Efeito Brasileirão? Oito times já mudaram de técnico no Inglês
menu button lance
lancelogo lancelogo lance
LANCE
LANCE
X
Compartilhe



24/01/2018 | 11:45

Efeito Brasileirão? Oito times já mudaram de técnico no Inglês

  •  O holandês Frank de Boer não resistiu a quatro derrotas consecutivas no começo do Crystal Palace no Campeonato Inglês. Acabou demitido
    Frank de Boer não resistiu a quatro derrotas seguidas no início do Campeonato Inglês e foi demitido pelo Crystal Palace PAUL ELLIS / AFP
  •  Roy Hodgson - Crystal Palace
    O holandês foi substituído pelo experiente Roy Hodgson. Em 23 partidas, são sete vitórias e nove derrotas no comando do Palace (Foto: Ben Stansall / APF)
  •  Craig Shakespeare
    No meio de outubro, o Leicester demitiu Craig Shakespeare, que venceu apenas uma nas primeiras oito rodadas do Inglês AFP
  •  Claude Puel - Leicester
    Claude Puel assumiu e melhorou os Foxes. Em 18 partidas até agora, são oito vitórias e seis empates na temporada (Foto: Reprodução / Twitter)
  •  O holandês Ronald Koeman está com 53 anos de idade (Foto: AFP)
    Ronald Koeman ficou apenas 17 partidas à frente do Everton antes de ser demitido. Foram seis vitórias, sete derrotas e péssima situação na Liga Europa e Inglês (Foto: AFP)
  •  David Unsworth
    Sem Koeman, o Everton ficou com David Unsworth por um mês como interino. Neste período, foram oito jogos e apenas duas vitórias AFP
  •  Sam Allardyce
    Sam Allardyce assumiu o Everton no fim de novembro. O treinador tirou o time da parte inferior da tabela e o colocou em nono, posição que o clube se encontra atualmente (Foto: Reprodução / Twitter)
  •  Slaven Bilic - West Ham x Manchester City
    Outro que foi demitido foi Slaven Bilic. Com duas vitórias em 11 jogos no Inglês, ele não resistiu e caiu no West Ham (Foto: Justin Tallis / AFP)
  •  David Moyes - West Ham
    David Moyes entrou no lugar de Bilic e, até o momento, o West Ham deu uma respirada na tabela, em 11°. São quatro vitórias e cinco empates em 13 jogos do Inglês (Foto: Divulgação)
  •  Tony Pulis
    O West Bromwich também estava em maus lençóis e demitiu Tony Pulis, que somou apenas duas vitórias em 12 partidas no Inglês AFP
  •  Alan Pardew
    Para o lugar de Pulis, chegou Alan Pardew. A situação não mudou, o West Brom está na zona do rebaixamento e a campanha do treinador é muito ruim: uma vitória em dez partidas AFP
  •  Paul Clement, técnico recém-demitido do Derby County
    Paul Clement ficou 18 partidas à frente do Swansea no Inglês. Com apenas três vitórias, foi demitido em dezembro (Foto: AFP)
  •  Carlos Carvalhal - West Bromwich
    Com Carlos Carvalhal, o Swansea tenta deixar a lanterna. Na última segunda-feira, venceu o Liverpool por 1 a 0. São quatro jogos no Inglês, com duas vitórias e um empate (Foto: Geoff Caddick / AFP)
  •  Mark Hughes
    Em 2018, o primeiro a cair no Inglês foi Mark Hughes. O treinador foi demitido neste mês após maus resultados à frente do Stoke City: cinco vitórias em 22 partidas na Premier League AFP
  •  Paul Lambert
    O Stoke City anunciou Paul Lambert como treinador. O início foi promissor. No primeiro jogo, vitória por 2 a 0 sobre o Huddersfield e a saída da zona do rebaixamento (Foto: Paul Ellis / AFP)
  •  Marco Silva - Watford
    O último clube a mudar de treinador na Inglaterra até o momento foi o Watford. No domingo, Marco Silva foi demitido. O time foi a sensação do início do Inglês, mas caiu de produção. O português conquistou sete vitórias no campeonato, em 24 partidas (Foto: Javier Soriano / AFP)
  •  Javi Gracia
    No lugar de Marco Silva, o Watford contratou Javi Gracia. A estreia será no sábado, diante do Southampton, pela Copa da Inglaterra. Divulgação
SEUCLUBE
america-mineiro
atlético mineiro
atletico-paranaense
bahia
botafogo
ceara
chapecoense
corinthians
cruzeiro
flamengo
fluminense
gremio
internacional
palmeiras
parana
santos
sao paulo
sport
vasco
vitoria
Siga nas redes sociais
Facebook Lance Twitter Lance