Porto desperdiça chances e Feyenoord vence a primeira na Liga Europa
menu button lance
lancelogo lancelogo lance
Feyenoord Escudo
2
 
-
 
0
escudo porto

Porto desperdiça chances e Feyenoord vence a primeira na Liga Europa

Feyenoord x Porto - Comemoração
Feynoord celebra primeira vitória na Liga Europa (Foto: AFP)
LANCE! - 03/10/2019 - 15:56
Roterdã (HOL)
Em duelo eletrizante, o Feyenoord venceu o Porto por 2 a 0, nesta quinta-feira, no Estádio De Kuip, em Roterdã. O Dragões pressionaram, martelaram, perderam um caminhão de chances, mas viram o time holandês ser mais efetivo e conquistar a primeira vitória no Grupo G da Liga Europa com gols de Toornstra e Karsdorp. 

Com a vitória, nos critérios de desempate, o Feyenoord lidera uma chave para lá de embolada, em que todas as equipes têm três pontos. O Porto ocupa a terceira posição. 

> Confira e simule a classificação da Liga Europa 

RESISTÊNCIA HOLANDESA
O primeiro tempo em Roterdã foi pautado em ataque contra defesa. Aceitando a superioridade técnica do Porto, um dos favoritos ao título, o Feyenoord se fechou, mesmo em casa, e frustrou a posse de bola portuguesa. A melhor chance dos Dragões foi em jogada ensaiada de Alex Telles e Nakajima. O brasileiro deixou o camisa 10 na cara do gol, mas o japonês finalizou para fora.

NOVO CENÁRIO
Na volta do intervalo, o cenário se inverteu e a equipe holandesa foi para cima. Aos três minutos, Larsson recebeu na área, bateu com desvio e Augustín mostrou reflexo para espalmar. Na sequência, o mesmo Larsson devolveu para a confusão e Toornstra pegou de primeira, bonito, e fez 1 a 0. Cinco minutos depois, novo duelo entre o camisa 28 holandês e o goleiro do Porto, que dessa vez, levou a melhor. 

LÁ E CÁ! 
​Placar aberto, jogo também. O Porto, novamente em jogada ensaiada, dessa vez deixou Otávio de frente para o gol, mas brasileiro carimbou o travessão. O Feyenord respondeu com um contragolpe fulminante, mas Berghuis também acertou a trave. O pior ficou para Marega. O malinês recebeu passe açucarado de frente para o 'crime' e entrou para o 'Inacreditável Futebol Clube' ao isolar.

NÃO FEZ, TOMOU!
O Porto seguiu desperdiçando um caminhão de chances. Na mesma jogada, Fábio Silva, Danilo e Marega tiveram chances de marcar, mas pararam no goleiro e na marcação. No contra-ataque, Karsdorp fez fila pelo meio da zaga, bateu na saída de Marchesín e definiu o jogo para os donos da casa. 


E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance