menu button lance
lancelogo lancelogo lance
TEMPO
REAL

CR7 faz história e comanda vitória do Real sobre o Bayern na Alemanha

  •  Árbitro dá amarelo a Carvajal por pênalti - Bayern de Munique x Real Madrid
    Veja imagens de Bayern x Real (Foto: Lluis Gene / AFP)
  •  Bayern x Real Madrid
    Veja imagens de Bayern x Real AFP
  •  Bayern x Real Madrid
    Veja imagens de Bayern x Real AFP
  •  Bayern x Real Madrid
    Veja imagens de Bayern x Real AFP
  •  Bayern x Real Madrid
    Veja imagens de Bayern x Real AFP
  •  Bayern x Real Madrid
    Veja imagens de Bayern x Real AFP
  •  Bayern x Real Madrid
    Veja imagens de Bayern x Real AFP
  •  Bayern x Real Madrid
    Veja imagens de Bayern x Real AFP
  •  Bayern x Real Madrid
    Veja imagens de Bayern x Real AFP
  •  Bayern x Real Madrid
    Veja imagens de Bayern x Real AFP
  •  Bayern x Real Madrid
    Veja imagens de Bayern x Real AFP
  •  Bayern x Real Madrid
    Veja imagens de Bayern x Real AFP
  •  Bayern x Real Madrid
    Veja imagens de Bayern x Real AFP
  •  Bayern x Real Madrid
    Veja imagens de Bayern x Real AFP
  •  Bayern x Real Madrid
    Bayern x Real Madrid AFP
  •  Bayern x Real Madrid
    Veja imagens de Bayern x Real AFP
  •  Bayern x Real Madrid
    Veja imagens de Bayern x Real AFP
  •  Bayern x Real Madrid
    Veja imagens de Bayern x Real AFP
LANCE! - 12/04/2017 - 17:39
Munique (ALE)
Cristiano Ronaldo provou por que é o melhor jogador do mundo nesta quarta-feira. Ele marcou os dois gols da vitória do Real Madrid sobre o Bayern de Munique por 2 a 1, na Allianz Arena, e deixou o time merengue bem na fita por um lugar na semifinal da Liga dos Campeões. Foi o 100º gol do português em competições europeias. Vidal descontou para os bávaros, mas saiu como vilão por ter perdido um pênalti. Javi Martínez foi expulso na etapa final e prejudicou o time da casa.

Agora, o Real Madrid pode perder por 1 a 0 no Santiago Bernabéu, na próxima terça-feira, dia 18, que se classifica na competição europeia. O Bayern, por sua vez, precisa de dois gols de diferença fora de casa para avançar. Os alemães também passam em caso de triunfo por um de vantagem, desde que façam três na Espanha.

Foi apenas o quarto gol de Cristiano Ronaldo na Liga dos Campeões. O gajo vinha apagado na competição, mas mostrou poder de decisão no momento crucial, no confronto mais difícil até o momento do Real Madrid. 

O JOGO


Como era esperado, o Bayern não teve o atacante Lewandowski, que não se recuperou de um problema no ombro. Ancelotti lançou Müller no comando do ataque. Hummels foi outro desfalque de peso. Do lado merengue, as baixas ficaram concentradas na defesa, com as ausências de Pepe e Varane.

Em campo, o Bayern tinha o domínio territorial e tentava os lances pelos lados. Mas Carvajal e Marcelo não davam espaços a Ribéry e Robben, principais válvulas de escape dos anfitriões. Mas o primeiro lance de perigo foi do Real. Em cruzamento perfeito de Kroos, Benzema cabeceou e Neuer fez uma linda defesa. A bola ainda bateu no travessão antes de sobrar para o goleiro.

Müller e Sergio Ramos - Bayern de Munique x Real Madrid
Müller é travado por Sergio Ramos (Foto: Odd Andersen / AFP)
O Bayern tinha problemas para furar a defesa do Real. O trio de volantes merengues segurava como podia o meio de campo rival. E o gol alemão saiu em cobrança de escanteio. Thiago bateu, Nacho vacilou na marcação e Vidal apareceu bem para abrir o placar. O chileno quase fez o segundo, escorando para fora cruzamento de Robben.

A vantagem no marcador não fez o Bayern recuar, mas o Real conseguiu se impor um pouco mais em busca do empate. Cristiano Ronaldo obrigou Neuer a outra boa defesa. Kroos também arriscou de longe e mandou para fora. No último minuto, o árbitro viu mão de Carvajal (a bola bateu no peito) após chute de Ribéry. Na cobrança, Vidal soltou a bomba e jogou na arquibancada, perdendo grande chance de dobrar o placar.

O segundo tempo reservaria grandes emoções. E elas não demorariam a acontecer. Logo no primeiro minuto, Carvajal recebeu na direita e cruzou para Cristiano Ronaldo bater de primeira, vencendo Manuel Neuer. 

O Bayern tinha a bola, mas não sabia o que fazer com ela. Com Ribéry e Robben bem marcados e Thiago Alcântara sem inspiração na armação, Müller também pouco aparecia e o time sentia a falta da presença de área de Lewandowski. Do outro lado, Neuer se transformava em herói e pegou cabeçada à queima roupa de Bale. Aos 15 minutos, os alemães ficaram com um a menos, quando Javi Martínez levou o segundo amarelo em seguida e foi expulso. Xabi Alonso teve que sair para a entrada de Bernat, com Alaba fazendo a zaga.

Javi Martínez leva o cartão vermelho - Bayern de Munique x Real Madrid
Javi Martínez foi expulso (Foto: Guenter Schiffmann / AFP)
A expulsão de Javi Martínez desmontou de vez o Bayern de Munique. O Real Madrid dominou por completo o jogo e colecionou chances perdidas na Allianz Arena. Benzema jogou para alto cruzamento de Asensio. Neuer voltou a fechar o gol em finalização do atacante francês.  O goleiro foi se transformando no herói bávaro e parou bomba de Cristiano Ronaldo.

A superioridade técnica e numérica do Real, enfim, transformou-se em gol. Após troca de passes de um lado para o outro esperando uma brecha na defesa bávara, Asensio cruzou na medida para Cristiano Ronaldo pegar de primeira. A bola passou entre as pernas de Neuer e entrou. Era a virada merengue na Allianz Arena, e a 100ª vez que o craque balançava as redes em torneios europeus por clubes, sendo 97 pela Liga dos Campeões. Sergio Ramos ainda fez o terceiro, mas o juiz invalidou por impedimento.

FICHA TÉCNICA
BAYERN DE MUNIQUE 1 X 2 REAL MADRID


DATA/HORA: 12/04/2017, às 15h45 (de Brasília)
LOCAL: Allianz Arena, Munique (ALE)
ÁRBITRO: Nicola Rizzoli (ITA)

CARTÕES AMARELOS: Xabi Alonso, Javi Martínez e Vidal (BAY), Kroos, Carvajal (MAD)
CARTÃO VERMELHO: Javi Martínez (BAY)

GOLS: Vidal - 24'/1°T (1-0), Cristiano Ronaldo - 1'/2°T (1-1), Cristiano Ronaldo - 31'/2°T (1-2)

BAYERN DE MUNIQUE: Neuer; Lahm, Javi Martínez, Boateng e Alaba; Vidal, Xabi Alonso (Bernat - 17'/2°T) e Thiago Alcántara; Ribéry (Douglas Costa - 19'/2°T), Robben e Müller (Coman - 35'/2°T). Técnico: Carlo Ancelotti.

REAL MADRID: Navas; Carvajal, Sergio Ramos, Nacho e Marcelo; Casemiro, Kroos e Modric (Kovacic - 45'/2°T); Bale (Asensio - 13'/2°T), Benzema (James Rodríguez - 37'/2°T) e Cristiano Ronaldo. Técnico: Zinedine Zidane.

E MAIS:
SEUCLUBE
atlético mineiro
botafogo
corinthians
cruzeiro
flamengo
fluminense
gremio
internacional
palmeiras
santos
sao paulo
vasco
Facebook Lance Twitter Lance