Reforço do Atalanta, Arana promete um dia retornar ao Corinthians
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Reforço do Atalanta, Arana promete um dia retornar ao Corinthians

Guilherme Arana
Guilherme Arana jogou 12 anos no Corinthians contando as temporadas nas categorias de base (Divulgação)
LANCE! - 09/09/2019 - 14:05
São Paulo (SP)
Recém-negociado com o Atalanta, da Itália, o lateral Guilherme Arana prometeu um dia retornar ao Corinthians, clube que o revelou ao futebol mundial. No início desta temporada, o Timão tentou tirar o atleta do Sevilla, mas os espanhóis não aceitaram os valores oferecidos pela diretoria do Alvinegro.

- Sou muito grato ao Corinthians, clube que abriu as portas para mim e para minha família, onde pude ser reconhecido. Foram 12 anos vestindo essa camisa. Pode ter certeza de que um dia eu retornarei - afirmou o lateral em entrevista para o Globo Esporte.

TABELA
> Confira a tabela atualizada do Campeonato Brasileiro



E MAIS:
Destaque do Timão na conquista do Campeonato Brasileiro de 2017, Guilherme Arana despertou a atenção de diversos clubes europeus. O lateral acabou sendo vendido para o Sevilla por 10 milhões de euros, mas não conseguiu cavar seu espaço na Espanha.

Depois de ter feito apenas 25 partidas em uma temporada e meia, Arana acertou sua transferência para o Atalanta, da Itália. Agora, o ex-corintiano se prepara para jogar a Liga dos Campeões da Europa. Seu clube está no Grupo C, ao lado de Dínamo Zagreb, da Croácia, Manchester City, da Inglaterra, e Shakhtar Donetsk, da Ucrânia.

- Bateu o desespero. Tenho 22 anos e quero jogar, estava louco para jogar e não ia para os jogos. Minha família sempre me orientou, falou que estava comigo independentemente do que eu estava passando. Fui trabalhando, sabendo que a oportunidade iria aparecer em algum lugar. Não deu certo no Corinthians, segui trabalhando, graças a Deus e junto com meus agentes consegui um grande clube, onde me senti muito bem - explicou o jogador, que havia acertado salários com o Timão no início da temporada, mas permaneceu atuando na Europa. 

Facebook Lance Twitter Lance