Marquinhos Santos assume que decisão de poupar Camilo partiu dele
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Marquinhos Santos assume que decisão de poupar Camilo partiu dele

Bahia x Chapecoense - Marquinhos Santos
Foto: Márcio Cunha
Futebol Latino - 07/11/2019 - 18:19
Salvador (BA)
Chamou a atenção na escalação da Chapecoense contra o Bahia na Arena Fonte Nova a ausência tanto do time titular como do banco de reservas do meio-campista Camilo, nome comumente frequente no 11 inicial.


Segundo declaração do técnico Marquinhos Santos, a ideia era preservar o jogador mediante o desgaste recente que a equipe catarinense tem enfrentado com o calendário mais "achatado". Mesmo após conversa com o atleta, o técnico disse que deu a última palavra acenando para a preservação de Camilo:



- Eu conversei com o Camilo e a decisão foi minha. Ele vinha num ritmo de jogos que não teve em um ano e meio. E a performance caiu no segundo tempo contra o São Paulo. Ele queria jogar mas preferi preservá-lo de um jogo que era mais de contato físico e contar com ele para um jogo mais técnico.

Além do meia, outros nomes que também fazem parte do grupo de atletas que tem sido titulares da equipe chegaram a ir ao banco, casos do goleiro Tiepo e do meia Gustavo Campanharo.

Em relação a como se apresenta o panorama para tentar escapar da degola (11 pontos para o Ceará, 16° colocado), apesar da notória dificuldade em tirar a desvantagem, a postura é de seguir passando a sensação de confiança para obter o feito.

- Os atletas vêm demonstrando entrega e vamos seguir buscando sair da zona de rebaixamento. Vamos pensar jogo a jogo. Tem sete partidas e ainda é possível - avaliou.

A próxima oportunidade onde a Chape tentará aumentar suas chances de se manter na Série A do Brasileirão será na Arena Condá recebendo o Grêmio no domingo (10) às 19h (horário de Brasília).

E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance