Em testes, Marcelo Oliveira esboça um Flu um pouco 'mais cascudo'
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Em testes, Marcelo Oliveira esboça um Flu um pouco 'mais cascudo'

Marcelo de Oliveira com a comissão técnica do Fluminense
Marcelo Oliveira vai mudar esquema tático do Fluminense (Lucas Merçon / Fluminense F.C.)
LANCE! - 09/07/2018 - 06:25
Rio de Janeiro (RJ)
Ao chegar ao Fluminense, o técnico Marcelo Oliveira afirmou que o fato de o elenco ter muitos jogadores jovens foi um ponto visto como positivo para que o acertou acontecesse. Ao mesmo tempo, indicou que seria interessante mesclar tal juventude com experiência. E, ao menos nos primeiros esboços que tem feito, aponta que, no segundo semestre, o Tricolor pode ter um time um pouco mais "cascudo".

Enquanto a equipe base comandada pelo então técnico Abel Braga tinha uma média de idade de 22,7 anos, o escalado por Marcelo Oliveira, tem 25,2 - considerando Robinho como titular. Caso o recém-chegado Luciano ocupe a posição, tal número passaria para 25,4.


Até o momento, os dois reforços do Fluminense contratados durante a paralisação do Campeonato Brasileiro são o zagueiro Digão, de 30 anos, e o atacante Luciano, de 25.

Nos treinos, a dupla de zaga foi formada por Gum, de 32 anos, e Digão. Além disso, com o meio de campo com mais peças, o volante Airton, de 28 anos, pode ganhar oportunidade. Richard, de 24, que atuava como titular com Abel, perdeu um pouco de espaço com o novo treinador.


No ataque, em relação a esse quesito, porém, pouca mudança. Luciano, que foi apresentado na última semana, tem a mesma idade de Marcos Junior, que vinha sendo titular ao lado de Pedro, e dois anos mais velho que Robinho, que também foi testado na posição.

A diretoria tricolor ainda busca reforços no mercado. Um dos focos seria um meia e um centroavante, mas a chegada de mais um zagueiro não é descartada.

E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance