ATUAÇÕES: Matheus Vital decide e coloca o Vasco na parte de cima
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

ATUAÇÕES: Matheus Vital decide e coloca o Vasco na parte de cima

  •  Vasco x Grêmio
    Vasco venceu Grêmio por 1 a 0 na volta em São Januário e colou na parte de cima. Veja uma galeria a seguir (Foto: Reginaldo Pimenta/Raw Image)
  •  Vasco x Grêmio
    Vasco x Grêmio Marcelo Gonçalves / Photo Premium
  •  Vasco x Grêmio
    Vasco x Grêmio Fernando Soutello/AGIF
  •  Vasco x Grêmio
    Vasco x Grêmio Reginaldo Pimenta/Raw Image
  •  Vasco x Grêmio
    Vasco x Grêmio Reginaldo Pimenta/Raw Image
  •  Vasco x Grêmio
    Vasco x Grêmio Marcelo Gonçalves / Photo Premium
  •  Vasco x Grêmio
    Vasco x Grêmio Reginaldo Pimenta/Raw Image
  •  Vasco x Gremio
    Vasco x Gremio J RICARDO / AGENCIA FREELANCER
  •  Vasco x Grêmio
    Vasco x Grêmio Marcelo Gonçalves / Photo Premium
  •  Vasco x Grêmio
    Vasco x Grêmio Reginaldo Pimenta/Raw Image
  •  Vasco x Grêmio
    Vasco x Grêmio Reginaldo Pimenta/Raw Image
  •  Vasco x Grêmio
    Vasco x Grêmio J RICARDO / AGENCIA FREELANCER
  •  Vasco x Grêmio
    Vasco x Grêmio J RICARDO / AGENCIA FREELANCER
César Ferraz - 09/09/2017 - 21:01
- Rio de Janeiro (RJ)
Foi o jovem Matheus Vital que fez o Vasco respirar. Apagado no início do jogo, o camisa 10 foi decisivo e garantiu a boa vitória para o Cruz-maltino, que dorme no G6. Ramon também fez um grande jogo, Pelos lados do Grêmio, Fernandinho foi o que mais criou, mas não foi tão efetivo. Veja, abaixo, as atuações.

VASCO
​6,5
Martín Silva
Teve pouco trabalho na partida, principalmente no início do confronto.
Seguro quando exigido no fim.

5,0
Madson
Ficou muito preso à marcação e, por isso, subiu pouca vezes para ajudar o ataque. Saiu após levar pancada.

6,5
Breno
Seguro, não permitiu espaço aos adversários. Foi bem no jogo aéreo, mas vacilou em algumas rebatidas.

7,0
Anderson Martins
É o centro de equilíbrio da defesa. Não vacilou no combate e ajudou na
saída de bola pelo lado esquerdo.

7,0
Ramon
Protegeu bem o seu lado nos primeiros 45 minutos. Fez o cruzamento para o gol de Mateus Vital.

5,0
Wellington
Discreto na proteção aos zagueiros. Correu muito e lutou enquanto teve
fôlego. Perdeu uma bola importante no fim.

5,0
Escudero
Começou perdido na nova função de volante. Tem qualidade no passe, mas pecou na marcação levando, inclusive, um cartão muito cedo.

3,5
Wagner
Fantasmagórico. Quase não participou do jogo. Praticamente invisível. Até corre, mas sem produzir nada.

6,0
Nenê
Começou sem inspiração e perdeu bolas bobas, mas deu arrancada para o gol de Mateus Vital. Perdeu uma chance clara.

7,5
Mateus Vital
Muito atrás no início. Porém, ao marcar o seu gol, ganhou confiança e cresceu na partida. Decidiu o jogo.

6,0
Andres Rios
Pelo papel de pivô, apareceu pouco no primeiro tempo. Na etapa final foi
mais marcador do que atacante.

5,0
Paulinho
Entrou para dar velocidade aos contra-ataques, mas não conseguiu criar
lances de perigo.

5,0
Bruno Paulista
Sua função era fechar o setor defensivo e melhorar o passe. Conseguiu
executar a primeira função, a segunda não.

5,5
Yago Pikachu
Na sua posição de origem, foi discreto. Fechou mais na marcação.

6,5
Zé Ricardo
Ainda é cedo para uma avaliação mais precisa, mas o time esteve mais
organizado ontem do que na maior parte do Brasileirão.

GRÊMIO
​5,0
Marcelo Grohe
Quase não trabalhou, mesmo quando levou o gol de Vital.

4,5 Edilson
Correu pelo seu lado, mas não produziu muita coisa.

5,0
Bressan
Bem no combate, mas perdeu algumas jogadas por cima.

4,0
Kannemann
Falhou no gol de Mateus Vital.

4,5
Cortez
Subiu muito ao ataque, mas nada de efetivo.

5,5
Michel
Correu muito e protegeu bem os seus zagueiros.

6,0
Arthur
É o “motorzinho” do time. Distribuiu bem a bola.

5,0
Ramiro
Procurou abrir espaço na defesa do Vasco. Não conseguiu.

4,5
Léo Moura
Sem inspiração para criar.

6,5
Fernandinho
Foi o mais perigoso. Tentou chutes de longe, mas sem sucesso.

4,5
Lucas Barrios
Sem receber bolas, ficou isolado.

4,0
Everton
Atrapalhou um companheiro com condições de marcar o gol.

4,5
Arroyo
Discreto.

4,5
Patrick
também foi discreto.

5,0
Renato Portaluppi
Fez o que pôde. O time estava muito mexido.

E MAIS:
icone-carregar-comentCreated with Sketch.
CARREGAR COMENTÁRIOS
Facebook Lance Twitter Lance