Sem Luis Enrique, Arsenal tem cinco nomes para suceder Arsène Wenger
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Sem Luis Enrique, Arsenal tem cinco nomes para suceder Arsène Wenger

  •  Arséne Wenger - Arsenal
    Arséne Wenger é o técnico do Arsenal desde 1996 (Foto: Ben Stansall / AFP)
  •  Luis Enrique - Barcelona
    Luis Enrique é o favorito a comandar o Arsenal (Foto: Lluis Gene / AFP)
  •  Patrick Vieira
    Patrick Vieira é o treinador do New York City FC Foto: Divulgação)
  •  Arteta - Manchester City
    Arteta (esq) é auxiliar de Guardiola no City (Foto: Reprodução / Facebook)
  •  Leonardo Jardim - Monaco
    Leonardo Jardim comanda o Monaco (Foto: Valery Hache / AFP)
  •  Joachim Low - Alemanha
    Joachim Löw é o técnico da Alemanha (Foto: Christian Charisius / AFP)
  •  Julian Nagelsmann - premiado ontem
    Julian Nagelsmann comanda o Hoffenheim (Foto: AMELIE QUERFURTH / AFP)
LANCE! - 10/05/2018 - 15:52
Londres (ING)
O cargo de treinador segue vago no Arsenal após o anúncio da saída de Arsène Wenger. O favorito para assumir o lugar do francês é Luis Henrique, sem clube após deixar o Barcelona no fim da última temporada. Contudo, segundo o jornal "O Jogo", os Gunners não estão dispostos a aceitar as "loucuras" do espanhol.

De acordo com a imprensa inglesa, Lucho gostaria de ganhar no mesmo patamar que Pep Guardiola e José Mourinho, que recebem salários na casa dos 15 milhões de libras (cerca de R$ 72,5 milhões) por temporada no Manchester City e no Manchester United, respectivamente.

Por conta disso, as negociações com Luis Enrique estão em ritmo lento e outros técnicos já ventilados voltam a ganhar força. Segundo o "Daily Mirror", o Arsenal reduziu a lista para apenas cinco nomes: Patrick Vieira (New York City), Mikel Arteta (auxiliar de Guardiola no Manchester City), Leonardo Jardim (Monaco), Joachim Löw (Alemanha) e Julian Nagelsmann (Hoffenheim).

No próximo domingo, Arsène Wenger se despede do Arsenal após 22 anos. Os Gunners encaram o Huddersfield, fora de casa, às 11h (de Brasília).

E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance