Com dois de Paquetá, Flamengo vence o Corinthians na Arena, em Itaquera
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Com dois de Paquetá, Flamengo vence o Corinthians na Arena, em Itaquera

  •  Corinthians x Flamengo
    GALERIA: As imagens de Corinthians 0 x 3 Flamengo Rodrigo Gazzanel/RM Sports
  •  Corinthians x Flamengo
    GALERIA: As imagens de Corinthians 0 x 3 Flamengo Luis Moura / WPP
  •  Corinthians x Flamengo Lucas Paquetá
    GALERIA: As imagens de Corinthians 0 x 3 Flamengo Staff Images / Flamengo
  •  Corinthians x Flamengo Everton Ribeiro
    GALERIA: As imagens de Corinthians 0 x 3 Flamengo Staff Images / Flamengo
  •  Corinthians x Flamengo
    GALERIA: As imagens de Corinthians 0 x 3 Flamengo Luis Moura / WPP
  •  Corinthians x Flamengo Vitinho
    GALERIA: As imagens de Corinthians 0 x 3 Flamengo Staff Images / Flamengo
  •  Corinthians x Flamengo
    GALERIA: As imagens de Corinthians 0 x 3 Flamengo Luis Moura / WPP
  •  Corinthians x Flamengo
    GALERIA: As imagens de Corinthians 0 x 3 Flamengo Luis Moura / WPP
  •  Corinthians x Flamengo
    GALERIA: As imagens de Corinthians 0 x 3 Flamengo Luis Moura / WPP
  •  Corinthians x Flamengo
    GALERIA: As imagens de Corinthians 0 x 3 Flamengo Luis Moura / WPP
  •  Corinthians x Flamengo
    GALERIA: As imagens de Corinthians 0 x 3 Flamengo Luis Moura / WPP
  •  Corinthians x Flamengo
    GALERIA: As imagens de Corinthians 0 x 3 Flamengo Luis Moura/WPP
  •  Corinthians x Flamengo
    GALERIA: As imagens de Corinthians 0 x 3 Flamengo Luis Moura / WPP
  •  Corinthians x Flamengo
    GALERIA: As imagens de Corinthians 0 x 3 Flamengo Luis Moura / WPP
  •  Corinthians x Flamengo
    GALERIA: As imagens de Corinthians 0 x 3 Flamengo (Foto: Luis Moura/WPP)
Ana Canhedo - 05/10/2018 - 22:54
São Paulo (SP)
Com show à parte de Lucas Paquetá, o Flamengo conseguiu uma importantíssima vitória na noite desta sexta-feira, em Itaquera, diante do Corinthians. Com dois gols do camisa 11, o Rubro-Negro venceu por 3 a 0 e chegou ao terceiro lugar na tabela de classificação do Campeonato Brasileiro. Renê fez o outro. Três também é o número de jogos sem vitória do Timão na competição por pontos corridos. O time de Jair Ventura é o nono colocado. 

O Alvinegro perdeu pela primeira vez para o Flamengo em sua casa e também pela primeira vez por tantos gols de diferença em Itaquera. Este foi o jogo 151 do Timão em sua casa, aberta em 2014. Foi a pior derrota da história da Arena.

Agora, o Corinthians volta suas atenções para a final da Copa do Brasil, na próxima quarta-feira, contra o Cruzeiro, no Mineirão. Já na próxima rodada do Brasileirão, a 29ª, enfrenta o arquirrival Santos, no Pacaembu, com mando do time da Baixada Santista. Enquanto isso, o Flamengo, que ainda sonha com o título nacional, recebe o Fluminense, no Maracanã, em outro clássico da próxima rodada. 

O Rubro-Negro conquistou sua primeira vitória na Arena Corinthians. Antes, eram três vitórias alvinegras e um empate. Outro dois tabus foram quebrados: o Fla não vencia o rival como visitante desde 2009 e não conquistava três pontos na capital paulista desde 2006. O Fla agora espera pelo resultado de São Paulo e Palmeiras, neste sábado, no Morumbi, para saber se se mantém em terceiro no Brasileirão.

CONFIRA A CLASSIFICAÇÃO DO BRASILEIRÃO
> Clique aqui para ver


E MAIS:
Milagre de César barra Timão
O Flamengo passou a etapa inicial quase inteira pressionando o Corinthians, mas foi por muito pouco que não desceu aos vestiários com o placar adverso. Uma falha individual de William Arão deixou Mateus Vital com a área livre chutar a gol. César, bem posicionado, fez grande defesa, substituto de Diego Alves, fora por dores no músculo posterior da coxa esquerda. Douglas, na sequência, aproveitou o rebote para mandar outra bomba e, mais uma vez, César estava lá para salvar o Rubro-Negro.

Domínio rubro-negro
Vital e Douglas desperdiçaram as duas úncias grandes chances do Timão na etapa inicial, além de uma boa tentativa de Clayson, que culminou com corte de Arão, no começo da partida. De resto, domínio absoluto do Mengão, principalmente com Lucas Paquetá, Vitinho e Everton Ribeiro. Foram ao menos sete boas chances de abrir o marcador. Três delas de Vitinho, que chegou a chutar para fora e assustar Cássio. Paquetá foi quem obrigou o goleiro alvinegro a fazer boa defesa. Inúmeras bolas foram alçadas na área, mas faltou definição. Embora esforçado, Uribe pouco conseguiu fazer para ajudar o Fla abrir o placar.

Água mole em pedra dura...
...Tanto bate até que fura! O Flamengo pressionou tanto o Corinthians que conseguiu achar o gol em Itaquera. Se Réver tentou e viu Cássio fazer boa defesa, foi Paquetá quem conseguiu furar a meta alvinegra. Vitinho cobrou escanteio e o camisa 11 subiu mais alto do que a defesa para mandar no canto direito do camisa 1 corintiano. O Timão respondeu com Pedrinho, em chute de fora da área, mas a bola saiu à esquerda de César.

'Paquecraque' 
Uma nova jogada de escanteio ratificou a grande partida do Flamengo e de Lucas Paquetá. Nome da partida, o camisa 11 aproveitou desvio de Uribe após cobrança de Vitinho para chutar no canto direito de Cássio, com força, sem chances para o camisa 1. 

Apoio da Fiel x Chocolate rubro-negro
Mesmo com dois gols de desvantagem, a torcida corintiana, que lotou a Arena, não deixou de apoiar o time e não parou de cantar em Itaquera. Com o apoio da Fiel, o Corinthians passou a pressionar mais o Rubro-Negro nos minutos finais da partida, nada que alterasse o placar final. O terceiro gol do Flamengo chegou nos minutos finais, em rápido contra-ataque puxado por Rodinei, que cruzou para a área e achou Renê pronto para marcar. 


FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS 0 x 3 FLAMENGO


Estádio: Arena Corinthians, em São Paulo (SP)
Data: 5 de outubro, às 21h
Árbitro: Paulo Roberto Alves Júnior (PR)
Assistentes: Luciano Roggenbaum e Luiz Sousa Santos Renesto (ambos do PR)
Renda/Público: 41.693 pagantes/ R$ 1.381.719,00
Cartão amarelo: Romero e Henrique (COR); César (FLA)
Cartão vermelho: Não houve.
Gols: Lucas Paquetá (0-1) (14'/2ºT), Lucas Paquetá (0-2) (20'/2ºT), Renê (0-3) (47'/2ºT)

CORINTHIANS: Cássio; Gabriel, Léo Santos, Henrique e Danilo Avelar; Ralf (Danilo, aos 37'/2ºT) e Douglas (Emerson Sheik, aos 27'/2ºT); Romero, Jadson, Mateus Vital e Clayson (Pedrinho, aos 15'/2ºT). Técnico: Jair Ventura

FLAMENGO: César; Pará, Léo Duarte, Réver e Renê; Cuéllar, Willian Arão e Lucas Paquetá; Everton Ribeiro (Rodinei, aos 43'/2ºT), Vitinho (Piris da Motta, aos 36'/2ºT) e Uribe (Geuvânio, aos 29'/2ºT). Técnico: Dorival Júnior

Facebook Lance Twitter Lance