Larghi questiona gol irregular do Bahia e aprova desempenho do Atlético-MG
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Larghi questiona gol irregular do Bahia e aprova desempenho do Atlético-MG

Bahia x Atlético-MG
Thiago Larghi ficou na bronca com primeiro gol de empate do Bahia, mas enalteceu atuação do Atlético em Salvador (Bruno Cantini / Atlético)
LANCE! - 30/07/2018 - 23:19
Salvador (BA)
Nesta segunda-feira, o Atlético-MG ensaiou uma grande atuação diante do Bahia e abriu o placar com apenas quatro minutos de bola rolando na Arena Fonte Nova, mas vacilou na defesa e sofreu o gol de empate aos 36 minutos do segundo tempo. A equipe ainda voltou a assumir a frente do placar com Ricardo Oliveira, mas o Bahia novamente empatou no último lance da partida. A atuação da defesa alvinegra foi duramente criticada pela torcida, mas, para Thiago Larghi, o time realizou um bom jogo.

- Foi uma grande partida, a gente fez um jogo bastante consciente, sabíamos da dificuldade. Nosso time ainda está reformulando, entrosamento ainda tá acontecendo. Gol (o primeiro do Bahia) foi impedido, outro no finalzinho. Fica um saldo positivo. A gente tem força, uma equipe forte. Vamos trabalhar para fazer um grande segundo semestre. (A defesa foi muito alterada) novamente, mas foram bem. Maidana foi bem, Juninho foi bem. Gabriel vai sempre bem, Patric... Enfim, acho que o saldo foi positivo.


Questionado sobre a presença de Leonardo Silva ser a principal no elenco mineiro mesmo com o jogador já estando na casa dos 39 anos, Larghi disse enxergar o zagueiro como uma peça de grande importância, mas dá seu voto de confiança em outros atletas da posição. Contra o Bahia, a dupla de zaga foi formada por Maidana e Gabriel, enquanto o zagueiro Juninho foi improvisado na lateral-esquerda ao lado de Patric.

- O Léo Silva é um grande jogador, um ídolo do clube, a gente sabe o quanto ele é importante, mas os jogadores que temos têm nossa confiança. Não é um jogador (que vai resolver). A gente tenta fortalecer nosso sistema coletivo como um todo. Todo mundo precisa colaborar. A gente vem trabalhando para melhorar o time como um todo.


O treinador também não se livrou de questionamentos sobre o último gol do jogo, a favor do Bahia. No lance, Patric tentou o corte de cabeça em um lançamento do Bahia dentro da grande área alvinegra, mas a bola voltou para o meio da área e encontrou Régis, que dominou com precisão e estufou as redes para garantir o empate em 2 a 2.

- Questão de concentração e de posicionamento. A gente vai rever o gol, ver se dava para evitar, direcionar o corte para outro lugar. Alguma bobeira aconteceu ali em termos de marcação. Empatamos coletivamente, ganhamos coletivamente, temos que consertar. Faz parte da melhoria da nossa equipe. Acreditamos que mostramos um bom futebol e que temos time para fazer uma boa campanha.

Pelo Campeonato Brasileiro, o Atlético-MG volta aos gramados na próxima segunda-feira, quando recebe o Internacional, às 20h, no Independência. Um dia antes, no domingo, o Bahia tem a difícil missão de enfrentar o Fluminense no duelo de tricolores que acontece às 19h, no Maracanã, no Rio de Janeiro.


E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance