Fraude? Capitão da Nicarágua diz não ter votado em Messi no The Best
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Fraude? Capitão da Nicarágua diz não ter votado em Messi no The Best

Lionel Messi
Messi foi eleito o melhor do mundo no 'The Best' (Foto: AFP)
LANCE! - 25/09/2019 - 15:36
Milão (ITA)
Na última segunda-feira, Lionel Messi foi eleito pela sexta vez na carreira o melhor jogador do mundo, na cerimônia 'Fifa The Best Football Awards', desbancando nomes como Virgil Van Dijk e Cristiano Ronaldo, segundo e terceiro colocados, respectivamente.

A votação para eleger o melhor jogador do mundo é dividida em quatro partes: 25% de voto popular pela internet, 25% de jornalistas de cada país filiado a Fifa, 25% dos técnicos de cada seleção, e 25% dos capitães de cada seleção.

E foi justamente o voto de um capitão que causou polêmica. Juan Barrera, capitão da Nicarágua, disse não ter votado em Messi, como foi computado pela Fifa. Ao divulgar a lista de votos, a entidade colocou que Barrera teria escolhido o argentino em primeiro, Sadio Mané em segundo, e Cristiano Ronaldo em terceiro.

No entanto, Barrera afirmou, por meio de seu Twitter, que não votou em Messi para o prêmio de 2019. Em entrevista ao jornal local 'La Prensa', o jogador disse que votou na premiação de 2018, mas que não foi procurado pela Fifa para a eleição deste ano.

E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance