Arrascaeta se destaca como 'falso 9' e é aprovado por Jesus, que realça: 'Nunca jogamos da mesma maneira'
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Arrascaeta se destaca como 'falso 9' e é aprovado por Jesus, que realça: 'Nunca jogamos da mesma maneira'

Flamengo x Fluminense
Arrascaeta atuou durante 81 minutos contra o Fluminense (Foto: Alexandre Vidal / Flamengo)
Lazlo Dalfovo - 13/02/2020 - 17:20
Rio de Janeiro (RJ)
Os primeiros minutos da atuação do Flamengo sobre o Fluminense foram de impressionar. Um massacre que culminou em dois gols em menos de dez minutos e um rival nas cordas, pela semifinal da Taça Guanabara, no Maracanã. Com a estratégia de sucesso, um detalhe tático chamou a atenção: Arrascaeta atuando como um "segundo avançado" ou até como "falso 9". 

Arrascaeta iniciou o duelo flutuando por trás dos volantes tricolor - Henrique e Yuri - e fez com que a dupla de zaga, composta por Luccas Claro e Digão, perdesse a referência na marcação. Gabigol esteve mais aberto pela ponta direita, enquanto Bruno Henrique, pela esquerda. O último, aliás, aproveitou um belo cruzamento do uruguaio para abrir o placar. 

Flamengo - Arrascaeta
Arrascaeta (em destaque) como 'falso 9' (Foto: Lazlo Dalfovo)
Além da assistência, Arrascaeta, entrelinhas, foi participativo e, dentro da área, chegou perto de marcar após receber de Gabigol; parou em Muriel. A respeito da alteração tática, Jorge Jesus aprovou o que viu, sobretudo na etapa inicial.  

- Principalmente nos primeiros 45 minutos, (Arrascaeta) foi muito forte e fundamental para a qualidade da equipe. Nunca jogamos da mesma maneira. Repetimos a ideia algumas vezes, mas nunca jogamos da mesma maneira. Arrascaeta jogou como segundo avançado, atacante, e normalmente não joga ali. Portanto, são situações que trabalhamos taticamente, e acho que ele esteve muito bem enquanto teve capacidade física. Pensei que, neste jogo, seria importante ter um jogador com as características dele por ali.  










Arrascaeta ainda não foi às redes em 2020 e foi substituído nos três jogos da equipe principal até aqui. Ainda em busca de sua melhor forma física, tem sido peça fundamental para que o ataque mantenha a letalidade de 2019. 

E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance