Na Bélgica há oito anos, brasileiro fala sobre escândalo: 'Pode afetar a imagem do futebol daqui'
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Na Bélgica há oito anos, brasileiro fala sobre escândalo: 'Pode afetar a imagem do futebol daqui'

  •  Canesin
    Veja imagens de Fernando Canesin (Foto: Divulgação/KV Oostende)
  •  Canesin - Oostende
    Veja imagens de Fernando Canesin (Foto: Divulgação / Site oficial do KV Oostende)
  •  Fernando Canesin - Oostende
    Veja imagens de Fernando Canesin (Foto: Divulgação / Site oficial do Oostende)
  •  Fernando Canesin - Oostende (Foto: Divulgação)
    Veja imagens de Fernando Canesin (Foto: Divulgação)
Mário Boechat - 10/10/2018 - 17:01
Bruxelas (BEL)
O futebol mundial amanheceu nas páginas policiais nesta quarta-feira. Na Bélgica, uma operação realizou buscas e apreensões em dez de 16 clubes da Primeira Divisão, em 44 localidades diferentes. O intuito foi desmontar uma organização criminosa que utilizou o esporte no país para lavagem de dinheiro e outras atividades corruptas. Entre os suspeitos estão donos de clubes, dirigentes, jogadores, empresários, treinadores e árbitros semi-profissionais.

Entre os envolvidos estão dois árbitros, o empresário Mogi Bayat, ex-diretor do Anderlecht e que controla cerca de 90% do mercado de transferências no país, e o técnico Ivan Leko, do Clube Brugge, que disputa a Liga dos Campeões.

Atuando na Bélgica desde 2010, o brasileiro Fernando Canesin explica como está o cenário do futebol no país após as denúncias de corrupção.

- Foi uma surpresa para a gente. Foi a primeira vez que acontece isso na Bélgica. Pode afetar a imagem do futebol belga, a Justiça daqui em relação a isso é de tolerância zero. Se for comprovada a corrupção, as pessoas envolvidas serão punidas para não manchar o que a Bélgica vem construindo com o futebol nos últimos anos. Tanto que a seleção vive um grande momento e não é esse acontecimento que vai sujar o nome do país - declarou o meia Fernando Canesin, ao LANCE!:

E MAIS:
- Durante algum tempo vão falar disso aqui na Bélgica, mas não vai sujar o futebol daqui, não. A Bélgica tem sido uma grande vitrine mundial. Não é à toa que a seleção vive a sua melhor geração, ficou em terceiro na Copa do Mundo, a melhor colocação da história do país. Isso vai ser decidido pela Justiça, vão punir os envolvidos. Depois de um tempo, volta ao normal.

Canesin atua no Oostende desde 2013/14. Antes, ficou três temporadas pelo Anderlecht, um dos principais clubes do país, que teve seu ex-diretor detido na operação. Mogi Bayat é um dos mais conceituados empresários do futebol do país.

- Ele é o maior empresário relacionado ao futebol aqui da Bélgica. A gente sempre o vê nos jornais, fazendo as principais negociações do Anderlecht, do Club Brugge, do Standard Liège. É um cara que sempre foi muito aberto em relação a todas as transferências, sempre explicava tudo o que fazia em relação ao clube, ao jogador. Nunca imaginaria que ele estaria envolvido nesse escândalo. Ele é um cara muito respeitado na Bélgica. Nunca tive proximidade com ele, mas ele está sempre nos jornais.

O brasileiro revelou ainda como está o ambiente na Bélgica após as investigações tornarem-se públicas.

- O clima aqui no país está bem pesado. E no Oostende também. Quando cheguei para treinar, não sabia de nada. Os jogadores estavam todos comentando. Fui perguntar e falaram do acontecido, um amigo estava me mostrando o site onde havia as informações sobre os envolvidos, um deles é dos maiores empresários do país, havia treinador de grande equipe, dirigentes de alguns clubes, dois árbitros... É um escândalo o que aconteceu, ninguém esperava. Então, o país está bem chocado quanto a isso. E agora estamos esperando para ver o que vai acontecer.

Fernando Canesin - Oostende (Foto: Divulgação)
Fernando Canesin tem dois gols na temporada (Foto: Divulgação)
Apesar de estar há oito anos na Bélgica, Canesin nunca presenciou nada ilegal neste período.

- Foi a primeira vez que aconteceu aqui, tanto é que está todo mundo surpreso. Só se fala nisso aqui. Por isso foi uma bomba para todo mundo. Mas nunca ninguém chegou em mim e falou, nunca presenciei nada do tipo. Foi uma surpresa enorme não só para mim, mas para todos relacionados ao futebol.

CANESIN VEM EM BOA TEMPORADA

O meia vem vivendo boa temporada no Oostende. Ele já marcou dois gols e deu duas assistências em dez partidas disputadas. O brasileiro espera melhorar ainda mais para ajudar o seu time no Campeonato Belga.

- Graças a Deus estou fazendo um bom início de temporada. Era uma coisa que faltava para mim, pois nos últimos anos eu conseguia dar muitos passes, mas marcava poucos gols - admitiu.

Apesar do bom momento do meia, o Oostende ocupa a oitava colocação, a 12 pontos do líder Genk. Canesin espera que o time chegue, ao menos, na sexta colocação, para se classificar para o playoff 1.

- O clube mudou a direção, a comissão técnica. A filosofia do clube é outra, tem bastante jogadores jovens no elenco, de 19 e 20 anos. Estamos fazendo um bom início de temporada. Brigar por alguma liga europeia é difícil de falar, pois os grandes daqui, como o Anderlecht, Brugge, Standard e até o Genk estão bem fortes esse ano. Mas vamos brigar para ficar os seis primeiros para disputar o playoff 1 e vamos tentar continuar com este nível. É uma equipe jovem, mas com grande talento, que pode chegar longe.

Facebook Lance Twitter Lance