Miranda não revela mágoa por ausência nas Copas de 2010 e 2014
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Miranda não revela mágoa por ausência nas Copas de 2010 e 2014

Miranda (Inter de Milão) - No clássico local pelo Italiano, contra o Milan, o zagueiro teve uma atuação segura e não comprometeu no empate em 0 a 0.
Miranda em ação no clássico contra o Milan (Foto: MIGUEL MEDINA / AFP)
LANCE! - 10/04/2018 - 11:20
Milão (ITA)
Miranda é um dos nomes certos na lista do técnico Tite para a Copa do Mundo da Rússia. Será a primeira vez que o jogador, de 33 anos, disputará um Mundial. Em entrevista ao site oficial da Fifa, o zagueiro não tem mágoa por ter ficado fora de 2010 e 2014.

- Eu acho que a Copa do Mundo está vindo na melhor hora possível para mim. Eu evoluí muito neste período, em termos de experiência e táticas. Eu sinto que tive uma grande chance de ir para as duas últimas Copas do Mundo, mas realmente sinto como se estivesse muito melhor preparado desta vez. Há uma grande diferença.

O experiente jogador afirma que pesou, para não ser chamado para a Copa de 2010, a expulsão na última rodada das Eliminatórias contra a Venezuela. Na ocasião, ele pegou dois jogos de suspensão e desfalcaria a Seleção no Mundial da África do Sul. O zagueiro diz que sua convocação poderia ser um risco.

- Acho que sim. Juan teve problemas de lesão naquele ano, então Dunga poderia ficar sem um zagueiro. Eu tenho mais experiência agora, e, olhando para trás, poderia ter evitado aquele cartão. Mas isto acontece quando se é um atleta - destacou.

Miranda é titular incontestável da Seleção de Tite
Miranda é titular da Seleção (Foto: Lucas Figueiredo / CBF)
Agora na Inter, Miranda faz dupla com o eslovaco Skriniar, a terceira menos vazada do Campeonato Italiano, com 22 gols sofridos em 31 jogos. Apesar da proximidade da Copa do Mundo, o zagueiro garante foco no clube de Milão, que está em quinto no Calcio, ainda lutando por um lugar na próxima Liga dos Campeões.

- Não posso pensar tanto na Copa agora. Estou apenas pensando em me preparar bem, em estar no meu melhor e ter uma grande campanha com a Inter de Milão. Meu maior objetivo agora é ajudar o time a chegar à Liga dos Campeões. Os jogadores da Seleção têm conversado sobre isso, e sabemos que a melhor forma de evoluir é ir bem com nossos clubes. Todos temos este pensamento.

E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance