No Flu, Marcelo Oliveira reencontra Leo, com quem trabalhou no Coritiba
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

No Flu, Marcelo Oliveira reencontra Leo, com quem trabalhou no Coritiba

Lateral-direito Leo treina no Fluminense
Leo atuou no Coritiba na última temporada (LUCAS MERÇON / FLUMINENSE F.C.)
Alexandre Araújo - 28/06/2018 - 06:45
Rio de Janeiro (RJ)
No começo de trabalho no Fluminense, o técnico Marcelo Oliveira deparou-se com um elenco que mescla jogadores jovens com alguns mais experientes – muitos com quem vai trabalhar pela primeira vez -, mas também teve a chance de reencontrar um velho conhecido: o lateral-direito Léo, com quem esteve no Coritiba, no ano passado. O jogador acertou com o Tricolor no começo de fevereiro e, quatro meses depois, foi a vez do treinador.

Ao chegar ao Tricolor, Marcelo Oliveira admitiu que a tendência é adotar um esquema diferente do que vinha sendo utilizado ao longo da temporada, o 3-5-2, salientando que conversaria com o grupo para assinalar tal mudança tática. E, segundo o camisa 33, o técnico costuma ser bastante rigoroso neste sentido, escolhendo quem acha que está melhor para cumprir a função esperada.

- Taticamente, Marcelo cobra bastante. As equipes dele costumam ser muito aplicadas neste sentido. Estamos muito confiantes que o trabalho dele aqui será o melhor possível em todos os sentidos – disse.

O bate-papo com os jogadores pode ser um dos trunfos de Marcelo Oliveira para fazer o Fluminense afastar a má fase no Campeonato Brasileiro (cinco jogos sem vitórias e quatro derrotas consecutivas) e voltar a ter resultados positivos.

- Marcelo [Oliveira] é um treinador muito experiente e tem grandes trabalhos na carreira. Ele dá confiança ao elenco e sabe extrair o melhor dos jogadores. Além disso, tem um diálogo aberto com os atletas e costuma cobrar bastante. Isso é importante – afirmou o lateral-direito, que completou:

- Sem dúvida ele tem a chance de fazer um grande trabalho aqui no Fluminense. Não só pelo elenco que o clube tem hoje, mas pela vontade de todos em fazer um grande segundo semestre neste ano. Vamos procurar nos ajudar bastante para que isso aconteça.

Leo aponta ainda a importância destes dias sem partidas para que o grupo possa assimilar os objetivos da nova comissão técnica:

- Esse período sem jogos será muito importante para todos aqui, até porque teremos tempo para trabalhar com a nova comissão técnica. As próximas semanas serão fundamentais para evoluirmos e melhorarmos nosso rendimento visando o reinício do Campeonato Brasileiro. Vamos aproveitar ao máximo os próximos dias para voltarmos com tudo na competição.

De acordo com Angioni, até o retorno do Brasileiro, a princípio estão programados dois jogos-treinos no próprio centro de treinamento, mas pode chegar a três.


E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance