Efeito Brasileirão? Oito times já mudaram de técnico no Inglês
menu button lance
lancelogo lancelogo lance
LANCE
LANCE
X
Compartilhe



24/01/2018 | 11:45

Efeito Brasileirão? Oito times já mudaram de técnico no Inglês

  •  O holandês Frank de Boer não resistiu a quatro derrotas consecutivas no começo do Crystal Palace no Campeonato Inglês. Acabou demitido
    Frank de Boer não resistiu a quatro derrotas seguidas no início do Campeonato Inglês e foi demitido pelo Crystal Palace PAUL ELLIS / AFP
  •  Roy Hodgson - Crystal Palace
    O holandês foi substituído pelo experiente Roy Hodgson. Em 23 partidas, são sete vitórias e nove derrotas no comando do Palace (Foto: Ben Stansall / APF)
  •  Craig Shakespeare
    No meio de outubro, o Leicester demitiu Craig Shakespeare, que venceu apenas uma nas primeiras oito rodadas do Inglês AFP
  •  Claude Puel - Leicester
    Claude Puel assumiu e melhorou os Foxes. Em 18 partidas até agora, são oito vitórias e seis empates na temporada (Foto: Reprodução / Twitter)
  •  O holandês Ronald Koeman está com 53 anos de idade (Foto: AFP)
    Ronald Koeman ficou apenas 17 partidas à frente do Everton antes de ser demitido. Foram seis vitórias, sete derrotas e péssima situação na Liga Europa e Inglês (Foto: AFP)
  •  David Unsworth
    Sem Koeman, o Everton ficou com David Unsworth por um mês como interino. Neste período, foram oito jogos e apenas duas vitórias AFP
  •  Sam Allardyce
    Sam Allardyce assumiu o Everton no fim de novembro. O treinador tirou o time da parte inferior da tabela e o colocou em nono, posição que o clube se encontra atualmente (Foto: Reprodução / Twitter)
  •  Slaven Bilic - West Ham x Manchester City
    Outro que foi demitido foi Slaven Bilic. Com duas vitórias em 11 jogos no Inglês, ele não resistiu e caiu no West Ham (Foto: Justin Tallis / AFP)
  •  David Moyes - West Ham
    David Moyes entrou no lugar de Bilic e, até o momento, o West Ham deu uma respirada na tabela, em 11°. São quatro vitórias e cinco empates em 13 jogos do Inglês (Foto: Divulgação)
  •  Tony Pulis
    O West Bromwich também estava em maus lençóis e demitiu Tony Pulis, que somou apenas duas vitórias em 12 partidas no Inglês AFP
  •  Alan Pardew
    Para o lugar de Pulis, chegou Alan Pardew. A situação não mudou, o West Brom está na zona do rebaixamento e a campanha do treinador é muito ruim: uma vitória em dez partidas AFP
  •  Paul Clement, técnico recém-demitido do Derby County
    Paul Clement ficou 18 partidas à frente do Swansea no Inglês. Com apenas três vitórias, foi demitido em dezembro (Foto: AFP)
  •  Carlos Carvalhal - West Bromwich
    Com Carlos Carvalhal, o Swansea tenta deixar a lanterna. Na última segunda-feira, venceu o Liverpool por 1 a 0. São quatro jogos no Inglês, com duas vitórias e um empate (Foto: Geoff Caddick / AFP)
  •  Mark Hughes
    Em 2018, o primeiro a cair no Inglês foi Mark Hughes. O treinador foi demitido neste mês após maus resultados à frente do Stoke City: cinco vitórias em 22 partidas na Premier League AFP
  •  Paul Lambert
    O Stoke City anunciou Paul Lambert como treinador. O início foi promissor. No primeiro jogo, vitória por 2 a 0 sobre o Huddersfield e a saída da zona do rebaixamento (Foto: Paul Ellis / AFP)
  •  Marco Silva - Watford
    O último clube a mudar de treinador na Inglaterra até o momento foi o Watford. No domingo, Marco Silva foi demitido. O time foi a sensação do início do Inglês, mas caiu de produção. O português conquistou sete vitórias no campeonato, em 24 partidas (Foto: Javier Soriano / AFP)
  •  Javi Gracia
    No lugar de Marco Silva, o Watford contratou Javi Gracia. A estreia será no sábado, diante do Southampton, pela Copa da Inglaterra. Divulgação
SEUCLUBE
atlético mineiro
botafogo
corinthians
cruzeiro
flamengo
fluminense
gremio
internacional
palmeiras
santos
sao paulo
vasco
Siga nas redes sociais
Facebook Lance Twitter Lance