Botafogo repudia condução coercitiva de Simões: 'Desnecessária'
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Botafogo repudia condução coercitiva de Simões: 'Desnecessária'

Anderson Simões
Vitor Silva / SSPress.
RADAR - 01/12/2017 - 19:45
Rio de Janeiro (RJ)
Na noite desta sexta-feira, o Botafogo se pronunciou sobre o ' caso Anderson Simões'. Ele é suspeito de dar ingressos para torcidas organizadas repassarem para a revenda de cambistas. Mais cedo, por decisão judicial, o então dirigente foi afastado do cargo de vice-presidente de estádios e proibido de assistir jogos no local.

Apesar da decisão, em primeira instância, o Botafogo não comentou sobre o afastamento e preferiu focar na condução coercitiva de Simões. Da sua casa, em Copacabana, na Zona Sul da capital, ele foi levado à Cidade da Polícia, na Zona Norte, para depor, o que foi considerado 'desnecessária' pelo clube.

Confira a nota na íntegra:

NOTA OFICIAL

Considerando os fatos noticiados, na data de hoje, sobre a operação policial oriunda de procedimento instaurado para investigação da existência de relação entre Clubes de Futebol e Torcidas Organizadas, o BOTAFOGO DE FUTEBOL E REGATAS vem a público manifestar seu inconformismo com a condução coercitiva de seu Vice Presidente de Estádios - ANDERSON DE CARVALHO SIMÕES, desnecessariamente realizada às 6h da manhã em sua residência e sem que houvesse prévia intimação de comparecimento ou recusa de sua parte em colaborar.

Oportuno esclarecer que o BOTAFOGO DE FUTEBOL E REGATAS, na forma da lei e do Termo de Ajustamento de conduta firmado por todos oa Clubes de Futebol do Rio de Janeiro, não distribui ingressos para torcedores e não compactua com qualquer conduta nesse sentido. O Clube procura facilitar a aquisição de ingressos por seus torcedores e vem adotando práticas seguras de controle de ingressos visando, inclusive, o combate da odiosa prática de cambismo, que além de ilegal, ocasiona sérios prejuízos financeiros às entidades de prática desportiva.

O BOTAFOGO DE FUTEBOL E REGATAS permanece à disposição do Poder Judiciário, do Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro, bem como da Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro, para esclarecer qualquer questão e fornecer às Autoridades tudo aquilo que for solicitado, visando a colaboração nas investigações e consequente elucidação dos fatos.

Botafogo de Futebol e Regatas

icone-carregar-comentCreated with Sketch.
CARREGAR COMENTÁRIOS
Facebook Lance Twitter Lance