Confira as dez maiores transações da história do futebol brasileiro
menu button lance
lancelogo lancelogo lance
LANCE
LANCE
X
Compartilhe



08/06/2018 | 17:42

Confira as dez maiores transações da história do futebol brasileiro

  •  Montagem Neymar, Vinicius Jr, Lucas e Jesus
    Conhecido por ser um celeiro de craques para o mundo, o Brasil está perto de vender mais uma joia para o futebol europeu. Disputando com o Barcelona, o Real Madrid fez uma proposta ao Santos de 45 milhões de euros (cerca de R$ 202 milhões) pelo jovem atacante Rodrygo, de apenas 17 anos. Assim, o jovem se tornaria a segunda transferência mais cara de um clube brasileiro ao lado de Vinicius Júnior, do Flamengo, em relação ao valor em euros, mas mais caro quanto a quantia em reais, já que a moeda europeia está mais valorizada agora. Confia a lista das 10 vendas mais caras do futebol brasileiro. AFP e Gilvan de Souza
  •  Barcelona 3x0 Celta de Vigo - gol de Neymar - 2014
    Neymar Neymar foi vendido ao Barcelona em 2013 por 88,4 milhões de euros, cerca de R$ 250,05 na cotação da época. Entretanto, o Santos ficou com apenas 17 milhões de euros. O jogador tinha apenas 11 anos quando começou a jogar na base do Peixe e, apesar de ter sido analisado pelo clube catalão dois anos antes, o contrato foi assinado na hora certa. Hoje, Neymar lidera a maior venda de um jogador brasileiro da história. (Foto: LLUIS GENE / AFP)
  •  Vinicius Júnior - Flamengo
    Vinicius Júnior Com apenas 16 anos, Vinicius Junior se tornou a segunda maior venda do futebol brasileiro. O atacante do Flamengo foi vendido ao Real Madrid por 45 milhões de euros em maio de 2017, cerca de R$ 164,50 na cotação da época. Um dos destaques do Flamengo nesta temporada, o jovem pode ir para o clube espanhol a partir de julho de 2018, quando completa 18 anos. (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)
  •  Lucas Moura - Sumido no PSG, o meia voltou a jogar na última sexta-feira e marcou um dos gols do PSG na vitória de 5 a 1 sobre o Metz.
    Lucas Moura Em 2012, o São Paulo acertou com o PSG a venda do meia-atacante Lucas por 43 milhões de euros, cerca de R$ 108,34 milhões na cotação da época. O valor foi pago à vista e o jogador foi integrado ao time francês em janeiro de 2013. Durante os três anos que atuou no profissional do São Paulo, Lucas conquistou a Copa Sul-Americana de 2012. Na base, um dos títulos foi a Copa São Paulo de 2010. DUANE BURLESON / GETTY IMAGES NORTH AMERICA / AFP
  •  Gabriel Jesus
    Gabriel Jesus Gabriel Jesus foi vendido pelo Palmeiras ao Manchester City com apenas 19 anos, em 2016. O valor da compra do atacante foi de 32,71 milhões de euros, cerca de R$ 121,1 milhões. Durante os dois anos em que defendeu o Verdão como profissional, o jogador conquistou a Copa do Brasil de 2015 e o Campeonato Brasileiro de 2016. (Foto: Ben Stansall/AFP)
  •  Oscar - Chelsea
    Oscar Oscar foi vendido ao Chelsea em 2012 por 32 milhões de euros, cerca de R$ 79,19 na cotação da época. O jogador ficou no Colorado por apenas dois anos. Anteriormente, no São Paulo, Oscar havia conquistado o Campeonato Brasileiro de 2008. A venda foi a maior já realizada pelo clube gaúcho. (Foto: Divulgação)
  •  Denilson  - Betis
    Denílson Em 1997, o Betis pagou 31,5 milhões de dólares para tirar o meia-atacante Denílson, do São Paulo. Na época, ele foi o jogador mais caro da história. O jogador acertou um contrato de 11 anos com o time espanhol com o acordo de receber três milhões de euros por temporada. (Foto: Divulgação)
  •  Arthur - Grêmio
    Arthur Em março deste ano, o Grêmio acertou a venda de Arthur para o Barcelona por 30 milhões de euros (R$ 120 milhões) que podem ser somados a outros 10 milhões de euros (R$ 40 milhões) a título de objetivos do volante, como convocações para a Seleção Brasileira. Apesar de a transferência estar concretizada, o volante que foi destaque da última Libertadores da América fica no time brasileiro até dezembro de 2018. (Foto: Lucas Uebel/ Grêmio/Divulgação)
  •  Bologna x Inter - Gabigol
    Gabigol Gabigol estava sendo disputado pelo Inter de Milão e pela Juventus. Para atrair o jogador, a Internazionale de Milão ofereceu cinco milhões de euros a mais do que o valor oferecido pela Juventus. A venda foi concretizada por 25 milhões de euros, cerca de R$ 91 milhões de reais. (Foto:Divulgação/Twitter Inter de Milão)
  •  Bernard - Feyenoord x Shakhtar Donetsk
    Bernard Em 2013, Bernard deixou o Atlético-MG para atuar no Shakhtar Donetsk. O Galo vendeu o jogador por 25 milhões de euros, (cerca de R$ 77 milhões, na época). Na época, o Porto também tinha interesse no atleta. No acordo, Bernard receberia cerca de R$ 1,17 milhão por mês. Com o acerto, o jogador se tornou o 12º brasileiro a ser integrado ao clube ucraniano. (Foto: John Thys / AFP)
  •  Robinho no Real Madrid
    Robinho Foi na madrugada do dia 30 de julho de 2005 que o Santos aceitou a oferta de 30 milhões de dólares (cerca de R$ 71 milhões na época) oferecida pelo Real Madrid para a compra do atacante Robinho. Na época o jogador foi o quarto brasileiro a ser contratado pelo clube. (Foto: AFP)
SEUCLUBE
atlético mineiro
botafogo
corinthians
cruzeiro
flamengo
fluminense
gremio
internacional
palmeiras
santos
sao paulo
vasco
Siga nas redes sociais
Facebook Lance Twitter Lance