Emery se derrete por Neymar e diz que tiki-taka é 'conceito jornalístico'
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Emery se derrete por Neymar e diz que tiki-taka é 'conceito jornalístico'

Neymar e Unai Emery
Emery rasgou elogios a Neymar, contratado por 222 milhões de euros em agosto (Foto: AFP)
LANCE! - 08/02/2018 - 10:39
Madri (ESP)
Unai Emery volta à Espanha na próxima semana. Com passagem de muito sucesso pelo Sevilla, o treinador do Paris Saint-Germain estará em Madri na quarta-feira (14), para enfrentar o Real Madrid, pela ida das oitavas de final da Liga dos Campeões. E, para aquecer o aguardado duelo, concedeu entrevista ao jornal espanhol "Marca". 

Como não poderia ser diferente, Emery foi abordado em profusão sobre Neymar, bastante elogiado e tido como único pelo comandante espanhol. Além da antevisão do confronto do dia 14, marcado para o Santiago Bernabéu, Unai Emery fala sobre Mbappé e polemiza: "Tiki-taka é um conceito jornalístico".

- Estive em Valencia com Villa, Silva, Albiol, Marchena, Baraja... No Sevila, tive Rakitic. E chegando ao PSG, encontro jogadores de primeiro nível também. Se é verdade que Neymar nasceu para ser craque, para que seu talento o fizesse crescer e também o time. Nunca tive um (atleta) como ele, e estou muito agradecido de poder treiná-lo. Neymar fez uma aposta esportiva, saindo da zona de conforto que tinha no Barcelona e deve ganhar este respeito aqui. Está em processo - comentou. 

- Ele tem um grande coração, e as conversas que tive com ele sempre foram positivas. Sempre me disse que veio aqui ajudar, com humildade. No jogo, tem grande responsabilidade, e às vezes até temos que tirar este excesso. Dizemos a ele: "Calma, Ney". Quando o time deve acelerar ou fazer gols, o busca porque tem capacidade. Mas não é bom passar disso. Digo que estamos aqui para ajudá-lo, para que se sinta confortável em campo, e facilitar tudo para que seu talento defina no ataque - completou Unai Emery, ainda sobre Neymar. 

Mbappé - Rennes x PSG
Mbappé soma 15 gols em 30 jogos pelo PSG (Foto: AFP)
Emery também respondeu a respeito de outra estrela do PSG, esta bem mais jovem e em processo de lapidação. A ser comprado junto ao Monaco no fim desta temporada, Mbappé, de 19 anos, viu seu treinador manter os pés no chão quanto ao seu futuro. 

- Não dá para saber onde (Mbappé) vai chegar, mas a expectativa é muito grande (que se torne um grande craque). O Real e o Barcelona queriam Kylian, mas o PSG teve fibra para levá-lo. Acredito que a contratação de Mbappé não se deu pelo quesito econômico, mas, sim, pelo atrativo esportivo - disse Emery, emendando uma opinião sobre "tiki-taka", um sistema caracterizado por passes curtos e movimentação intensa, popularizado pelo Barcelona: 

- O tiki-taka é um conceito jornalístico. Nosso PSG é uma das equipes que, na Europa, mais dão passes em uma partida. Batemos às vezes 800 passes por duelo. Há poucos times que fazem isso. Só analisamos as partidas e vemos que somos mais capazes de chegar ao ataque com trocas de passes.

Por falar em troca de passes, Unai Emery salientou a importância do setor médio no embate com os Merengues, cujo trio Casemiro, Kroos e Modric é tido como o mais técnico do mundo. O técnico do PSG, por sua vez, entronizou uma peça-chave de seu time no setor, que atende por Marco Verratti.

- Marco tem personalidade e queremos que evolua. Nunca será um jogador que faça muitos gols, mas é extremamente vertical e será fundamental no penúltimo passe, sobretudo para encontrar a jogada em espaços vazios.

A primeira partida entre Real Madrid e Paris Saint-Germain será realizada na próxima quarta-feira, às 17h45 (de Brasília), na Espanha. Já a da volta, ocorrerá dia 6 de março, em Paris.

E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance