Grêmio bate Atlético-GO em jogo movimentado e segue na cola do Inter pelo G4
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Grêmio bate Atlético-GO em jogo movimentado e segue na cola do Inter pelo G4

Grêmio x Atlético GO
É festa! Grêmio venceu o Atlético-GO neste domingo, em Porto Alegre (Ricardo Rímoli/Lancepress!)
Futebol Latino - 27/12/2020 - 21:27
Porto Alegre (RS)
Grêmio e Atlético-GO duelaram pelo fechamento da 27ª rodada do Brasileirão, na Arena Grêmio. Em um jogo muito movimentado desde o início, o Tricolor Gaúcho levou a melhor e venceu por 2 a 1, mesmo poupando jogadores visando o duelo contra o São Paulo pela Copa do Brasil. O Dragão teve a sequência de duas vitórias seguidas quebrada. 

> Confira a classificação atualizada do Brasileirão





Confirmado os três pontos, o Grêmio chegou aos 45 acumulados e segue na cola do rival Internacional rumo ao G-4 no último jogo do ano pelo Brasileirão. Pelos lados do Dragão, a equipe ainda segue confortável em relação ao Z-4, mas perdeu uma posição e agora é o 12º ao permanecer com 34 pontos.

Na próxima rodada, o Grêmio joga novamente em casa diante do Bahia. O duelo está agendado para o dia 6 de janeiro, às 20h30 (de Brasília). Enquanto isso, o Atlético-GO mede forças em casa contra o Vasco, no dia 7 de janeiro, às 21h (de Brasília).

PRIMEIRO TEMPO DE MUITA MOVIMENTAÇÃO E GOL NO FIM DA ETAPA

Mesmo com boa parte do time poupado, o Grêmio mostrou a sua força e começou com intensidade sobre o Atlético-GO. O garoto Ruan teve a primeira oportunidade numa cabeçada em que Jean fez a defesa. Na sequência o Tricolor seguiu com boa posse trabalhando a bola na altura do meio-campo. Mas o Dragão foi esquentando e chegando aos poucos ao ataque principalmente com jogadas aéreas, inclusive com Roberson aos 18 minutos onde ele conseguiu driblar Vanderlei, mas acabou saindo da área. Cruzou e a zaga do Imortal afastou bem.

O Grêmio, apesar de atacar em muitas oportunidades, só teve até 27 minutos a tentativa de Ruan no início do jogo. Aos 28 minutos, Alisson teve a segunda chance do Tricolor ao chutar de fora da área, mas a bola passou por cima do gol. No ataque anterior a esse, o Atlético havia chegado com Wellington Rato, que também em um arrematou por cima da meta de Vanderlei.

Aos 30 minutos, o jogo era até então muito movimentado com pouco tempo parado e muita correria de ambas as partes. Dois exemplos desses aconteceram em um contra-ataque bem aproveitado pelo Grêmio, onde Alisson arrancou do meio-campo, invadiu a área, limpou a marcação e chutou para uma boa defesa do Jean. Aos 36, uma falha de Ruan deu oportunidade para Roberson abrir o placar, mas o jovem zagueiro se recuperou na hora 'H' para evitar a finalização.

Já aos 40 minutos, Ferreira recebeu de Pinares e chutou de fora da área passando perto do travessão. No minuto seguinte, Lucas Silva invadiu a área e arriscou de perna esquerda para Jean novamente aparecer. Mas a terceira tentativa seguida não falhou. Após cruzamento da direita, Churín atrapalhou a defesa e Dudu fez gol contra para fechar o primeiro tempo muito movimentado na Arena Grêmio.

SEGUNDO TEMPO SEGUIU MOVIMENTADO E COM PARTICIPAÇÃO DO VAR

O Atlético-GO fez duas substituições onde saíram William Maranhão e Roberson, este por lesão, e entraram Pereira e Janderson. E foi os goianos que voltaram melhor do intervalo com outra atitude. Com um minuto, Chico cruzou com muito perigo e a defesa do Grêmio afastou. Na sequência três escanteios seguidos para o Dragão, mas nenhuma aproveitada pelos rubro-negro. Mas foram 10 minutos seguidos de pressão dos visitantes até que saiu o gol. Após cruzamento de Rato, Gustavo Ferrarei chegou de trás e testou firme para o fundo das redes.

Em uma das poucas jogadas no ataque no segundo tempo, o Grêmio empatou com Churín após lindo passe de Pinares. Mas o assistente marcou impedimento do argentino, e após três minutos de revisão do VAR foi confirmado o tento. Na sequência o jogo ficou tímido em relação a chances de gol, mas Chico voltou a assustar aos 34 minutos em um chutaço que Vanderlei espalmou para evitar o empate.

Já no fim do jogo o cansaço bateu no Grêmio e alguns jogadores que não tinham ritmo de jogo sentiram câimbras, como Churín e Vanderson. O Tricolor seguia fazendo forte marcação, enquanto os goianos não desistiam do empate e dominavam o setor de ataque. Porém a insistência não passou de uma ameaça e a equipe de Renato Gaúcho garantiu a vitória por 2 a 1.

FICHA TÉCNICA
GRÊMIO 2 x 1 ATLÉTICO-GO


Local: Arena Grêmio, Porto Alegre (RS)
Data e horário: 27/12/2020 - 20h30
Árbitro: Felipe Fernandes de Lima (MG)
Assistentes: Alessandro Álvaro Rocha de Matos (BA) e Felipe Alan Costa de Oliveira (MG)
VAR: Emerson de Almeida Ferreira (MG)
Cartões amarelos: Gilvan (40'/1ºT), Dudu (43'/1ºT), Paulo Miranda (20'/2ºT), Vanderson (23'/2ºT), Éder (49'/2ºT)
Gols: Dudu (contra, aos 43'/1ºT), Gustavo Ferrareis (11'/2ºT), Churín (19'/2ºT)

GRÊMIO: Vanderlei; Vanderson (Thaciano, aos 22'/2ºT), Paulo Miranda, Ruan e Bruno Cortez; Darlan, Lucas Silva (Matheus Henrique, aos 29'/2ºT), Ferreira (Pepê, aos 29'/2ºT), Pinares (Everton, aos 22'/2ºT) e Alisson; Churín (Rodrigues, aos 41'/2ºT). Técnico: Renato Gaúcho.

ATLÉTICO-GO: Jean; Dudu (Arnaldo, aos 32'/2ºT), Éder, Gilvan (Matheus Vargas, aos 38'/2ºT) e Nicolas; Marlon Freitas, William Maranhão (Pereira, no intervalo) e Gustavo Ferrareis (Danilo, aos 28'/2ºT); Wellington Rato e Chico; Roberson (Janderson, no intervalo). Técnico: Marcelo Cabo.

E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance