menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Manchester United e Ajax farão final de gente grande na Liga Europa

  •  Manchester United x Celta
    United está na final da Liga Europa AFP
  •  Manchester United x Celta
    United está na final da Liga Europa AFP
  •  Manchester United x Celta
    United está na final da Liga Europa AFP
  •  Manchester United x Celta
    United está na final da Liga Europa AFP
  •  Manchester United x Celta
    United está na final da Liga Europa AFP
  •  Manchester United x Celta
    United está na final da Liga Europa AFP
  •  Manchester United x Celta
    United está na final da Liga Europa AFP
  •  Manchester United x Celta
    United está na final da Liga Europa AFP
  •  Manchester United x Celta
    United está na final da Liga Europa AFP
  •  Lyon x Ajax
    Ajax passou pelo Lyon e está na decisão AFP
  •  Lyon x Ajax
    Ajax passou pelo Lyon e está na decisão AFP
  •  Lyon x Ajax
    Ajax passou pelo Lyon e está na decisão AFP
  •  Lyon x Ajax
    Ajax passou pelo Lyon e está na decisão AFP
  •  Lyon x Ajax
    Ajax passou pelo Lyon e está na decisão AFP
  •  Lyon x Ajax
    Ajax passou pelo Lyon e está na decisão AFP
  •  Lyon x Ajax
    Ajax passou pelo Lyon e está na decisão AFP
  •  Lyon x Ajax
    Ajax passou pelo Lyon e está na decisão AFP
  •  Lyon x Ajax
    Ajax passou pelo Lyon e está na decisão AFP
  •  Lyon x Ajax
    Ajax passou pelo Lyon e está na decisão AFP
  •  Lyon x Ajax
    Ajax passou pelo Lyon e está na decisão AFP
  •  Lyon x Ajax
    Ajax passou pelo Lyon e está na decisão AFP
LANCE! - 11/05/2017 - 18:01
Manchester (ING)
Final de gente grande. Manchester United e Ajax farão no dia 24 de maio, às 15h45 (de Brasília), a decisão da Liga Europa na Friends Arena, em Solna, cidade da Suécia. No jogo de volta das semifinais, os ingleses empataram com o Celta de Vigo, desta vez no Old Trafford, por 1 a 1 (após vencer na Galícia por 1 a 0) e garantiram o direito de encarar o time holandês, que perdeu para o Lyon por 3 a 1, na França, mas se classificou por ter goleado, em Amsterdã, por 4 a 1.

O campeão da Liga Europa garante um lugar na próxima Liga dos Campeões. A final vai ter dois times com estilos bastante diferentes. O Manchester United, que não contará com Ibrahimovic, joga de uma forma mais cadenciada, enquanto o Ajax tem uma equipe jovem, que ataca em bloco e leva sempre perigo à meta rival.

De Ligt - Lyon x Ajax
Jogadores do Ajax comemoram classificação (Foto: Jeff Pachoud / AFP)
Será a primeira final continental do Ajax após o vice-campeonato da Liga dos Campeões em 1995/96, quando perdeu para a Juventus nos pênaltis, após 1 a 1 no tempo normal. A equipe tinha um verdadeiro esquadrão, com jogadores como os irmãos De Boer, Davids, Seedorf, Kluivert e Overmars. Já o United não chega à decisão desde que perdeu para o Barcelona, em 2010/11, também na Champions.

MANCHESTER UNITED X CELTA

Precisando da vitória, o Celta de Vigo partiu para cima em pleno Old Trafford. As jogadas passavam sempre pelos pés de Aspas, principal nome do time. O atacante obrigou Romero a boa defesa logo aos quatro minutos.

O Manchester United logo recuperou o controle do jogo e atuava com simplicidade. Com a bola nos pés, esperava o melhor momento por um espaço na defesa do Celta. Faltava, também, um pouco mais de inspiração e qualidade.

A bola demorava a chegar em Rashford, a referência no ataque sem Ibrahimovic. Mas o jovem mostrou visão de jogo e saiu da área, dominou a bola e cruzou na medida para Fellaini testar para o fundo das redes.

O Manchester seguiu com sua postura, mas viu o Celta dominar mais a posse de bola. A equipe espanhola teve o domínio, mas não criou muitos lances perigosos. O único foi com Weiss, que cabeceou perto do gol de Romero.

Cascudo, o Manchester United entrou no segundo tempo bastante calmo, sabendo da vantagem que tinha. Antes dos 20 minutos, teve duas boas chances de liquidar a fatura, em um chute de Mkhitaryan e em jogada de Rashford, que quase fez um golaço.

Na reta final da partida, o Celta foi com tudo para o ataque. E foi colecionando chances desperdiçadas, as melhores com o sueco Guidetti. José Mourinho colocou o time mais na defesa ao tirar Mkhitaryan e lançar Carrick. Mas, de tanto pressionar, os espanhóis empataram aos 40 minutos do segundo tempo, com o zagueiro Roncaglia, escorando cruzamento de Bongonda. 

O jogo passou a ficar tenso, uma vez que mais um gol daria a vaga aos galegos. Em confusão no meio de campo, Roncaglia e Bailly deram claros sinais que os nervos estavam à flor da pele e foram expulsos. Com mais experiência, o United conseguiu segurar o empate e chegou a mais uma final continental.

LYON X AJAX

O Ajax tinha uma excelente vantagem adquirida na partida de ida, em Amsterdã. Mas não deitou sobre o regulamento. Muito pelo contrário. Adiantou a marcação, dificultando a saída de bola do Lyon. Em mais de uma oportunidade, teve a chance de abrir o placar, principalmente nos primeiros 20 minutos.

A postura de não ficar recuado esperando o adversário rendeu frutos ao Ajax. Younes apareceu livre, à frente de Anthony Lopes, mas mandou para fora. Na segunda chance clara, contudo, os holandeses não desperdiçaram.

Aos 26 minutos, em grande bola de Younes, Dolberg apareceu livre na área e tocou por cima de Anthony Lopes, que nada pôde fazer.

Lyon x Ajax
Lacazette lamenta chance desperdiçada (Foto: AFP)
Com uma desvantagem ainda maior, o Lyon teve que se lançar mais ao ataque. Com a bola nos pés, procurava espaços na defesa do Ajax. E como o técnico Bruno Génésio havia afirmado em coletiva, a presença de Lacazette traria problemas ao time holandês.

E o atacante entrou em ação aos 45 minutos. Ele recebeu dentro da área e acabou derrubado. Na cobrança, deslocou Onana e empatou o jogo. Na empolgação da torcida, o Lyon foi para cima e, no minuto seguinte, chegou à virada. Em lance pela direita, Fekir cruzou e, na pequena área, Lacazette estufou a rede.

O segundo tempo ficou aberto. O Lyon querendo diminuir e tentar levar o jogo para a prorrogação, e o Ajax indo para cima para matar o jogo. Lacazette seguia sendo a referência dos franceses. Assim como na ida, era lá e cá. Pelo lado francês, Rybus parou em Onana. Van de Beek acertou o travessão para os holandeses.

Ghezzal - Lyon x Ajax
Ghezzal fez o terceiro do Lyon (Foto: Philippe Desmazes / AFP)
Quem acabou marcando foi o Lyon. Após cruzamento de Rybus, Ghezzal acertou cabeçada, que desviou no zagueiro e matou o goleiro Onana. Não demorou muito para a situação do Ajax ficar ainda mais complicada, quando Viergever levou o vermelho.

A pressão do Lyon foi intensa, deixando a Ajax todo recuado. A equipe passou a lançar bolas na área. Cornet perdeu grande oportunidade ao bater cruzado, mas a bola caprichosamente passou raspando. Os defensores holandeses conseguiram segurar o resultado e puderam comemorar a classificação à final.

E MAIS:
SEUCLUBE
atlético mineiro
botafogo
corinthians
cruzeiro
flamengo
fluminense
gremio
internacional
palmeiras
santos
sao paulo
vasco
Facebook Lance Twitter Lance