Misto de emoções! Herói, Ederson mantém série invicta do City em dia de lesões de Jesus e De Bruyne
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Misto de emoções! Herói, Ederson mantém série invicta do City em dia de lesões de Jesus e De Bruyne

  •  Crystal Palace x Manchester City
    Crystal Palace x Manchester City (Foto: GLYN KIRK / AFP)
  •  Crystal Palace x Manchester City
    Crystal Palace x Manchester City (Foto: GLYN KIRK / AFP)
  •  Crystal Palace x Manchester City
    Crystal Palace x Manchester City (Foto: GLYN KIRK / AFP)
  •  Crystal Palace x Manchester City - Gabriel Jesus
    Crystal Palace x Manchester City - Gabriel Jesus (Foto: GLYN KIRK / AFP)
  •  Manchester City x Crystal Palace
    Manchester City x Crystal Palace FOTO: Twitter do Crystal Palace
  •  Crystal Palace x Manchester City - Gabriel Jesus saindo chorando
    Crystal Palace x Manchester City - Gabriel Jesus saindo chorando (Foto: GLYN KIRK / AFP)
LANCE! - 31/12/2017 - 12:04
Manchester (ING)
A noite de Réveillon do Manchester City não será a esperada, porém terá a sensação de que "poderia ser pior". Neste domingo, seguindo a maratona de fim de ano, em duelo pela 21ª rodada do Campeonato Inglês, ficou no empate em 0 a 0 com o Crystal Palace, fora de casa. E dois brasileiros foram protagonistas. Enquanto Ederson pegou um pênalti e manteve a invencibilidade na competição, Gabriel Jesus saiu em lágrimas após sentir dores no joelho esquerdo. Após a partida Guardiola declarou que a projeção é de que o brasileiro fique entre um e dois meses em recuperação. No fim, De Bruyne foi outro que saiu lesionado, e imobilizado. Que dia! 

O empate findou uma invejável sequência de 18 vitórias do time de Pep Guardiola, que segue isolado na liderança, agora com 59 pontos - ou seja, 14 à frente do Chelsea, o novo vice-líder. Já o time de Roy Hodgson, na 17ª colocação, passa a somar 19 pontos, ainda à beira do Z3.

O JOGO

Os primeiros minutos foram agitados. E marcados por dois contratempos, sendo um consternador aos brasileiros, sobretudo. Opção como titular, Gabriel Jesus deixou o gramado em prantos, pois lesionou o joelho esquerdo sozinho, ainda aos dez minutos. Ele tentou retornar, mas, em seguida, foi substituído por Agüero. Do outro lado, o zagueiro Dann também sentiu e deixou o campo.


A entrada de Agüero surtiu efeito lances seguintes. O maior artilheiro da história do City, após bela jogada individual, acertou a trave - contando ainda com desvio da zaga. O volume de sua equipe já esboçava expansão. 

Além de segurar o ímpeto do imparável time de Guardiola na etapa inicial, o Palace, antes ainda do susto causado por Agüero, havia obrigado Ederson a voar e fazer linda defesa. Os donos da casa foram ao vestiário esperançosos. 

Na segunda etapa, Sané foi quem teve a primeira grande chance do embate, na casa dos 20 minutos. Bem posicionado na segunda trave, o alemão acertou em cheio o goleiro Hennessey, o homem que estava entre o Manchester City e a 19ª vitória consecutiva dos rivais. 

Companheiro de Hennessey, o insinuante Townsend foi outro a ter clara oportunidade para inaugurar o placar em Londres. Sem sucesso. Por falar em falta de sucesso, Milivojevic teve um pênalti aos 45 minutos. Era a chance de se consagrar e fazer história; nada feito. Ederson, com o pé, fez a defesa.

Antes ainda do apito final, mais um lance que deixou Pep com frio na espinha. Principal nome da temporada, De Bruyne foi outro que saiu lesionado, tendo que ser imobilizado. Os dois times, na real, não sabiam se vibravam ou lamentavam. Um 0 a 0 para lá de confuso e alvoroçado. 


E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance