menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Godoy Cruz sai na frente, mas Fred garante o empate do Atlético-MG

  •  Godoy Cruz x Atlético-MG
    Godoy Cruz 1x1 Atlético-MG AFP PHOTO / Andres Larrovere
  •  Godoy Cruz x Atlético-MG
    Godoy Cruz 1x1 Atlético-MG AFP PHOTO / Andres Larrovere
  •  Godoy Cruz x Atlético-MG
    Godoy Cruz 1x1 Atlético-MG AFP PHOTO / Andres Larrovere
  •  Godoy Cruz x Atlético-MG
    Godoy Cruz 1x1 Atlético-MG AFP PHOTO / Andres Larrovere
  •  Godoy Cruz x Atlético-MG
    Godoy Cruz 1x1 Atlético-MG Andres Larrovere / AFP
  •  Godoy Cruz x Atlético-MG
    Godoy Cruz 1x1 Atlético-MG Andres Larrovere / AFP
  •  Godoy Cruz x Atlético-MG
    Godoy Cruz 1x1 Atlético-MG Andres Larrovere / AFP
LANCE! - 08/03/2017 - 21:27
Mendoza (ARG)
Um dos favoritos ao título da Copa Libertadores, o Atlético-MG não iniciou a sua trajetória na edição deste ano da competição com triunfo. O Godoy Cruz saiu na frente com menos de dois minutos, mas Fred, marcando pela décima vez na temporada, garantiu o 1 a 1 na noite desta quarta-feira, no Estádio Malvinas Argentinas, em Mendoza.

PRÓXIMOS JOGOS

O Atlético voltará a atuar pela Libertadores no próximo dia 13, quinta-feira, quando receberá o Sport Boys, da Bolívia, na Arena Independência, às 21h45. Já o Godoy Cruz, dois dias antes, visitará o Libertad, no Nicolás Leoz, em Assunção.

GOL COM MENOS DE DOIS MINUTOS E GALO APÁTICO


Superior tecnicamente e com mais ritmo de jogo, o Galo tinha como meta apostar na sua qualidade, trabalhar a bola e, assim, tomar para si as rédeas do jogo. Mas o jogo proposto pelo técnico Roger Machado ruiu com menos de dois minutos. Após o lançamento vindo da defesa que Gabriel não cortou, Javier Correa, cara a cara com Giovanni, fez Godoy Cruz 1 a 0.

Após o gol sofrido, a missão atleticana foi buscar inspiração e espaço para agredir a equipe argentina. Mas sobrou tensão para o Galo, que não conseguiu se impor contra um adversário bem postado na defesa e que levava perigo nos contra-ataques. A melhor chance atleticana veio com Leonardo Silva, de cabeça, aos 14. Otero e Robinho tentaram fazer a diferença, mas não tiveram êxito. Já Fred, sem receber a bola, não conseguiu ser a referência ofensiva.

Eficaz com a bola nos pés, o Godoy Cruz conseguia envolver o Atlético com certa facilidade. Godoy Cruz que só não foi para o intervalo com uma vantagem por conta de Garro. A investida pela direita de González terminaria com o gol do atacante, mas ele, de frente para o gol e sem marcação, mandou a bola para fora, aos 44 minutos.

FRED DEIXA TUDO IGUAL, MAS GALO NÃO SAI DO EMPATE

Diante do desempenho ruim do Galo no primeiro tempo, Roger Machado optou por Cazares. A tentativa era garantir mais inspiração para um time que havia deixado a desejar. E logo com cinco minutos, o Atlético, que voltou bem do intervalo, chegou ao empate. O pênalti cometido por Albecasis em Elias culminou com o gol de Fred, o seu décimo na temporada. Tudo igual.

Após conquistar a igualdade, o Atlético tentou valorizar a posse de bola para ter o controle do jogo e, com isso, envolver o Godoy Cruz. Mas não era tarefa das mais simples transpor a marcação do time argentino. Roger Machado apostou em Clayton e, depois, Rafael Moura, mas o Galo não mostrou o repertório ofensivo que esperava.

Após a expulsão de Ortiz, aos 39 minutos, o Alvinegro passou a ter mais espaço, mas encontrou um Godoy Cruz ainda mais recuado. A pressão veio nos momentos finais, mas a equipe argentina soube segurar o empate diante do seu torcedor. 

FICHA TÉCNICA
GODOY CRUZ (ARG) 1 X 1 ATLÉTICO-MG


Local: Malvinas Argentinas, Mendoza (ARG)
Data-hora: 8/3/2017 – 19h30
Árbitro: Wilson Lamouroux (Fifa-COL)
Auxiliares: Eduardo Diaz (Fifa-COL) e John Alexander León (Fifa-COL)
Público: Não divulgado.
Cartões amarelos: Albecasis e Marcelo Benítez (GOD); Rafael Carioca (CAM)
Cartões vermelhos: Lucas Bernardi, 28'/1ºT (GOD) e Ortiz, 39'/2ºT(GOD)

Gols: Javier Correa, 1'1ºT(1-0) e Fred, 5'/2ºT(1-1)

GODOY CRUZ: Rodrigo Rey, Abecasis, Viera, Ortiz e Angileri; Serrano, Fernández, González e Gastón Giménez; Garro (Marcelo Benítez, 22'2ºT) e Javier Correa (Sigales, 34'/2ºT) – Técnico: Lucas Bernardi.

ATLÉTICO-MG: Giovanni, Marcos Rocha, Leonardo Silva, Gabriel e Fábio Santos; Rafael Carioca, Elias, Danilo Barcelos (Cazares, Intervalo) e Otero (Clayton, 34'/2ºT); Robinho e Fred (Rafael Moura, 36'/2ºT) – Técnico: Roger Machado.


E MAIS:
SEUCLUBE
atlético mineiro
botafogo
corinthians
cruzeiro
flamengo
fluminense
gremio
internacional
palmeiras
santos
sao paulo
vasco
Siga nas redes sociais
Facebook Lance Twitter Lance