Jean cita reforço tático no Botafogo com a chegada de Marcos Paquetá
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Jean cita reforço tático no Botafogo com a chegada de Marcos Paquetá

  •  Jean - Botafogo
    Confira a seguir a galeria especial do LANCE! com imagens de Jean com a camisa do Botafogo (Foto: Vítor Silva/SSPress/Botafogo)
  •  Jean - Botafogo
    Jean - Botafogo (Foto: Vítor Silva/SSPress/Botafogo)
  •  Jean - Botafogo
    Jean - Botafogo (Foto: Vítor Silva/SSPress/Botafogo)
  •  Jean
    Jean (Foto: Vítor Silva/SSPress/Botafogo)
  •  Jogo Treino - Jean
    Jogo Treino - Jean Vitor Silva/SSPress/Botafogo
  •  Jean - Botafogo
    Jean - Botafogo (Foto: Reprodução / Twitter BFR)
  •  Jean - Botafogo
    Jean - Botafogo (Foto: Divulgação)
  •  Jean - Botafogo
    Jean - Botafogo (Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo)
  •  Jean - Botafogo
    Jean - Botafogo (Foto: Reprodução / Twitter BFR)
  •  Jean - Botafogo
    Jean - Botafogo (Foto: Lazlo Dalfovo)
LANCE! - 05/07/2018 - 16:26
Rio de Janeiro (RJ)
Em entrevista coletiva nesta quinta-feira, o volante Jean falou sobre o reforço nos conceitos táticos colocados em prática no Botafogo com a chegada de Marcos Paquetá. O jogador alvinegro aproveitou para traduzir um pouco da filosofia aplicada aos jogadores.

- Temos feito trabalhos bem específicos e hoje foi mais voltado ao posicionamento já que tivemos sessões intensas de treinos. Acredito que para deixar a defesa mais bem postada, diminuindo o espaço entre as linhas e com isso reduzindo o risco de sofrermos gols. Já ouvi falar que para aqueles países que ele trabalhou os caras não param de correr o tempo inteiro e isso é o upgrade que ele trouxe para nós (risos). Todo mundo corre, ataca, defende. Uma intensidade alta valorizando o que já tínhamos antes - destacou Jean.

Jean também falou sobre Marcos Paquetá no trato diário, um perfil mais experiente e que prega a transparência como base do trabalho. Para o volante, o caminho traçado é o de sucesso para a sequência da temporada com Campeonato Brasileiro e Copa Sul-Americana.

- Ele é legal, um cara que já é "meio vovô" e sabe lidar com a galera. O que chama mais atenção é a transparência dele, falando olho no olho quando estamos certos ou errados. Isso que faz com que esteja tão à vontade em dez dias de trabalho. Tenho certeza que de acordo com o que planejamos nós almejamos coisas grandes. Estamos trabalhando firmes para isso tanto no campo quanto no nosso staff. Tivemos uma pequena oscilação, mas nessa volta da Copa acredito que possamos manter um bom nível - finalizou.

> Confira os demais trechos da entrevista coletiva do volante Jean:

UMA COPA DO MUNDO SURPREENDENTE
Essa Copa está surpreendendo muita gente, com seleções teoricamente coadjuvantes que chegaram com tudo. O futebol está muito parelho e essa metodologia de encurtar o espaço entre as linhas o Paquetá trouxe de lá. É pressão no portador da bola e sem ela voltamos para nos organizarmos. No meio-campo a bola tem que ser nossa, não pode ter para ninguém.

PRIMEIRA PARTE CUMPRIDA COM ÊXITO
Eu vim muito focado no que eu queria fazer até a pausa para a Copa. Queria demonstrar para o que vim, o que queria agregar no grupo e acredito que demonstrei que podem contar comigo. Cheguei abaixo dos demais jogadores fisicamente e para esse segundo semestre vejo uma projeção muito melhor fisicamente. Posso almejar coisas maiores no segundo semestre e sei que o Lindoso e Matheus são os titulares, principalmente nesse próximo jogo, mas fico satisfeito em saber que podem contar comigo.

EM CAMPO CONTRA O CORINTHIANS?
Prefiro não falar se posso ou não jogar, mas acredito que isso possa acontecer. São boas as relações entre Botafogo e Corinthians e quem sabe isso não acontece?

E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance