Pai de primeira viagem, Mateus Vital celebra fase especial: 'É o meu melhor momento no Corinthians'
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Pai de primeira viagem, Mateus Vital celebra fase especial: 'É o meu melhor momento no Corinthians'

Corinthians Mateus Vital
Mateus Vital foi liberado dos treinos de segunda e terça para ficar com sua família e curtir os primeiros dias de vida de sua filha Antonella (© Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians)
Yago Rudá - 05/09/2019 - 12:05
São Paulo (SP)
O corintiano Mateus Vital vive grande fase. Em alta com a camisa do Timão, o meio-campista foi liberado pelo clube do Parque São Jorge no início desta semana para acompanhar o nascimento de Antonella, sua primeira filha. Na manhã desta quinta, o jogador foi presenteado pelo clube com um kit baby do Alvinegro e comentou sobre o momento especial em sua vida.

- Quando as duas coisas estão bem, em casa e dentro de campo, trabahando no dia a dia é difícil dar errado. É o meu melhor momento no Corinthians. Sequência boa de jogos, jogos bons, importantes. Fico feliz em contribuir com a equipe, isso é o mais importante - afirmou o meio-campista do Timão em coletiva de imprensa no CT Joaquim Grava.




No último domingo, Mateus Vital poderia não ter entrado em campo para viajar ao Rio de Janeiro e acompanhar o nascimento de sua filha. O jogador optou por enfrentar o Atlético-MG, fez uma grande partida e ajudou o Timão a vencer o Galo e assumir a terceira colocação no Campeonato Brasileiro. Na sequência, o meia viajou para sua cidade-natal e conseguiu ver o parto de Antonella.

- Uma experiência maravilhosa. É um sentimento que não tem explicação. Quando eu estava entrando para ver o parto fiquei mais ansioso do que qualquer jogo, qualquer decisão - comentou o jogador, ao citar o nervosismo ao acompanhar sua esposa no parto de Antonella.

No sábado, às 11h, o Corinthians mede forças com o Ceará, em Itaquera, pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Timão está na terceira colocação do torneio nacional e pode encostar nos líderes Santos e Flamengo em caso de vitória diante da equipe nordestina. 

A tendência é de que o Alvinegro entre em campo com Cássio; Michel Macedo, Manoel, Gil e Avelar; Gabriel; Jadson, Júnior Urso, Mateus Vital e Clayson; Love. 

TABELA


E MAIS:
Confira outros trechos da coletiva de Mateus Vital:

Sobre jogar centralizado
Jogava assim no Vasco e não escondia a minha vontade de jogar por ali. O Carille tem me dado essa oportunidade. Temos um elenco muito forte para brigar pelo Brasileirão e também pela Sul-Americana.

Metas profissionais
Desde que cheguei aqui sempre toquei na tecla de querer me firmar na equipe titular. Sobre objetivo coletivo quero muito conquistar esses dois títulos. Ainda não tenho título nacional ou internacional e, com certeza, essas duas conquistas me fariam muito feliz. O grupo entraria para a história do Corinthians.

Situação do volante Gabriel
A gente fica feliz e triste. Triste pelo ocorrido. Uma situação muito constrangedora, mas fico feliz por ter ele aqui de novo. É um jogador que tem a cara do Corinthians, identificado com o clube.

Sondagens de clubes do exterior
Teve algumas conversas, mas nunca chegou algo concreto. Algumas pessoas mandaram mensagens pelo Instagram. A janela fechou e agora é foco total no Corinthians.

Sobre o Corinthians ter seis desfalques para o jogo de sábado
A gente sempre toca na tecla de ter um elenco forte, um elenco qualificado. Tenho certeza que quem entrar vai dar o seu melhor para manter o nível da equipe.

Horário da partida contra o Ceará (11h de sábado)
Não me adaptei muito também, não. A gente precisa comer macarrão de manhã é meio difícil. Fica mais por conta da alimentação, mas pelo jogo não tem problema não. Lógico que jogar em Manaus seria desumano, mas aqui em São Paulo não tem problema não. É mais pela alimentação.

Possibilidade de ser negociado
Isso faz parte do futebol, ainda mais quando um jogador joga frequentemente. Eu vim para o Corinthians comprado e acontecer uma venda é algo super normal dentro do futebol, mas eu estou focado no meu futebol, em ajudar o clube.

Sobre jogada parecida com a de Philippe Coutinho batendo de chapa de fora da área
Nunca escondi para ninguém que meu ídolo no futebol é o Coutinho. Vejo direto alguns vídeos dele. Desde o ano passado, o Carille vem me cobrando para fazer mais isso. Uma hora a bola vai entrar. Tenho certeza que vou conseguir vazar o goleiro e fazer um gol pelo Corinthians.

Busca por gols
Até se eu tivesse números altos (o jogador tem dois gols e duas assistências na temporada) entraria em todos os jogos buscando dar assistência e fazer gols. O mais importante é pensar em prol do coletivo e, claro, se eu puder fazer o gol e dar uma assistência vai ser melhor ainda.


Facebook Lance Twitter Lance