Forlán, sobre CR7 na época de United: 'O dia inteiro se olhando no espelho'
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Forlán, sobre CR7 na época de United: 'O dia inteiro se olhando no espelho'

Cristiano Ronaldo Manchester United
Cristiano Ronaldo jogou de 2003 a 2009 no Manchester United (AFP)
LANCE! - 19/08/2019 - 12:16
Manchester (ING)
Aposentado dos gramados recentemente, o atacante Diego Forlán concedeu uma entrevista ao jornal 'Mirror' onde contou uma curiosidade sobre Cristiano Ronaldo. Ambos jogaram juntos no time inglês no início da última década. De acordo com o uruguaio, a vaidade do português no início da carreira era tanta, que ele ficava horas se olhando no espelho.

- Cristiano Ronaldo era egocêntrico no vestiário, mas de uma maneira diferente do Beckham. Ele estava sempre perto de um espelho. Ele ficava o dia inteiro se olhando no espelho - comentou o atacante, que jogou no Manchester United de 2002 a 2004. Cristiano chegou do Sporting aos Red Devils em 2003 e ficou por lá até 2009 quando se transferiu para o Real Madrid.

Além do United, Forlán também atuou por outras grandes equipes do futebol mundial como Atlético de Madrid e Inter de Milão. No Brasil, atuou pelo Internacional. Forlán comparou Cristiano com Beckham, porquê o uruguaio lembrou de outro episódio envolvendo o meio-campista inglês, que também prezava bastante pela estética de seu corpo: uma briga entre o atleta e Alex Ferguson.

E MAIS:
- Foi depois de uma partida contra o Arsenal na Copa da Inglaterra. Ferguson não estava feliz porque houve um lance em que Pires subiu sozinho pela esquerda. O Gary Neville estava no ataque, e o Beckham não o cobriu. No vestiário, Ferguson e Beckham começaram a se insultar, um insulto pior do que o outro. Os dois queriam ter a palavra final - disse Forlán, que emendou:

- Quando o Ferguson estava saindo do vestiário, parecia que a discussão havia acabado. Mas aí o Beckham disse mais alguma coisa. Ferguson se virou, viu uma chuteira no chão e chutou na direção do Beckham. Acertou bem na sobrancelha e abriu um corte. Nós vimos aquilo e pensamos: "Não, isso não está acontecendo". Os dois estavam prestes a brigar naquele momento. Foi quando Keane e Van Nistelrooy separaram - lembrou o atacante uruguaio.

Facebook Lance Twitter Lance