menu button lance
lancelogo lancelogo lance
TEMPO
REAL

Em papo com Henry, Courtois fala de Conte e lembra de período no Atlético

Courtois
Courtois falou sobre a mudança do Chelsea (Foto: AFP)
LANCE! - 01/04/2017 - 09:48
Londres (ING)
Na última sexta-feira, o "The Sun" publicou uma entrevista do goleiro Thibaut Courtois com Thierry Henry, atual assistente técnico da Bélgica. No papo, o arqueiro falou sobre o momento do Chelsea na temporada e as mudanças promovidas por Antonio Conte na equipe.

- Ano passado foi ruim. Talvez porque fomos campeões e começamos meio relaxados. Você não pode fazer isso neste campeonato. Como donos do título, todo mundo tem uma motivação extra para vencer você. E aí ficamos em um círculo de derrotas sem fim. Essa temporada, tivemos vontade de vencer de novo, mas a maior (mudança) foi tática. Temos muitos treinos táticos com todos os 11 jogadores. É muito estruturado, todos sabem que fazer quando a bola vai de um lado para o outro no campo.

Atualmente os Blues são líderes isolados do Campeonato Inglês, com 10 pontos de vantagem para o Tottenham, segundo colocado. Faltando poucas rodadas para terminar o torneio, a equipe de Londres está perto de confirmar seu título antecipado.

Courtois também afirmou que começou a jogar como lateral-esquerdo e acabou indo para o gol aos 10 anos de idade. O belga revelou que Iker Casillas era sua principal referência na posição, mas que seu estilo se assemelha ao do ídolo holandês Van der Sar. Além disso, ele confirmou que vem treinando algumas cobranças de falta nos treinamentos.

- Tem muitos jogadores que podem fazer isso. Cesc Fàbregas, Willian, Marcos Alonso, David Luiz. Sinceramente, eu não sei sobre David, porque ele chuta, e às vezes vai dentro, mas algumas cobranças sobem. Então, eu posso competir com ele.

Por fim, ele relembrou sua passagem pelos outros clubes, onde venceu a liga local em todos eles. Além do Genk, o goleiro fez seu nome vestindo a camisa do Atlético de Madrid antes de assumir a titularidade no Chelsea.

- As pessoas acham que é fácil na Espanha se você for Barça, Real ou Atlético, mas não é. Vencer uma copa no Atlético é uma coisa, mas a liga depois de 38 partidas... E nós empatamos a última partida no Camp Nou, impedindo o Barça de ser campeão. Foi uma grande conquista. No Genk e no Atlético, foi um uma surpresa. Quando cheguei no Chelsea, nós trouxemos Cesc (Fàbregas) e Diego Costa. Era um time que tinha que ser campeão. Eu tenho orgulho de ter vencido o Inglês, mas como conquista a do Atlético foi maior.

E MAIS:
SEUCLUBE
atlético mineiro
botafogo
corinthians
cruzeiro
flamengo
fluminense
gremio
internacional
palmeiras
santos
sao paulo
vasco
Facebook Lance Twitter Lance