: Divulgação)
  •  Walker - Manchester City
    O lateral-direito Kyle Walker chegou ao Manchester City vindo do Tottenham e custou 51 milhões de euros (R$ 187,4 milhões) (Foto: Divulgação/Twitter)
  •  Bernardo Silva - Manchester City
    Assim como o lateral-esquerdo Mendy, o meia Bernardo Silva era do Monaco. Os Citizens pagaram 50 milhões de euros (R$ 183,7 milhões) ao clube monegasco (Foto: Divulgação)
  •  Ederson - Manchester City
    Ederson chegou ao Manchester City a pedido do técnico Pep Guardiola. O goleiro brasileiro foi contratado junto ao Benfica por 40 milhões de euros (R$ 147 milhões) Reprodução/Facebook
  •  Danilo - Manchester City
    Danilo era reserva no Real Madrid e chegou ao Manchester City por 30 milhões de euros (R$ 110,2 milhões). O brasileiro vai disputar vaga com Walker na direita (Foto: Divulgação)
  •  Douglas apresentado no Manchester City
    O Manchester City pagou 12 milhões de euros (R$ 44,1 milhões) pelo volante Douglas, ex-Vasco. O jogador, contudo, foi emprestado ao Girona, da Espanha, para ganhar experiência (Foto: Divulgação)
  •  Lukaku e Busquets - Manchester United x Barcelona
    O Manchester United gastou 164,4 milhões de euros (R$ 604,2 milhões) nesta janela de transferências. Lukaku foi o mais caro  (Foto: Nicholas Kamm / AFP)
  •  Matic - Manchester United
    O Manchester United pagou ainda 44,7 milhões de euros (R$ 164,2 milhões) ao Chelsea pelo volante Matic, em uma das mais recentes negociações na Inglaterra (Foto: Reprodução / Twitter)
  •  Victor Lindelöf apresentado no Manchester United
    Já o zagueiro Lindelöf foi contratado junto ao Benfica por 35 milhões de euros (R$ 128,6 milhões) (Foto: Divulgação)
  •  Morata apresentado no Chelsea
    O Chelsea foi o terceiro clube que mais gastou na Premier League com reforços: 140 milhões de euros (Foto: R$ 514,5 milhões). Só Morata, ex-Real, custou 65 milhões de euros (R$ 239 milhões) (Foto: Divulgação)
  •  Bakayoko anunciado no Chelsea
    O volante Bakayoko foi comprado junto ao Monaco e custou aos cofres dos Blues 40 milhões de euros (R$ 147 milhões) (Foto: Divulgação)
  •  Antonio Rüdiger - Chelsea
    Outro reforço do Chelsea foi o zagueiro Antonio Rüdiger, que era da Roma e chegou a Londres por 35 milhões de euros (R$ 128,6 milhões) (Foto: Divulgação)
  •  Michael Keane - Everton
    O Everton vem sendo o quarto mais ativo da janela. A equipe de Liverpool já desembolsou 98 milhões de euros (R$ 360,1 milhões). O zagueiro Michael Keane, ex-Burnley, foi o mais caro e custou 28,5 milhões de euros (R$ 104,7 milhões) Reprodução / Twitter
  •  Pickford - Everton
    Pelo mesmo valor de Keane, o Everton pagou 28,5 milhões de euros (R$ 104,7 milhões) ao Sunderland pelo goleiro Jordan Pickford (Foto: Divulgação / Everton)
  •  Klaassen - Everton
    Um dos destaques do Ajax nas últimas temporadas, Klaassen custou aos cofres dos Toffees 27 milhões de euros (R$ 99,2 milhões) (Foto: Divulgação / Everton)
  •  Rooney
    Rooney voltou ao Everton após 13 anos vestindo a camisa do Manchester United. Contudo, o atacante chegou a Liverpool a custo zero após passagem vitoriosa nos Red Devils Divulgação
  •  Lacazette - Arsenal
    O Arsenal gastou até o momento 53 milhões de euros (R$ 194,8 milhões) na contratação de apenas um reforço: Lacazette chegou do Lyon como a esperança de gols dos Gunners (Foto: Divulgação / Arsenal)
  •  Salah
    O Liverpool também não gastou muito nesta janela. Até o momento, foram 51 milhões de euros (R$ 187,4 milhões). Salah, ex-Roma, custou 42 milhões de euros (R$ 154,3 milhões) Divulgação
  •  Andy Robertson - Liverpool
    O outro reforço dos Reds foi o lateral-esquerdo Andy Robertson, que chegou do Hull City por 9 milhões de euros (R$ 33 milhões) (Foto: Divulgação)
  •  Mounié - Huddersfield
    Recém-promovido à elite na Inglaterra, o Huddersfield gastou 43,1 milhões de euros (R$ 158,4 milhões) até o momento. O atacante Mounié, ex-Montpellier, foi o mais caro: 13 milhões de euros (R$ 47,7 milhões) (Foto: Divulgação / Huddersfield)
  •  Arnautovic - West Ham
    O West Ham desembolsou até o momento 42,4 milhões de euros (R$ 155,8 milhões) em reforços. O mais caro foi o atacante Arnautovic, que chegou do Stoke City por 22,3 milhões de euros (cerca de R$ 82 milhões) (Foto: Divulgação / West Ham)
  •  Chicharito - West Ham
    Outro nome conhecido que chegou aos Hammers foi Chicharito Hernández, ex-Bayer Leverkusen, que foi contratado por 17,8 milhões de euros (R$ 65,4 milhões) (Foto: Divulgação/Site Oficial)
  •  Joe Hart - West Ham
    Outro reforço de peso foi o goleiro Joe Hart, emprestado pelo Manchester City. A taxa para os Hammers ficarem com o jogador por uma temporada foi de 2,3 milhões de euros (R$ 8,4 milhões) (Foto: Reprodução/Twitter)
  •  Jacob Murphy - Newcastle
    Outro que subiu nesta temporada, o Newcastle já gastou 36,8 milhões de euros (R$ 135,2 milhões). O atacante Jacob Murphy, ex-Norwich, custou 11,3 milhões de euros (R$ 41,5 milhões) (Foto: Reprodução / Facebook Newcastle)
  •  Nathan Aké
    O Bournemouth foi às compras apenas com jogadores do Chelsea e gastou até o momento 34,3 milhões de euros (R$ 126 milhões). O zagueiro Aké custou 22,8 milhões (R$ 83,8 milhões) (Foto: Divulgação)
  •  Begovic - Bounemouth
    Quem também chegou ao Bornemouth foi o goleiro Begovic, reserva dos Blues. A pequena equipe da Inglaterra pagou 11,5 milhões de euros (R$ 42,2 milhões) (Foto: Divulgação / Bournemouth)
  •  Iborra - Leicester
    O Leicester já gastou 31 milhões de euros (R$ 114 milhões) nesta janela. O meia Iborra, ex-Sevilla, é o principal reforço: 15 milhões de euros (R$ 55,1 milhões) (Foto: Divulgação/Twitter)
  •  Harry Maguire apresentado no Leicester
    Harry Maguire também foi contratado pelo Leicester. O defensor, ex-Hull City, chegou aos Foxes por 13,7 milhões (R$ 50,3 milhões) (Foto: Divulgação)
  •  Eldin Jakupovic - Leicester
    Já o goleiro Jakupovic, que também era do Hull City, foi contratado pelo Leicester por 2,3 milhões de euros (R$ 8,4 milhões) (Foto: Reprodução/Twitter)
  •  Cleverley - Watford
    O Watford já gastou 24,7 milhões de euros (R$ 90,7 milhões) em reforços. O principal deles, o meia Cleverley, ex-Everton: 9,3 milhões de euros (R$ 34,1 milhões) (Foto: site oficial do Watford)
  •  Jay Rodriguez
    O West Bromwich também foi às compras e gastou até o momento 14,7 milhões de euros (R$ 54 milhões). O atacante Jay Rodríguez, ex-Southampton, custou 13,7 milhões (R$ 50,3 milhões) (Foto: Reprodução/Twitter)
  •  Matthew Ryan - Brighton
    Outro caçula, o Brighton gastou 13,5 milhões de euros (R$ 49,6 milhões) em contratações. O principal deles foi o goleiro Ryan, ex-Valencia, por 6 milhões de euros (R$ 22 milhões) (Foto: Divulgação / Brighton)
  •  Mesa - Swansea
    O Swansea gastou 12,5 milhões de euros (R$ 46 milhões) nesta janela. Todo o montante foi pelo meia Mesa, ex-Las Palmas (Foto: Divulgação / Swansea)
  •  Cork - Burnley
    O Burnley também não está muito ativo na janela e gastou 12,24 milhões de euros (R$ 45 milhões). A principal aquisição foi o meia Cork, ex-Swansea, por 9,1 milhões de euros (R$ 33,4 milhões) (Foto: Reprodução / Site Premier League)
  •  Riedewald - Crystal Palace
    O Crystal Palace desembolsou 9 milhões de euros (R$ 33 milhões). Todo o valor foi para contratar o zagueiro Riedewald, ex-Ajax. Loftus-Cheek, ex-Chelsea, chegou a custo zero por empréstimo (Foto: Divulgação / Crystal Palace)
  •  Bednarek - Southampton
    O Southampton também não abriu os cofres e gastou apenas 6 milhões de euros (R$ 22 milhões) na janela. Todo o valor no defensor Bednarek, ex-Lech Poznan, da Polônia (Foto: Divulgação / Southampton)
  •  Fletcher - Stoke City
    O Stoke City já contratou alguns reforços, mas todos a custo zero. Caso do meia Fletcher, ex-West Bromwich (Foto: Divulgação / Stoke City)
  •  Bentaleb - Tottenham
    O Tottenham também não movimentou o mercado na Inglaterra. Os reforços que chegaram foram de emprestados que voltaram, como é o caso de Bentaleb, que atuava pelo Schalke 04 (Foto: AFP)
SEUCLUBE
atlético mineiro
botafogo
corinthians
cruzeiro
flamengo
fluminense
gremio
internacional
palmeiras
santos
sao paulo
vasco
Siga nas redes sociais
Facebook Lance Twitter Lance