Roger marca, Ferraz 'salva' Gabigol e Corinthians e Santos só empatam
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Roger marca, Ferraz 'salva' Gabigol e Corinthians e Santos só empatam

  •  Corinthians x Santos
    Corinthians x Santos Ricardo Moreira/Fotoarena
  •  Corinthians x Santos
    Corinthians x Santos Ricardo Moreira/Fotoarena
  •  Corinthians x Santos
    Corinthians x Santos Ricardo Moreira/Fotoarena
  •  Corinthians x Santos
    Corinthians x Santos Ricardo Moreira/Fotoarena
  •  Corinthians x Santos
    Corinthians x Santos Ricardo Moreira/Fotoarena
  •  Corinthians x Santos
    Corinthians x Santos Ricardo Moreira/Fotoarena
  •  Corinthians x Santos
    Corinthians x Santos Rodrigo Gazzanel/RM Sports
  •  Corinthians x Santos
    Corinthians x Santos Rodrigo Gazzanel/RM Sports
  •  Corinthians x Santos
    Corinthians x Santos Luis Moura / WPP
  •  Corinthians x Santos
    Corinthians x Santos Luis Moura / WPP
Ana Canhedo - 06/06/2018 - 22:57
São Paulo (SP)
Na Arena, em Itaquera, Corinthians e Santos empataram por 1 a 1, pela décima rodada do Campeonato Brasileiro, em jogo marcado por dois gols incríveis perdidos por Gabigol. Roger fez para o Timão no início do segundo tempo e o lateral-direito Victor Ferraz empatou para o Peixe. Com o resultado, o donos da casa ocupam a oitava colocação na tabela da disputa por pontos corridos e o Alvinegro da Baixada Santista é o 15º, duas posições acima da zona de rebaixamento do torneio. 

Com boas atuações de Pedrinho e Rodrygo, as joias das duas equipes, o jogão em Itaquera antecedeu o compromisso dos times no fim de semana. No sábado, o Timão recebe o Vitória, também na Arena. Já o Peixe enfrenta o Internacional, na Vila Belmiro, no domingo Será o penúltimo jogo das equipes antes da pausa para a Copa do Mundo, na Rússia. 

Assim não, Gabigol...
Quem não faz... toma! Duas chances inacreditáveis saíram dos pés de Gabigol e quase determinaram o resultado do jogo. Primeiro, com o joelho esquerdo, o camisa 10 isolou a bola cruzada por Jean Mota, com o gol aberto, após furada de Walter. No início do segundo tempo, o camisa 10 santista fez linda tabela com Sasha na meia-lua e entrou sozinho com Walter na grande área. Cara a cara com o goleiro, chutou para fora. Quem não faz... toma!

Bastaram alguns segundos para o Corinthians reagir e abrir o placar. Pedrinho achou Rodriguinho na linha de fundo, o meia cruzou rasteiro e encontrou Roger, que se antecipou a Lucas Veríssimo e marcou o gol que poderia ser o da vitória...

Empate santista e quase golaço do Timão
O gol sofrido logo no começo da etapa complementar não intimidou o Santos, que seguiu martelando o rival e bem melhor no jogo. Jean Mota participou bem das chegadas ao ataque e quase marcou gol olímpico. Um toque na mão de Renato, após tentativa de cruzamento de Maycon, foi o pênalti não marcado para o Timão no jogo. Pela direita, Pedrinho driblou dois e quase marcou um golaço. Quem não faz... toma!

Minutos mais tarde, o Santos chegou ao empate. Após ótimo cruzamento de Rodrygo, Victor Ferraz subiu nas costas de Rodriguinho, sozinho na grande área, e cabeceou com precisão. Embora a bola tenha ido em cima de Walter, o goleiro nada fez para evitar o gol. Na comemoração, assim como Roger, Ferraz também recebeu amarelo.

No fim, Osmar Loss ainda recebeu vaias da torcida por ter tirado Pedrinho de campo. Bruno Henrique ainda entrou bem no Santos e quase fez um belo gol.

Rodrygo x Balbuena
Com ótimas chegadas pela esquerda, Rodrygo deu trabalho a Balbuena, com quem travou duelo interessante durante os 45 minutos iniciais. O 'Rayo' santista teve boa chance de fora da área e incomodou o beque com chegadas em velocidade e dribles desconcertantes. No toma lá, dá cá, melhor para o defensor, que saiu 'zerado' do primeiro tempo. No meio do segundo tempo, ainda anulou chute do camisa 43 de dentro da grande área. Rodrygo ainda teve bom chute defendido por Walter no fim.

No mais, o Santos foi superior ao rival. Com duas linhas de quatro para se defender, o Peixe deixou Rodrygo e Gabigol mais adiantados e apostou em saídas rápidas, conseguindo ainda anular a maioria das jogadas ofensivas do Timão, que sentiu falta de Jadson. Jean Mota cobrou falta na cabeça de Sasha, que marcou, mas estava em posição irregular.

A torcida do Corinthians se acendeu no fim da primeira etapa, após rolinho de Romero em Gabigol. O paraguaio foi o melhor do Timão na etapa inicial e protagonizou bom chute de fora da área, assustando Vanderlei.

FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS 1 X 1 SANTOS

Local: Arena Corinthians, São Paulo (SP)
Data-Hora: 06/06/2018 - 21h
Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (MG)
Assistentes: Guilherme Dias Camilo (MG) e Rodrigo Figueiredo Henrique Correa (RJ)
Público/renda: 27.586 pagantes / R$ 1.249.919,56
Cartões amarelos: Roger (COR), Victor Ferraz e Lucas Veríssimo (SAN)
Gols: Roger (6'/2ºT) (1-0), Victor Ferraz (29'/2ºT) (1-1)

CORINTHIANS:  Walter; Mantuan, Balbuena, Henrique e Sidcley; Gabriel e Maycon; Pedrinho (Mateus Vital, aos 38'/2ºT), Rodriguinho e Ángel Romero; Roger (Sheik, aos 37'/2ºT). Técnico: Osmar Loss. 

SANTOS: Vanderlei; Victor Ferraz, Lucas Veríssimo, David Braz e Dodô; Diego Pituca, Renato e Jean Mota; Gabriel (Léo Cittadini, aos 33'/2ºT), Sasha (Bruno Henrique, aos 37'/2ºT) e Rodrygo. Técnico: Jair Ventura

E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance