Relembre quem treinava o seu time no início do Brasileirão de 2018
menu button lance
lancelogo lancelogo lance
LANCE
LANCE
X
Compartilhe



24/04/2019 | 13:26

Relembre quem treinava o seu time no início do Brasileirão de 2018

  •  Montagem - Fernando Diniz (Atlético-PR) + Mauricio Barbieri (Flamengo) + Jair Ventura (Santos)
    Fernando Diniz (Athletico), Mauricio Barbieri (Flamengo) e Jair Ventura (Santos): uns com mais tempo, outros nem tanto e alguns ainda no cargo. Confira a lista abaixo:  (Foto: Reprodução)
  •  Fernando Diniz – Atlético-PR
    Athletico-PR (Fernando Diniz) - Hoje no Fluminense, Diniz foi o responsável pelo início da caminhada do Furacão no Brasileiro passado, sendo que não esteve à frente na campanha do título estadual (era Tiago Nunes, atual comandante, inclusive). Começou como sensação, porém foi demitido após 11 partidas e 25% de aproveitamento.  (Foto: Reinaldo Reginato/Fotoarena)
  •  Thiago Larghi
    Atlético-MG (Thiago Larghi) - Antes analista de desempenho e ex-auxiliar-técnico, Larghi tardou a ser efetivado e começou o Brasileiro com o Atlético-MG. Fez com que o Galo tivesse uma boa arrancada, com o ataque mais positivo, porém os dirigentes o demitiram pouco depois da Copa. (Foto: Bruno Cantini/Atlético-MG)
  •  Avaí
    Avaí (Claudinei Oliveira) - Atualmente comandante do Goiás, Claudinei teve um 2018 bem agitado. Na Série B, foi demitido em abril, após quase dois anos no cargo, e passou a rodar: Sport, Paraná e Chapecoense. Agora na Série A, o Avaí é comandado por Geninho.  (Foto: Jamira Furlani/Avaí FC)
  •  Guto Ferreira - Bahia
    Bahia (Guto Ferreira) - O Bahia começou o último nacional sob o comando de Guto Ferreira, que estava no clube desde meados de 2016. O técnico foi demitido em junho do ano passado e com o clube no Z-4. Hoje, o Bahia inicia o Brasileiro com Roger Machado.  (Foto: Divulgação/ Felipe Oliveira)
  •  Alberto Valentim - Botafogo
    Botafogo (Alberto Valentim) - O técnico que iniciou o Brasileiro-2018 pelo Botafogo foi Alberto Valentim, campeão carioca dias antes. No entanto, quando houve a parada para a Copa do Mundo, o treinador decidiu ir para o Egito. Hoje, o Alvinegro inicia com Eduardo Barroca.  (Foto: Vítor Silva/SSPress/Botafogo)
  •  Marcelo Chamusca
    Ceará (Marcelo Chamusca) - O técnico estava no Ceará desde 2017 e foi demitido logo após seis partidas pelo Brasileiro, quando o time não venceu no período e só somava três pontos. Em seguida, Lisca foi contratado, e o Vozão conseguiu uma boa arrancada. Hoje, Enderson Moreira tem a missão de começar o Brasileiro-2019.  (Foto: Divulgação / Ceará)
  •  Gilson Kleina
    Chapecoense (Gilson Kleina) - Gilson Kleina ficou na Chapecoense do início do Brasileiro passado até o início de agosto. A equipe do Oeste catarinense estava na 16ª posição quando Kleina caiu. Para a atual edição, a Chape conta com Ney Franco.  (Foto: Sirli Freitas/Chapecoense)
  •  Fábio Carille
    Corinthians (Fábio Carille) - Depois de ser campeão brasileiro, Carille iniciou o Brasileiro, porém saiu ainda em maio para se aventurar no futebol da Arábia Saudita. Retornou ao Timão este ano e, campeão estadual novamente, iniciará o Brasileiro pelo Timão em 2019.  (Foto: Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians)
  •  Mano Menezes
    Cruzeiro (Mano Menezes) - Mano Menezes é o técnico mais longevo da elite do nosso futebol, uma vez que está no Cruzeiro desde meados de 2016. Iniciou o Brasileiro do ano passado e, para a atual temporada, segue firme e forte no campeão mineiro.  (Foto: Lucas Uebel/Light Press/Cruzeiro)
  •  Técnico - Marcelo Cabo - CSA
    CSA (Marcelo Cabo) - O técnico foi o responsável pelo pontapé inicial na Série B do ano passado e, depois de uma bela campanha, levou a equipe alagoana à elite. Permanece no clube e irá brigar para se manter no Brasileirão deste ano.  (Foto: Pei Fon/RAW)
  •  Barbieri - Técnico do Flamengo
    Flamengo (Maurício Barbieri) - O jovem Barbieri ganhou uma chance para treinar a equipe profissional do Flamengo depois da queda de Carpegiani, ainda no Carioca. Maurício Barbieri foi demitido já na reta final do Brasileiro, quando o Palmeiras arrancou para o título nacional e o Rubro-Negro caiu da Libertadores e da Copa do Brasil. Hoje, a missão inicia com Abel Braga.  (Foto: Delmiro Junior/Photo Premium/Lancepress!)
  •  Abel Braga
    Fluminense (Abel Braga) - Hoje no Flamengo, Abel Braga foi o treinador que iniciou a campanha do Flu no último Brasileirão. Sem conseguir resultados satisfatórios ao longo da competição, o comandante pediu demissão em junho, alegando desgaste. Hoje, o Tricolor tem Fernando Diniz. (Foto: Lucas Merçon / Fluminense)
  •  Rogério Ceni
    Fortaleza (Rogério Ceni) - Rogério Ceni acertou com o Fortaleza e fez uma campanha impecável na Série B, conquistado o título e levando o Tricolor do Pici de volta à elite após 13 anos. Muito cobiçado no mercado, Ceni é quem iniciará a campanha no Brasileirão deste ano.  (Foto: LC Moreira/Lancepress!)
  •  Hélio dos Anjos - técnico do Goiás
    Goiás (Hélio dos Anjos) - Treinador não resistiu ao começo ruim na Série B do ano passado e encerrou a sua sexta passagem pelo Goiás, que conseguiu o acesso à elite em dezembro. Hoje, o Goiás é comandado por Claudinei Oliveira, que assumiu após a recente queda de Barbieri.  (Foto: Divulgação)
  •  Renato Gaúcho
    Grêmio (Grêmio) - Idolatrado como jogador, Renato Gaúcho também tornou-se muito admirado como técnico no Grêmio, onde começou o último Campeonato Brasileiro e, ainda em alta, está até hoje. Campeão da Copa do Brasil e da Libertadores pelo clube, pode coroar a passagem com a conquista do nacional nesta temporada.  (Foto: Liamara Polli/AGIF)
  •  Odair Hellmann
    Internacional (Odair Hellmann) - Se o arquirrival Grêmio iniciará o Brasileiro deste ano com o mesmo treinador do ano passado, de modo igual pode ser dito do outro lado, no Inter. Odair permanece com moral no Colorado, mesmo após o vice estadual para o Tricolor.  (Foto: Ricardo Duarte)
  •  Roger Machado
    Palmeiras (Roger Machado) - Mesmo com bons resultados na Libertadores, Roger Machado não conseguiu fazer com o que o estrelado Palmeiras embalasse nas primeiras rodadas do Campeonato Brasileiro passado e, por isso, foi demitido. Felipão assumiu, foi campeão nacional e permanece forte para a disputa da edição atual.  (Foto: Cesar Greco)
  •  Jair Ventura
    Santos (Jair Ventura) - Jair não resistiu à pressão da torcida e à sequência ruim de atuações e resultados no Santos. Atualmente sem clube, Ventura foi quem iniciou a temporada e a campanha no Brasileiro, porém foi demitido em julho. O Santos inicia o Brasileiro deste ano comandado por Jorge Sampaoli, cabe lembrar. (Foto: Ivan Storti/Santos)
  •  Diego Aguirre
    São Paulo (Diego Aguirre) - O São Paulo iniciou o último Brasileiro sob o comando do uruguaio Diego Aguirre. O São Paulo correu no páreo da frente durante quase todo o Brasileiro, porém, após uma queda de rendimento já no fim, Aguirre foi demitido restando apenas cinco rodadas para o fim da edição. Hoje, o Tricolor tem Cuca como treinador.  (Foto: Maurício Rummens/Fotoarena/Lancepress!)
  •  Zé Ricardo
    Vasco (Zé Ricardo) - Zé não conseguiu ser campeão carioca com o Vasco, porém foi mantido para a disputa do Campeonato Brasileiro passado. O treinador pediu demissão em junho, pegando o departamento de futebol do clube de surpresa. Para a atual edição do Brasileiro, o Cruz-Maltino ainda não tem um treinador definido.  (Foto: Paulo Fernandes/ Vasco)


SEUCLUBE
atletico-paranaense
atlético mineiro
avaí
bahia
botafogo
ceara
chapecoense
corinthians
cruzeiro
CSA
flamengo
fluminense
Fortaleza
Goiás
gremio
internacional
palmeiras
santos
sao paulo
vasco
Siga nas redes sociais
Facebook Lance Twitter Lance