Fábio Moreno celebra vaga na Série A: 'Lugar de direito do Fluminense'
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Fábio Moreno celebra vaga na Série A: 'Lugar de direito do Fluminense'

Fluminense x America-MG
Divulgação Fluminense
LANCE! - 02/12/2018 - 20:22
Rio de Janeiro (RJ) 
Foi uma fogueira das grandes que Fábio Moreno precisou encara. Demissão de Marcelo Oliveira e assumir o cargo de treinador na última rodada do Campeonato Brasileiro. Após a vitória contra o América-MG, neste domingo, no Maracanã, o novo comandante comemorou a permanência na Série A que, segundo ele, é o "lugar de direito do Fluminense". 

- Foi um desafio grande, mas contei com a ajuda de muitas pessoas. Ninguém faz nada sozinho. Os jogadores mostraram quem eles são. Lutaram do começo ao fim, foram até o limite, se esgotaram. Por isso que nos deu força para aceitar o desafio. Grupo muito grande que trabalhou para o Fluminense ter uma boa temporada. Staff, departamento médico, supervisão, análise de desempenho. A Série A é o lugar de direito do Fluminense. 

Fábio Moreno foi elogiado também pelo presidente Pedro Abad, que brincou que o comandante tem "100% de aproveitamento". O treinador foi lembrado que o clube está há quatro anos lutando contra o rebaixamento, afirmou que o objetivo foi atingido, mas que a torcida não merece passar por essa situação. 

- A gente celebra, mas é mais um sentimento de alívio. A grandeza do Fluminense não é salvar do rebaixamento, é conquistar títulos. Na nossa missão atingimos o objetivo. Mas a torcida não merece passar por isso.

O treinador também explicou as opções em sua escalação. Kayke foi titular, enquanto Sornoza e Everaldo ficaram no banco. Fábio explicou a opção pelo centroavante e revelou que "ele merecia uma chance" pela sua dedicação nos treinos. 

- Se analisarmos o desempenho dos atacantes, fica nítida a diferença do Pedro. Ano passado dependíamos do Dourado. É normal. Esse ano o ano espetacular era do Pedro. Quando tentei usar o Kayke era para tentar mudar um pouco essa história. Vínhamos de uma série de jogos sem fazer gol. Se vocês vissem o treinamento, veriam como o Kayke se entrega. Ontem nasceu a filha dele. Pensei: ''Esse cara merece uma chance''. Luciano estava muito sozinho nos últimos jogos. A verdade é que o Brasil carece de centroavantes. 

Facebook Lance Twitter Lance